conecte-se conosco



Nacional

Uma mulher é morta a cada 9 horas no Brasil durante a pandemia: SP e MG lideram

Publicado

em

 

 

source
De março até agosto, foram registrados quase 500 feminicídios no país
Agência Brasil

De março até agosto, foram registrados quase 500 feminicídios no país

O Instituto AzMina em parceria com outras seis mídias independentes lançou nesta quinta-feira(8), um levantamento chamado “Um vírus e duas guerras” , para mostrar os efeitos que a pandemia e consequentemente o isolamento social tiveram na questão da violência doméstica .

Leia também
Mulher é presa por quebrar perna da filha de 3 anos
Tarado do parque sequestra garoto de 16 anos e passa dias estuprando a vítima
Servidora da PF é demitida por vazar informações a traficantes de drogas
Alerta de chuvas intensas e ventos fortes para todo ES

Foram analisados dados de 19 estados e do Distrito Federal (7 estados não responderam aos pedidos de informação), que representam 94% da população feminina no Brasil. Ao todo, foram 497 feminicídios registrados de março a agosto.

São Paulo, com 79 mortes, Minas Gerais, 64, e Bahia, com 49, foram os estados com os maiores números de assasinatos no país. Foi registrada  queda de 6% nas mortes em comparação ao mesmo período de 2019.

Apesar da queda, Helena Bertho , diretora do Instituto AzMina pondera e faz um alerta:

“Isoladas dentro de suas casas, as mulheres continuam ou estão ainda mais expostas à violência. Apesar dos dados oficiais indicarem queda no número de casos, muitos especialistas alertam para a subnotificação, que, estima-se, seja ainda maior em meio à pandemia, pela dificuldade de comunicação. Além disto, em alguns casos é difícil obter os dados de órgãos oficiais”.

Das 20 unidades federativas analisadas, 12 tiveram redução nos casos, sendo o Distrito Federal a ter maior queda percentual, de 56%. O Rio Grande do Sul foi o estado que teve a maior queda em números abolutos, registrando 18 mortes a menos em relação ao ano passado.

No outro lado, o Pará foi o estado com maior aumento, tendo 15 feminicídios registrados a mais em comparação com 2019. Outro estado em alerta é o Mato Grosso , lugar onde proporcionalmente mais mulheres foram mortas desde o início da pandemia, em março, com uma taxa de 1,72 por 100 mil mulheres, muito acima da média nacional, de 0,56.

O Instituto e seus parceiros continuarão com a coleta de dados até o final do ano para fazerem mais levantamentos sobre os crimes que vem sendo cometidos, sendo essa uma forma de combater os crimes de ódio contra mulheres.

“A ideia do monitoramento da violência contra a mulher surgiu em uma conversa que tive, em março, com a Paula Guimarães, do site As Catarinas. Estávamos buscando formas de trabalhar em parceria colaborativa, cada uma dentro de casa por causa da pandemia e utilizando a tecnologia digital. A situação é bem grave. Então sugeri fazermos um monitorando convidando mídias independentes das cinco regiões do país; assim nasceu a série Um vírus e duas guerras”, conta Kátia Brasil , fundadora do site Amazônia Real.


Fonte: IG Nacional

Comentários do Facebook

Nacional

R$100 milhões por selfie com Bolsonaro? Em vídeo, apoiador faz proposta curiosa

Publicado

em


source
Presidente Jair Bolsonaro
Agência Brasil

Presidente Jair Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) postou um vídeo em rede social que tem despertado a curiosidade de seus apoiadores. As imagens são da frente do Palácio da Alvorada , em encontro com um apoiador, ocorrido na manhã ontem. As informações são do jornal Correio Braziliense.

O homem, que não é mostrado no vídeo, questiona o presidente se pode fazer uma pergunta a ele, e logo diz: “Se um brasileiro honrado, que tem muito apreço pelo senhor, pudesse fazer um testamento para lhe dar R$ 100 milhões e a única condição é que o senhor tirasse uma selfie com essa pessoa”.

Dando risada, Bolsonaro desconversa e não responde à pergunta. “Esquisita essa selfie aí. Quer me dar 100 milhões, é isso?”. O apoiador, no entanto, continua, tentado explicar que queria fazer com que o documento que tinha nas mãos chegasse até presidente.

“Eu vou lhe explicar porque eu estou fazendo essa consulta, que dependeria do senhor aceitar ou não essa condição. Obviamente que eu tive que encaminhar isso pelos meios oficiais. Eu protocolei isso lá no seu gabinete, protocolei no Ministério da Economia. E, para garantir que isso chegasse às suas mãos, porque depende do senhor dizer se aceita ou não, eu também entreguei à uma senadora…”, argumentou ele.

Nesse ponto, Bolsonaro interrompe o homem e diz que tira selfie com todo mundo: “Não pergunto o que o cara vai me dar”. O apoiador terminou sem conseguir explicar exatamente o que queria do presidente.

Ainda, no fim do vídeo, uma mulher aborda Bolsonaro e pede um cargo para um terceiro homem, dizendo “ser da sua confiança”, e o político recusa. Por fim, ao posar para uma foto com a apoiadora, o presidente brinca: “Essa aqui vale uma vaga na Sesai”.

Compartilhado pelo presidente 

De acordo com o portal, nesta quinta-feira (29), o vídeo foi compartilhado em todos os perfis de Jair Bolsonaro. Antes disso, as imagens tinham ido ao ar em sua conta oficial no Twitter na noite de quarta, mas foi retirada e repostada nessa manhã. Por lá, alguns seguidores pareciam confusos com o vídeo e a proposta.

Aparentemente, o presidente não entrará em mais detalhes sobre o assunto, já que a publicação anterior e a posterior são sobre assuntos completamente diferentes.


Comentários do Facebook
Continue lendo
Entretenimento8 minutos atrás

Atriz pornô é eleita Musa do estado de Pernambuco

  A atriz pornô Lolla Martinelli foi selecionada pela organização do Musa do Brasil para representar o estado de Pernambuco...

Policial29 minutos atrás

Operação fiscaliza empresas de rochas ornamentais em São Mateus

  Nesta quarta-feira (28), a 3ª Companhia do Batalhão de Polícia Militar Ambiental (3ª Cia do BPMA) participou da “Operação...

Nacional29 minutos atrás

R$100 milhões por selfie com Bolsonaro? Em vídeo, apoiador faz proposta curiosa

Agência Brasil Presidente Jair Bolsonaro O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) postou um vídeo em rede social que tem despertado a curiosidade de...

Mulher29 minutos atrás

Dia Nacional do Livro: 9 obras escritas por mulheres brasileiras

Reprodução: Alto Astral Dia Nacional do Livro: 9 obras escritas por mulheres brasileiras Em 29 de outubro, no Brasil, é...

Política29 minutos atrás

Faculdade onde Boulos é professor diz que ele não dá aula desde novembro de 2019

Reprodução/Facebook Guilherme Boulos, candidato à Prefeitura de São Paulo pelo PSOL A Escola de Sociologia e Política, onde o candidato...

Internacional29 minutos atrás

“Muçulmanos têm o direito de matar milhões de franceses”, afirma ex-ministro

Reprodução Ex-primeiro-ministro da Malásia, Mahathir Mohamad O ex-primeiro-ministro da Malásia, Mahathir Mohamad, escreveu um tweet nesta quinta-feira (29), declarando que “os...

Policial44 minutos atrás

Policiais recuperam carga de R$ 50 mil furtada em Vila Velha

  A equipe do 9º Distrito Policial, de Vila Velha, em conjunto com a Delegacia Especializada de Investigações Criminais (Deic)...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana

error: O conteúdo está protegido !!