conecte-se conosco


São Mateus

Petrocity apresenta ferrovia para lideranças de Minas Gerais

Publicado

em

SÃO MATEUS (ES) – Mais de 400 pessoas estão sendo esperadas no seminário que a Petrocity Portos S.A. apresentará nesta terça-feira (16 de abril), em Governador Valadares, para apresentar tanto o projeto do Centro Portuário de São Mateus, a ser construído em Urussuquara, quanto a nova Estrada de Ferro Minas –Espírito Santo, que ligará Sete Lagoas (MG), ao Norte de Belo Horizonte, ao novo porto, o único da região Sudeste dentro da área de incentivos da Sudene. O evento será realizado às 18 horas, no Parque de Exposições da cidade mineira, no portão 14.

Há duas semanas, o presidente da Petrocity Portos, José Roberto Barbosa da Silva, foi a Brasília protocolar, junto ao Ministério da Infraestrutura, o pedido de concessão da nova ferrovia, em traçado a ser definido pela companhia, oferecendo uma nova opção de logística para escoamento da produção da região Central do País, bem como para a interiorização de produtos de importação.

“Pedimos a concessão enquanto aguardamos o Congresso votar a PEC do senador José Serra estabelecendo novo regime no setor ferroviário. Se a PEC passar, empreendedores interessados em construir ferrovias precisarão apenas de uma autorização. Isso significa que a ferrovia autorizada será de propriedade privada e não do Governo. É nisso também que estamos apostando, mas temos que nos antecipar no regime atual e por isso solicitamos a concessão”, disse José Roberto.

A iniciativa de apresentar os dois projetos em Governador Valadares, com o apoio da prefeitura municipal, decorrer do grande interesse que passou a ser demonstrado pelas lideranças mineiras desde que uma representação de cerca de 30 líderes, entre deputados estaduais, federais, prefeitos, vereadores e empresários, participou da solenidade de assinatura de contratos para construção do porto, em janeiro, no Palácio Anchieta – sede do Executivo do Espírito Santo.

Na ocasião, o governador Renato Casagrande (PSB) também assinou um documento de entendimento com a Petrocity e manifestou seu apoio ao projeto, ressaltando sua vantagem competitiva e sua importância para o desenvolvimento não apenas do Norte-Noroeste capixaba, mas também com forte impacto sobre o Sul da Bahia e Leste de Minas Gerais.

“O projeto do Centro Portuário de São Mateus foi desenvolvido dentro de conceitos inteligentes de movimentação, integração e transbordo de cargas, objetivando redução de custos, segurança e dinâmica no transporte de cargas. A Estrada de Ferro Minas-Espírito Santo será uma ferrovia moderna, com um traçado alternativo que interligará Sete Lagoas a São Mateus. Essa plataforma logística, que unes os dois projetos com unidades de transbordo (UTACs) ao longo do trecho, garantirá a integração dos modais rodoviário e ferroviário de transporte, com o transbordo marítimo, de curto e longo percurso”, disse José Roberto.

O início da construção do porto, segundo o CEO da Petrocity, depende apenas da finalização do processo de licenciamento ambiental, que tramita no Instituto de Meio  Ambiente do Espírito Santo (IEMA). “Esta semana terminamos de entregar todas as informações complementares solicitadas pelo IEMA. Agora, não há mais nenhuma pendência de informação e aguardamos, ansiosos, a licença ambiental para que também seja expedida a licença de instalação”, disse José Roberto.

O assunto Petrocity, de acordo com Barbosa, tem monopolizado a região, como tem sido demonstrado pelos prefeitos e lideranças empresariais não apenas de São Mateus, mas também dos arredores. Na região Noroeste, a expectativa é, não apenas pelo porto, mas também pela ferrovia, para escoamento da produção de granito (o Espírito Santo hoje responde com mais de 50% da produção nacional de rochas ornamentais).

Nesta quinta-feira (11), José Roberto foi o ministrante de uma aula especial para alunos de todos os cursos de Engenharia do Centro Universitário do Norte do Espírito Santo (Ceunes), vinculado à Universidade Federal do Espírito Santo e sediado em São Mateus.


(*Série de reportagens produzidas pelo jornalista José Caldas da Costa sobre os impactos dos projetos da Petrocity na economia do Norte e Noroeste do Espírito Santo)

Comentários do Facebook
Leia mais:  Polícia Militar prende acusado de matar jovem na BR 101 em São Mateus
publicidade

São Mateus

Residencial Jacuí II entra em fase final de obras

Publicado

em

Obras do Jacuí II estão em ritmo acelerado

SÃO MATEUS (ES) – As obras do Residencial Jacuí II, no bairro Aviação, já estão em sua reta final. Através de máquinas de ponta e profissionais altamente capacitados, o residencial se encaminha para a conclusão de sua construção, com obras num ritmo acelerado.

Já foram realizadas a terraplanagem do local, a drenagem e a construção das redes elétrica, de esgoto e de água. Atualmente, o empreendimento se encontra em sua fase de pavimentação para, por fim, desenvolver o seu trabalho de paisagismo, que encerra o cronograma de obras.

Além de toda essa infraestrutura, o Residencial contará com entrada independente pela Av. Amocim Leite, extensa área verde, playground para as crianças e ciclovia. São 385 lotes a partir de 200 m² cada um. 

No site oficial da Soma Urbanismo, é possível acompanhar a evolução das obras do empreendimento, que, atualmente, está 76,3% concluído.  

Condições especiais

O Residencial Jacuí conta com lotes a partir de R$ 74.990,00. O cliente pode escolher entre pagar sinal de entrada + 36 x sem juros e sem correção ou optar por realizar o pagamento de um sinal + 60 meses com parcelas fixas. Também existe a modalidade de parcelamento em até 120x sem entrada e juros de 1% a.m + IGPM.

Outro diferencial é a opção do cliente parcelar a entrada do empreendimento em até 3x sem juros no cartão de crédito.

Ficha técnica

Nome do empreendimento: Residencial Jacuí II
Realização: Soma Urbanismo
Quantidade de lotes: 385
Metragem de cada lote: 200 m²
Diferenciais: infraestrutura completa (terraplanagem, drenagem, redes elétrica, de esgoto e água, pavimentação), extensa área verde com paisagismo, playground para crianças, ciclovia e entrada independente.

Preços:  a partir de R$ 74.990,00. O cliente poderá entrar com um sinal e parcelar o restante em 36 vezes sem juros e sem correção, em 60 vezes com juros e sem correção anual ou em até 120 vezes sem entrada + juros 1% a.m + IGPM.

Comentários do Facebook
Leia mais:  Espírito Santo tem alto risco de temporais e chuvas intensas em todas cidades
Continue lendo
Economia6 minutos atrás

CCJ retoma terça-feira (23) análise do parecer da reforma da Previdência

Pablo Valadares/Câmara dos Deputados Relator da reforma da Previdência, deputado Delegado Marcelo Freitas (PSL-MG) A Comissão de Constituição e Justiça...

Economia6 minutos atrás

Governo federal vai revisar patrocínios culturais da Petrobras, diz Bolsonaro

Reprodução/TV Brasil Bolsonaro desconfia da aplicação dos patrocínios da Petrobras O governo federal determinou a revisão dos contratos da Petrobras...

Mulher1 hora atrás

Como disfarçar olheiras? Maquiador de Rihanna dá 5 dicas infalíveis

Apesar de não existir uma fórmula mágica para  clarear as manchas  que surgem em baixo dos olhos, sempre há aquele...

Nacional2 horas atrás

Enfermeiro estupra e mata menina de 5 anos dentro de hospital

A Polícia Civil do Amazonas prendeu em Atalaia do Norte, na manhã de quarta-feira (17), por volta das 9h30, o...

Nacional2 horas atrás

Padastro mata enteada de 1 ano com socos na cabeça e na nuca

Um homem de 21 anos foi preso após confessar ter matado sua enteada de 1 ano e 3 meses na...

Estadual2 horas atrás

Mãe abandona filho de 8 anos em Terminal de ônibus no ES: “Cansei dele”

CARIACICA (ES) – Uma mulher de 26 anos abandonou o filho, de 8 anos, no Terminal de Itacibá, por volta...

Estadual2 horas atrás

Dona de casa ‘dá garrafada’ no marido e leva três tiros no ES

Uma dona de casa de 26 anos, foi baleada na madrugada deste sábado (20), após agredir o marido – um...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana