conecte-se conosco


São Mateus

Vereadores decidem apreciar Orçamento 2020 com maior prazo

Publicado

em

Por 6 votos a 3, o plenário da Câmara de São Mateus decidiram pelo andamento do Projeto de Lei 024/2019 que estima a receita e fixa a despesa do Município para o exercício financeiro do ano que vem em rito ordinário em vez de urgência urgentíssima, como solicitava o pedido do Executivo.

A decisão da maioria propiciou ao Parlamento ampliar de 45 para 60 dias o prazo máximo de análise do Orçamento 2020, estimado em R$ 305 milhões, sendo a maior dotação destinada à Secretaria Municipal de Educação: R$113 milhões. A pasta com a menor previsão é a Secretaria de Governo, para a qual são previstos R$ 250 mil.

Na opinião da maioria dos vereadores, o andamento do PL 024/2019 em regime ordinário dará mais tempo para apreciar a peça orçamentária e incluir as emendas dos parlamentares ao projeto. “É prudente que a gente vote em caráter ordinário, até porque estamos falando do orçamento”, disse Jozail do Bombeiro.

Apesar de defender a urgência na votação, o líder do prefeito, Francisco Amaro não se opôs. “Se a gente votasse em regime de urgência até aceleraria também para que a gente pudesse ganhar tempo nas emendas. Mas não vejo tanta diferença no prazo de 15 dias, pois a Câmara não sairá de recesso sem votar o Orçamento”, disse o vereador.

“Acho que não é necessário ser urgente, a gente sabe o prazo que a gente tem e dá um pouco mais de tranquilidade para fazer as emendas. Só que tem que ter consciência que precisa fazer essas emendas o mais rápido possível. De repente ter um prazo para apresentá-las”, sugeriu Jaciara Teixeira.

Carlos Alberto concordou com a sugestão e também defendeu o trâmite ordinário. “Com 45 dias não se vota um orçamento. Entendo também que a gente tem que determinar um prazo e sentar com os vereadores para definir as emendas, disse Carlos Alberto.

“Nós temos que fazer uma análise melhor deste projeto. Na próxima sessão já vamos estipular uma data para os vereadores apresentarem suas emendas ao orçamento”, informou Jorge Recla, presidente da Câmara.

 

Leia mais:  Ladrões fazem a festa: três carros roubados em São Mateus

Comentários do Facebook
publicidade

São Mateus

Diretor da PetroCity garante construção de Porto em São Mateus

Publicado

em

Com o apoio de líderes comunitários e empresariais, o presidente do grupo PetroCity, José Roberto Barbosa, garantiu nesta tarde de terça-feira (21) a construção do Complexo Portuário de São Mateus, em Urussuquara, na região sul do litoral do município.

A declaração ocorreu em função da divulgação semana passada informando que o Instituto Estadual de Meio Ambiente (IEMA) teria se manifestado contrário à liberação de licença ambiental para liberação do início das obras. José Roberto concedeu entrevista à imprensa de São Mateus e informou que, devido ao atraso na liberação, já projeta prejuízos de milhões para o grupo PetroCity.

José Roberto Barbosa, presidente do grupo PetroCity

Na entrevista concedida em um hotel na chegada de São Mateus, José Roberto, além de garantir a construção do Complexo Portuário, revelou que existem interesses ocultos em prejudicar a efetivação do investimento em São Mateus e atribuiu ao presidente da Federação das Indústrias do Espírito Santo notícias que inviabilizariam o empreendimento, “o que não corresponde com a verdade”, disse.

Presidente da Câmara de Vereadores de São Mateus, Jorge Recla

APOIO
Acompanharam a entrevista empresários, políticos e lideranças da região de Urussuquara, Nativo e Campo Grande, que serão beneficiadas com a construção do porto, bem como o presidente da Câmara de Vereadores de São Mateus, Jorginho Cabeção, que reiterou total apoio ao empreendimento.

O vereador disse que “existem manobras políticas para tirar o porto de São Mateus, mas que isso não vai acontecer. Iremos até as últimas consequências para evitar que isso ocorra. A construção do porto vai transformar o município o maior polo empresarial do Norte Capixaba”, prevê Jorginho Cabeção.

José Roberto informou que o corpo jurídico da PetroCity está se movimentando no sentido de recorrer ao Instituto Brasileiro de meio Ambiente (Ibama) para que o órgão passe a ser o responsável pela liberação da licença para início das obras, caso o Iema continue protelando a liberação. “A cada dia que passa estaremos perdendo tempo e o projeto fica prejudicado. Além de milhões investidos, estamos também com o projeto trazendo milhares de empregos diretos e indiretos para São Mateus e região”, desabafou o diretor.

Lideranças comunitárias de Urussuquara, Nativo e Campo Grande, que participaram da entrevista coletiva com José Roberto, garantiram que toda a região será beneficiada com a construção do porto, com geração de emprego e valorização imobiliária. “Estamos aqui para garantir que o porto tem todo o nosso apoio”, revelou Adeci de Sena, um dos líderes.

Jacimar Zanelato, da Assenor (Associação Empresarial Litoral do Norte do Espírito Santo), também participou do encontro e manifestou total apoio ao empreendimento, o mesmo acontecendo com o empresário Cássio Caldeira. “O porto para nós é uma imensa necessidade”, disse.

Comentários do Facebook
Leia mais:  PM flagra venda de drogas na praça de Guriri
Continue lendo
Política2 horas atrás

‘Acredito em príncipe encantado’, diz Damares Alves sobre busca por marido

arrow-options Divulgação/Presidência da República Ministra Damares Alves A ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos , Damares Alves...

Nacional2 horas atrás

Criminalizar Glenn Greenwald é escalar rumo ao autoritarismo, defendem advogados

arrow-options Aloisio Mauricio/Fotoarena/Agência O Globo – 27.8.19 Jornalista Glenn Greenwald foi denunciado pelo MPF A denúncia do Ministério Público Federal...

Nacional2 horas atrás

Brasil volta a registrar morte por febre hemorrágica após 20 anos

arrow-options iStock Febre hemorrágica atinge Brasil após 20 anos. A febre hemorrágica não era diagnosticada no país havia mais de...

Agricultura3 horas atrás

Novo episódio do Mapacast fala sobre Programa Nacional de Controle de Resíduos e Contaminantes em Produtos de Origem Vegetal

O coordenador-geral de Qualidade Vegetal, Hugo Caruso, fala sobre o Programa Nacional de Controle de Resíduos e Contaminantes em Produtos...

Esportes3 horas atrás

Palmeiras vence Santos na Copa Santiago

O Palmeiras derrotou o Santos nesta terça (21) por 3 a 0 em jogo válido pelo grupo B da 32ª...

Saúde3 horas atrás

Arenavírus: pessoas que tiveram contato com paciente são monitoradas

O Ministério da Saúde (MS) tranquilizou a população sobre a transmissão de febre hemorrágica no país. Em entrevista à imprensa...

Saúde3 horas atrás

Laboratórios recolhem medicamentos para úlcera no estômago

Os laboratórios Medley e Aché decidiram recolher lotes de medicamentos com cloridrato de renitidina por suspeita de uma possível contaminação...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana