conecte-se conosco



Nacional

Venezuela: Bolsonaro culpa “esquerda” e Guaidó pede eleições livres em discurso

Publicado

em


Autoproclamado presidente interino da Venezuela, Juan Guaidó veio ao Brasil para fortalecer aliança anti-Maduro
Marcelo Camargo/Agência Brasil – 28.2.19
Autoproclamado presidente interino da Venezuela, Juan Guaidó veio ao Brasil para fortalecer aliança anti-Maduro

O presidente Jair Bolsonaro e o autoproclamado presidente interino da Venezuela, Juan Guaidó fizeram um pronunciamento conjunto após reunião em Brasília, no início da tarde desta quinta-feira (28). Os dois endureceram o discurso contra o governo de Nicolás Maduro e o brasileiro fez um “mea culpa” ao falar que os governos anteriores do País também eram responsáveis pela crise na nação vizinha.

Leia também: “Nenhum filho meu manda no governo”, afirma Bolsonaro

Guaidó foi o primeiro a se pronunciar e denunciou a violência do regime de Maduro contra os opositores e os povos indígenas da Venezuela
. Ele clamou por “eleições livres” e pelo fim da truculência estatal. Ele ainda agradeceu o Brasil, a Colômbia e a comunidade internacional por denunciar o governo Maduro. “Essa reunião marca um relacionamento positivo entre Venezuela, Brasil e a região após a cúpula histórica do Grupo de Lima, em Bogotá”, disse Guaidó.

“Em nosso encontro com os embaixadores dos países da União Europeia, continuamos a fortalecer as relações com nações que reconheceram nossos esforços para recuperar a democracia na Venezuela e obter eleições livres. Apreciamos o forte apoio internacional dado à nossa rota e apoio à ajuda humanitária. É hora de avançar para conseguir a cessação da usurpação que porá fim à crise na Venezuela, recuperará nosso país e estabilizará a região.”

Na sua vez, Bolsonaro fez questão de culpar a “esquerda” pela crise econômica no país vizinho. “Tenho que fazer um ‘mea culpa’ aqui, pois os dois últimos presidentes do Brasil também tiveram culpa pelo que está acontecendo na Venezuela”, disse o brasileiro, em referência aos governos petistas de Lula e Dilma Rousseff. Ele ainda disse que o “Brasil estava indo pelo mesmo caminho, mas, felizmente, ‘acordou’”.

Depois, o venezuelano respondeu perguntas e revelou que está sendo ameaçado por membros do governo de Maduro. Guaidó disse que volta ao seu país natal até a próxima segunda-feira (4). “Voltarei à Caracas nos próximos dias apesar das ameaças”, disse. 

Apesar de o Brasil reconhecer Guaidó como presidente interino da Venezuela, o encontro não é considerado uma visita de Estado e acontece no gabinete de Bolsonaro. O também presidente da Assembleia Nacional da Venezuela ainda deve se encontrar com o presidente do Congresso Nacional, senador Davi Alcolumbre (DEM-AP). Ele volta à Venezuela até a segunda-feira.

Guaidó chegou ao Brasil na madrugada desta quinta. Em sua conta pessoal no Twitter, ele disse que veio ao Brasil em busca de apoio para a transição de governo na Venezuela. Antes do encontro com Bolsonaro, ele esteve com representantes diplomáticos de outros países no escritório da delegação da União Europeia, em Brasília.

“Em nosso encontro com os embaixadores dos países da União Europeia, continuamos a fortalecer as relações com nações que reconheceram nossos esforços para recuperar a democracia na Venezuela e obter eleições livres”, escreveu. “Apreciamos o forte apoio internacional dado à nossa rota e apoio à ajuda humanitária. É hora de avançar para conseguir a cessação da usurpação que porá fim à crise na Venezuela, recuperará nosso país e estabilizará a região”, completou.

Leia também: Consultor de Witzel é preso em operação contra policiais suspeitos de extorsão

Mais cedo, também pelo Twitter, o ministro Ernesto Araújo disse que a diplomacia brasileira continua com seu “apoio irreversível e incondicional à libertação” do país vizinho.

No mês passado, o Tribunal Supremo de Justiça proibiu Guaidó de deixar a Venezuela e congelou suas contas. A Corte atendeu a um pedido do procurador-geral da Venezuela, Tarek William Saab, aliado do presidente Nicolás Maduro. Apesar da decisão judicial, o presidente interino foi à Colômbia para articular a entrega de ajuda humanitária na fronteira e participar do encontro do Grupo de Lima, em Bogotá. Mesmo correndo risco de ser preso, ele prometeu retornar à Venezuela
em breve.

Comentários do Facebook

Nacional

Rio distribui preservativos, álcool em gel e protetor solar para foliões

Publicado

em

source
camisinha arrow-options
CONTRACEPTIVE/REPRODUÇÃO

Governo do Rio distribui preservativos, álcool em gel e protetor solar durante o carnaval

Durante o Carnaval deste ano, a Secretaria de Estado de Saúde (SES) do Rio de Janeiro está com uma campanha de distribuição de 100 mil camisinhas, 200 mil doses de protetor solar e 150 mil doses de álcool em gel. O objetivo é garantir ao folião uma festa sem sustos nem arrependimentos.

Leia também: Cerveja vendida nos bloquinhos de SP é até 48% mais cara do que em supermercados

Na Marquês de Sapucaí , por exemplo, nos dias de desfile, o governo distribui 90 mil preservativos, o restante, em blocos de rua. Totens com protetor solar também estão espalhados pela orla de Copacabana, Ipanema, Leblon e Barra da Tijuca, em blocos e locais de grande circulação, como a Rodoviária do Rio.

Ao todo, são 28 pontos fixos e cinco itinerantes. Promotores da SES estarão nos blocos da Anitta , Fervo da Lud, Carrossel de Emoções, Cordão do Boitatá, Carioca da Gema, Sargento Pimenta e Orquestra Voadora, onde serão oferecidos preservativos e protetor solar. Já os 24 totens de álcool em gel estão posicionados nas rodoviárias do Rio e Cabo Frio, além de um na Sapucaí. 

Leia também: Bancos terão programação especial entre segunda e quarta por conta do carnaval

De acordo com o secretário da pasta Edmar Santos, as ações ajudam a proteger a população. “É fundamental que a gestão em saúde pública seja transversal e que tenha cada vez mais o olhar de promoção e prevenção em saúde. Queremos que essa festa seja curtida da melhor forma possível”, afirma.

Comentários do Facebook
Continue lendo
Nacional4 minutos atrás

Rio distribui preservativos, álcool em gel e protetor solar para foliões

arrow-options CONTRACEPTIVE/REPRODUÇÃO Governo do Rio distribui preservativos, álcool em gel e protetor solar durante o carnaval Durante o Carnaval deste...

Mulher1 hora atrás

Já aproveitei, mas tem mais! Como não perder o pique no carnaval?

O carnaval com certeza é a festa mais animada do ano: todo mundo dança, pula e se diverte. Isso pode...

Entretenimento2 horas atrás

Quer fugir da folia? Veja filmes e séries para curtir no carnaval

O carnaval está chegando e tem muita gente que quer ficar longe dos bloquinhos e desfiles. Se você faz parte...

Tecnologia2 horas atrás

Carnaval em SP: empresas orientam mesclar aplicativos e transporte público

arrow-options undefined Transporte público é a forma recomendada de chegar até os blocos de Carnaval O Carnaval já está acontecendo...

Economia2 horas atrás

Bancos terão programação especial entre segunda e quarta por conta do carnaval

arrow-options Marcelo Camargo/Agência Brasil Bancos terão horário especial durante o carnaval e ficarão fechados entre segunda (24) e terça (25)...

Nacional3 horas atrás

Novo coronavírus: grupo em quarentena em Anápolis será liberado neste domingo

O grupo de repatriados da China que está em quarentena na Base Aérea de Anápolis será liberado neste domingo (23). Na última...

Entretenimento3 horas atrás

Após separação, Pedro Scooby e Cintia Dicker trocam beijos no Carnaval

Na noite de sábado (22), Pedro Scooby e Cintia Dicker chegaram separados a um camarote da Sapucaí. Perguntados, eles responderam...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana