conecte-se conosco


Meio Ambiente

Polícia Ambiental apreende rede e pescado em operação

Publicado

em

SÃO MATEUS (ES) – Nesta quarta-feira (30), policiais militares da 3ª Companhia do Batalhão de Polícia Militar Ambiental (BPMA) realizaram uma operação embarcada por toda a extensão do Rio Cricaré e do Rio Mariricu, com o objetivo de prevenir e reprimir pesca ilegal.

Durante o patrulhamento, foi apreendido um total de 970 metros de rede de pesca, modalidade espera, e 4,5 kg de pescados diversos que se encontravam presos às redes em diferentes pontos dos rios, até sua foz, no município de Conceição da Barra.

Segundo o comandante da 3ª Companhia Ambiental, capitão Fabrício Pereira Rocha, está em vigor o período da Piracema no Estado do Espirito Santo, compreendido entre 01 de novembro de 2018 a 29 de fevereiro de 2019, conforme dispõe a Instrução Normativa nº 195/08 do Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (IBAMA), e, ainda, tendo em vista o disposto no artigo 34 da lei federal 9.605/98, que proíbe a pesca neste período.

Segundo o oficial, durante a Piracema, o Batalhão de Polícia Militar Ambiental (BPMA) vem realizando fiscalização diária em rios, lagoas e cachoeiras em todo o estado. “O esforço dos peixes contra correnteza é essencial para a desova, marcada por uma jornada cheia de perigos, tanto de predadores como de obstáculos naturais, a exemplo das cachoeiras, tornando-os ainda mais vulneráveis, as espécies ficam sujeita a pesca predatória”.

Todo o material apreendido foi encaminhado para o plantão policial de São Mateus.

Comentários do Facebook
Leia mais:  Saiba quantas horas deve dormir por dia conforme a sua idade
publicidade

Meio Ambiente

Plástico e resto de cigarro são mais de 90% dos resíduos vistos no mar

Publicado

em

Plástico nas praias
Fernando Frazão/Agência Brasil
Segundo dados da Abrelpe, ambos correspondem a 52,4% e 40,4%, respectivamente, do número de objetos coletados

Materiais de plástico e restos de cigarro representam mais de 90% dos resíduos encontrados no ambiente marinho brasileiro, segundo diagnóstico divulgado nesta quinta-feira (4) pela Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais (Abrelpe). Ambos correspondem a 52,4% e 40,4%, respectivamente, do número de objetos coletados.

Dados internacionais mostram que, no exterior, os materiais de plástico também são os mais recolhidos em ambientes marinhos (45,5%), seguidos das bitucas e filtros de cigarro (28%).

O estudo aponta ainda que as áreas de ocupação irregular, os sistemas de drenagem e a orla das praias são as principais fontes de vazamento de lixo para o mar . Para o presidente da Abrelpe , Carlos Silva Filho, a partir do diagnóstico, é preciso desenvolver ações para evitar a poluição do mar.

“O primeiro ponto que a gente percebe é que muitos desses resíduos vêm das áreas de ocupação irregular, então esse seria o ponto de atenção prioritária que deve ser verificado no sentido de disponibilizar melhor infraestrutura de coleta desses materiais nessas áreas e engajar a população para que realmente esses resíduos não sejam lançados no mar”, disse.

Coleta nas praias

Ele ressalta que é necessário disponibilizar também melhor infraestrutura de coleta nas praias, para que usuários não lancem resíduos na areia.

A entidade apresentou indicadores internacionais mostrando que 80% do lixo marinho têm origem no ambiente terrestre. Diante disso, a Abrelpe abriu edital para selecionar e trabalhar em parceria com quatro municípios da costa brasileira visando evitar a poluição do mar.

O edital faz parte do projeto de prevenção e combate à poluição marinha , coordenado pela Abrelpe, fruto de um acordo de cooperação com a ISWA (Associação Internacional de Resíduos Sólidos), com apoio da Agência de Proteção Ambiental da Suécia.

O objetivo é, além de identificar as fontes de vazamento do lixo e tipos de resíduos encontrados nos oceanos , dar assistência técnica aos municípios para o aprimoramento da gestão de resíduos sólidos em terra, como forma de prevenir o lixo no mar.

“Esse projeto só funciona em parceria com os municípios, essa é uma premissa fundamental, porque é o município que tem que disponibilizar essa infraestrutura tanto nas áre“as de ocupação como nas praias, e o município tem que ser o agente de fomento dessa conscientização e desse engajamento da população. Isso é fundamental”, disse Silva Filho.

“Nossa ideia é fornecer todos os elementos para a cidade, capacitar as cidades e depois que eles possam desenvolver esse programa de maneira independente”, afirmou.

No Brasil , são 274 municípios costeiros que podem ser fonte de poluição marinha.

Poluição no mar

“Há um grande volume de resíduos que diariamente sem destinação adequada no Brasil, e acabam sendo abandonados nas vias públicas, depositados em lixões, em áreas de preservação, e terminam no mar, causando todo tipo de contaminação”, disse Silva Filho.

Cerca de 2 milhões de toneladas de resíduos no país vão parar nos oceanos todos os anos, segundo levantamento da Abrelpe a partir dos dados do Panorama dos Resíduos Sólidos no Brasil 2017.

Esse volume equivale a cobrir 7 mil campos de futebol ou encher 30 estádios do Maracanã da base até o topo.

Fonte: IG Política
Comentários do Facebook
Leia mais:  Procon-ES capacita profissionais de São Mateus para fiscalizar postos de combustíveis
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie
Esportes31 minutos atrás

Confira a agenda do futebol desta terça-feira, dia 23 de julho de 2019

arrow-options Rudy Trindade / FramePhoto / Agência O Globo Palmeiras entra em campo pela Libertadores nesta terça A agenda do...

Nacional32 minutos atrás

Apagão atinge Venezuela; governo fala em ‘ataque eletromagnético’

arrow-options Reprodução/Twitter Diversos prédios ficaram sem luz após o apagão geral desta segunda-feira Um apagão de energia elétrica atingiu a...

Nacional2 horas atrás

São Paulo tem dia ensolarado e campanha de vacinação contra gripe na estação Sé

arrow-options shutterstock Metrô tem campanha de vacinação gratuita nesta semana A previsão do tempo para São Paulo indica máxima de...

Nacional3 horas atrás

Temperaturas voltam a aumentar e São Paulo tem máxima de 27ºC nesta terça

arrow-options Larissa Pereira/ iG São Paulo Pôr do sol na estação Tamanduateí, em São Paulo Após uma semana com baixas...

Tecnologia4 horas atrás

WhatsApp chega para celulares KaiOs: básicos e com preços acessíveis

arrow-options shutterstock whatsapp Nesta segunda-feira (22), o sistema operacional  KaiOS anunciou  via Twitter uma parceria com o Facebook para disponibilizar...

Tecnologia4 horas atrás

Uber começa a testar serviço mensal de assinatura para todos seus aplicativos

arrow-options shutterstock Uber testa serviço de assinaturas O próximo passo para a Uber fidelizar seus clientes será em forma de...

Esportes6 horas atrás

São Paulo goleia Chape e reencontra caminho das vitórias no Brasileirão

Depois de mais de dois meses, o São Paulo reencontrou o caminho das vitórias no Brasileiro. Nesta segunda-feira, o Tricolor...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana