Connect with us

São Mateus

Vereadores de São Mateus rejeitam projeto que aumentava taxa de iluminação pública

Published

on

SÃO MATEUS (ES) – Por maioria dos votos, a Câmara de São Mateus rejeitou o Projeto de Lei Complementar (PLC) nº001/2018 que permitia o Executivo reajustar a taxa de iluminação pública no município de São Mateus.
Na proposta, o aumento chegava a 30% em alguns casos e tirava a isenção para consumidores de até 70 KWH. Na sessão de terça, 24, O PLC foi a votação do plenário, mesmo já tendo sido rejeitado na Comissão de Constituição, Justiça, Diretos Humanos, Cidadania e Redação e mais uma vez, foi derrubado, com oito votos contrários (Ajalirio Caldeira – PHS, Antônio Luiz Cardoso – PRTB, Aquiles Moreira – PMN, Jaciara Teixeira – PT, Jerri Pereira – PRTB, Jorge Recla – PRB, Jozail do Bombeiro – PRB e Paulo Chagas – PT) e dois favoráveis (Francisco Amaro – Avante e Doda Mendonça – PRB).
“Entendemos que o reajuste na tarifa nunca foi feito e que o município precisa aumentar sua arrecadação, mas isso não pode ser feito nas costas da população. O momento em que estamos passando não é o mais apropriado para reajustes, o que devemos debater são oportunidades de emprego e não aumento em tarifas”, destacou o relator do PLC na Comissão de Justiça, vereador Jerri Pereira.
Na mesma linha de pensamento, votou contrária ao PLC, a vereadora Jaciara Teixeira (PT). “Além da crise financeira e política que passa o país, outro detalhe é que esse projeto tirava a isenção de um grupo que hoje não paga iluminação pública. Como poderíamos aprovar esse projeto?”, questionou.

Discussão
Antes da votação do PLC, os vereadores Francisco Amaro de Alencar Oliveira, líder do governo na Câmara e Doda Mendonça, relator do projeto na Comissão de Finanças, Orçamento e Fiscalização pediram vista, por duas sessões, pedido que foi negado pelo presidente.

“O Regimento Interno permite o pedido de adiamento da votação, entendo a preocupação dos vereadores, mas indeferi o pedido porque tenho um mando de segurança, impetrado contra mim, em que o prefeito alega que eu estava engavetando oito projetos, entre eles, esse do reajuste da tarifa. Me comprometi com o Judiciário em dar celeridade a votação de todos os projetos, mesmo já estando todos eles nas Comissões Permanentes, e é isso que estamos fazendo. O projeto foi rejeitado, pela maioria, porque fere os interesses da população e porque põe na conta do cidadão, um dever que é da municipalidade”, frisou Carlos Alberto Gomes Alves (PSB), presidente da Casa.

Comente Abaixo
Economia12 minutos ago

Dia dos Pais: consumidores procuram mais eletrônicos, segundo OLX

Luciano Rodrigues Segmentos avaliados tiveram crescimento médio de 7% em vendas por meio da plataforma A OLX, uma das maiores...

Tecnologia12 minutos ago

CEO do Telegram culpa Apple por demora em atualização ‘revolucionária’

Unsplash/Christian Wiediger Telegram ficou com atualização “presa” na App Store, diz CEO Não é novidade que a App Store tem um processo...

Tecnologia41 minutos ago

5G deve demorar dois anos para atingir cobertura total em capitais

Unsplash/Jenny Ueberberg 5G ainda pode demorar a atingir todos os pontos das principais cidades brasileiras As capitais brasileiras ainda podem...

Nacional42 minutos ago

Frio: cidade de São Paulo registra recordes de baixa temperatura

Rovena Rosa/Agência Brasil – 18/07/2017 Madrugada e manhã desta quinta (11) foram de frio intenso em São Paulo O Centro...

Economia42 minutos ago

Consignado do INSS: portabilidade pode reduzir juros; entenda

Martha Imenes Consignado do INSS: portabilidade pode reduzir juros; entenda Aposentados e pensionistas do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social)...

Economia42 minutos ago

RJ: preços de arroz e feijão caem em média 4% após corte no ICMS

Reprodução: iG Minas Gerais Após isenção do ICMS, preço de arroz e feijão registra queda de 4% no Rio de...

Carros e Motos42 minutos ago

Honda Forza 350: aceleramos o estiloso scooter da linha 2023

Divulgação O Honda Forza 350 pode enfrentar uma viagem com conforto e segurança Esses simpáticos e queridos pequenos veículos sempre...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana