conecte-se conosco


Mulher

Você sabe como cuidar do cabelo? Especialista responde 8 dúvidas e dá dicas

Publicado

em

A exposição frequente ao sol e o contato com a água do mar e da piscina são praticamente inevitáveis nesta época do ano. Além dos cuidados com o corpo , os fios também merecem uma atenção especial. Diante disso, saber como cuidar do cabelo no verão é fundamental para que ele fique sempre bonito e não apresente queda, quebra e nem fique ressecado e sem vida.


Especialista dá dicas e responde as dúvidas mais comum que ensinam a como cuidar do cabelo do verão; veja as respostas
shutterstock

Especialista dá dicas e responde as dúvidas mais comum que ensinam a como cuidar do cabelo do verão; veja as respostas

Para aprender a como cuidar do cabelo nesta estação, Jane Alves, hairdresser do salão Lefil Beauty, respondeu algumas dúvidas comuns e traz a solução para tantos problemas. As respostas mostram que engana-se quem pensa que apenas os processos químicos, como a escova progressiva e a mudança de cor, são os únicos responsáveis pelos danos capilares. 

De fato, o verão pode prejudicar – e muito – as madeixas. Entretanto, com as ações corretas, dá para deixar os fios sempre bonitos, brilhosos e, principalmente, saudáveis. Veja as questões e saiba quais dicas seguir.

1. Prender o cabelo em excesso faz mal? 


Prender o cabelo é uma prática muito comum no calor, mas é preciso atenção em como cuidar do cabelo nesta época
shutterstock

Prender o cabelo é uma prática muito comum no calor, mas é preciso atenção em como cuidar do cabelo nesta época

Não há com negar que prender os fios com um rabo de cavalo, por exemplo, ajuda a lidar com as altas temperaturas. No entanto, torna-se prejudicial quando feito com frequência, em especial quando os fios estão molhados. Acontece que, a curto prazo, os prendedores podem quebrá-los e deixá-los mais fracos. 

“Já no longo prazo, a tração constante pode provocar queda capilar. Então o melhor é evitar, principalmente os prendedores de silicone, os de borracha ou os grampos. Mas se o calor for muito, uma alternativa é usar os ‘hashis’ de madeira ou plásticos”, explica a profissional. 

Leia mais:  Mulher aborta e marido quer voltar a ter relações sexuais: “Nãome sinto pronta”

2.Quais os danos causados pelo sol? 


O sol pode danificar os fios e, por isso, além de saber como cuidar do cabelo, é importante seguir as dicas da especialista
shutterstock

O sol pode danificar os fios e, por isso, além de saber como cuidar do cabelo, é importante seguir as dicas da especialista

A luz solar danifica as proteínas do cabelo e pode causar desde descoloração até a redução da força e perda de brilho. “Para protegê-lo, o ideal é utilizar um leave-in que conte com filtro solar de, no mínimo, FPS 50 e que deve ser reaplicado a cada duas horas”, recomenda a hairdresser. 

3. Como cuidar do cabelo após sair da piscina ou do mar? 


O mar e a piscina são capazes de trazer danos aos fios. Para evitar esses problemas, Jane ensina como cuidar do cabelo
shutterstock

O mar e a piscina são capazes de trazer danos aos fios. Para evitar esses problemas, Jane ensina como cuidar do cabelo

Depois de voltar da piscina ou do mar, a dica é passar por uma ducha e aplicar um hidratante para os fios em spray ou água termal. Também é importante reaplicar o leave-in com filtro solar. Isso porque toda vez que o cabelo é exposto à areia, ao cloro e à água ocorre um dano à estrutura da cutícula, podendo mudar a coloração e deixá-lo mais fino. 

4. Qual a frequência das lavagens no verão? 


A lavagem também está na lista de itens que ajudam e mostram como cuidar do cabelo; no verão, ajuda a refrescar
shutterstock

A lavagem também está na lista de itens que ajudam e mostram como cuidar do cabelo; no verão, ajuda a refrescar

Muita gente acredita que lavar o cabelo todos os dias é prejudicial à saúde, mas, na verdade, isso está incorreto. De acordo com a profissional, não há um número certo de vezes para lavá-lo. Tudo vai depender da necessidade de cada um. “Os secos, por exemplo, precisam ser menos lavados e altamente hidratados, enquanto os oleosos devem ser limpos mais frequentemente para retirar o excesso de oleosidade e impurezas”, pontua. 

Leia mais:  Casa barata: empresa reforma trailer para criar moradia acessível

Em todos os casos, o recomendável é não usar água quente, pois pode deixar os fios frágeis e secos. O ideal é usar a temperatura morna e, além disso, realizar um último enxágue com a fria para, dessa forma, fechar as cutículas. 

5. É comum as madeixas ficarem mais oleosas nessa época? 


O calor estimula a produção de sebo e, por isso, ter conhecimentos de como cuidar do cabelo é essencial para tratá-lo
shutterstock

O calor estimula a produção de sebo e, por isso, ter conhecimentos de como cuidar do cabelo é essencial para tratá-lo

Por mais que essa não seja uma boa notícia, a resposta é sim. O calor estimula a produção de sebo nessa área. E, como o couro cabeludo já tende a ser mais oleoso, é importante tomar cuidado quando for aplicar o condicionador.

O produto pode deixar a  região mais oleosa e causar queda e caspa por conta da obstrução da raiz – e, por isso, deve ser usado somente no comprimento e nas pontas. 

6. Como reverter a falta de brilho e o ressecamento? 


O ressecamento e a falta de brilho são problemas comuns no verão, mas dá para reverter sabendo como cuidar do cabelo
shutterstock

O ressecamento e a falta de brilho são problemas comuns no verão, mas dá para reverter sabendo como cuidar do cabelo

O segredo é usar uma máscara de hidratação a cada 15 dias. “O produto é capaz de repor os nutrientes necessários de forma mais intensa que o condicionador, conferindo força, maciez e brilho. No verão , o ideal é alternar entre uma reconstrutora e uma nutritiva. Enquanto a primeira vai ajudar a deixar os fios mais firmes e fortes, a segunda vai torná-los mais brilhosos e macios”, salienta Jane. 

7. Pode dormir com o cabelo molhado? 


O secador não é querido nessa época, mas dormir com os fios molhados não está na lista de como cuidar do cabelo
shutterstock

O secador não é querido nessa época, mas dormir com os fios molhados não está na lista de como cuidar do cabelo

Não! Dormir com ele ainda úmido compromete a saúde capilar , deixando-o mais frágil e quebradiço em contato com o travesseiro. Além disso, favorece o aparecimento de caspa e acelera a queda. 

Leia mais:  Cortar carboidrato pode diminuir expectativa de vida, diz estudo

8. Como recuperar a vitalidade dos fios que sofreram danos? 


O cronograma capilar está entre as atividades que ajudam a como cuidar do cabelo e recupera a vitalidade dos fios
shutterstock

O cronograma capilar está entre as atividades que ajudam a como cuidar do cabelo e recupera a vitalidade dos fios

O cuidado com o cabelo deve acontecer durante todo o ano. E o melhor tratamento para recuperar um que sofreu danos é apostar no cronograma capilar . O processo reconstrói, nutre, estabiliza o pH e devolve a queratina e a umidade natural do fio, além de fechar a cutícula para evitar uma perda ainda maior de nutrientes. 

Já em casos mais extremos, em que o fio está gravemente danificado, Jane explica que a única alternativa é realizar o corte. Por outro lado, tirar alguns centímetros do comprimento é o pesadelo de muitas mulheres e, justamente por isso, o melhor a se fazer é ter cautela e saber como cuidar do cabelo para que fique sempre do seu gosto, além de saudável e cheio de vida. 

Comentários do Facebook
publicidade

Mulher

Mulher descobre noivo no Tinder e cancela casamento 48 horas antes da festa

Publicado

em

Depois de sete anos de namoro, a australiana Tiana – que só teve o primeiro nome revelado -, estava eufórica com a proximidade do tão sonhado casamento. No entanto, o grande dia nunca chegou. Isso porque 48 horas antes da data escolhida para ambos dizerem “sim”, ela terminou o noivado depois que descobriu que seu parceiro a enganava e mantinha um perfil no Tinder.

Leia também: Mulher descobre mensagens de namorado com amante e expõe traição no Twitter


Após descobrir que o noivo tem um perfil no Tinder, a mulher decidiu cancelar o casamento; veja detalhes
shutterstock

Após descobrir que o noivo tem um perfil no Tinder, a mulher decidiu cancelar o casamento; veja detalhes

Ao site “9Honey”, Tiana conta que no  perfil no Tinder , o ex-namorado, Matt, se descrevia como um homem solteiro e à procura de relacionamentos com outras mulheres. A descoberta deixou a australiana arrasada, já que, depois de tantos altos e baixos durante quase uma década, ela não esperava que o rapaz faria algo desse tipo com ela.

Ela afirma que apesar de eles terem tido alguns desentendimentos relacionados a lista de convidados, festa nupcial e local do casamento, nada indicava uma traição – ou tentativa disso.

“Minha melhor amiga Anne me chamou de lado e disse que precisava falar comigo”, detalha Tiana. “O que ela me mostrou me chocou tanto que ainda não consigo acreditar”, conta.

Ela admite que no começo não reconheceu Matt no aplicativo, mas depois de passar por várias fotos, ficou claro que era ele. “A maneira como ele se descreveu foi como se ele fosse um homem jovem e solteiro, em busca de novidade”, diz a mulher.

Sem escolha, ela não via mais motivo de continuar com o


casamento


e precisou cancelar tudo dois dias antes da festa. A responsabilidade de explicar o motivo do término ficou para Matt: “Pedi que todos perguntassem a ele a razão pela qual cancelamos o casamento”. 

Leia mais:  Cantinho da leitura: veja dicas para guardar seus livrosocupando pouco espaço

Leia também: Pesquisa aponta que a diversão é a principal motivação para a traição

Perfil no Tinder é comum entre pessoas comprometidas


Dá para acreditar que perfil no Tinder entre pessoas comprometidas é mais comum do que se pode imaginar?
shutterstock

Dá para acreditar que perfil no Tinder entre pessoas comprometidas é mais comum do que se pode imaginar?

Casos como o da australiana são mais comuns do que se imagina. Uma pesquisa realizada no Reino Unido em setembro de 2017 revelou as estatísticas dos que admitem usar um aplicativo de namoro enquanto estão em um relacionamento.

A pesquisa ouviu 2.100 pessoas entrevistadas pela empresa britânica de advocacia Slater e Gordon Lawyers, depois que a companhia citou o uso de aplicativos de namoro em processos de divórcio.

Os dados mostraram que 35% dos entrevistados admitiram usar um aplicativo de namoro mesmo estando em um relacionamento, sendo que os homens eram os mais propensos a terem esse tipo de atitude do que as mulheres.

O público masculino citava o tédio, a vida sexual e as discussões como razões para buscar novas aventuras, enquanto as mulheres diziam que a falta de atenção frequente fazia com que elas se interessassem por aplicativos do tipo.

Leia também: Especialista afirma o verão é a época mais propensa para a traição; veja motivo

Quando questionados sobre o que eles fariam se descobrissem que o parceiro ou parceira tem um perfil no Tinder , 74% respondeu que consideraria o divórcio, enquanto 51% afirmou que abandonaria o namorado ou namorada imediatamente. E você, o que faria? Deixe sua opinião nos comentários.

Comentários do Facebook
Continue lendo

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana