conecte-se conosco



Nacional

Trump lança oficialmente sua campanha para reeleição nesta terça

Publicado

em

Donald Trump
Reprodução/ Twitter @realDonaldTrump

Evento em Orlando, no estado norte-americano da Flórida, marcará início da campanha do atual presidente

Quando o presidente dos EUA, Donald Trump, lançar oficialmente sua campanha de reeleição em Orlando, na Flórida, na noite desta terça-feira (18), diante de uma multidão de 20.000 pessoas, ele não será nem favorito nem candidato sem chance.

Leia também: EUA divulgam fotos e acusam Irã por explosões de petroleiros

Especialistas dizem que não é conclusiva a discussão se Trump continuará ou não seu trabalho no primeiro posto da nação norte-americana.

“Eu diria que talvez em 50/50”, disse Kyle Kondik, editor-gerente do Sabato’s Crystal Ball, um boletim político apartidário produzido na Universidade de Virginia Center for Politics.

Mas, em um primeiro momento, essa avaliação parece otimista.

Na verdade, o índice nacional de aprovação de Trump gira em torno de 40%. O único presidente desde 1945 que teve um índice de aprovação mais baixo nesta fase de seu primeiro mandato foi Jimmy Carter em 1977.

As classificações de aprovação nem sempre são os melhores indicadores do sucesso eleitoral. De acordo com a mesma análise feita por FiveThirtyEight, o Presidente George H.W. Bush estava sentado perto de 70 por cento neste momento em seu primeiro mandato, e mesmo assim viu-se derrotado pelo democrata Bill Clinton em 1992.

Para vencer, Trump precisa manter ou expandir sua base nos principais estados que ele conquistou em 2016. É uma tarefa difícil, mas há vários fatores importantes que podem levar Trump a uma segunda vitória, apesar de sua relativa impopularidade.

Leia também: Irã afirma que violará acordo nuclear em 10 dias se Europa não reagir a Trump

A tarefa é poderosa, especialmente quando um presidente em exercício preside uma economia em um tempo de relativa paz.

“Essas são as condições desafiadoras para um presidente em exercício que se propõe a vencer uma nova eleição”, disse Kondik.

Comentários do Facebook

Nacional

“R$ 5 mil por morto”: PCC ameaça policiais no Agreste de Pernambuco

Publicado

em


source
duas imagens de dois policiais em vida
Arquivo familiar e Redes sociais

Carlos Alberto, policial aposentado, e José Rogério, comissário da Polícia Civil, foram assassinados após ameaças do PCC em Surubim e Casinhas

Longe de São Paulo, a megalópole na qual foi fundado, o Primeiro Comando da Capital (PCC) alimenta células pelo país. Uma delas, segundo agentes da segurança pública de Pernambuco, está localizada em Surubim, município com pouco mais de 60 mil habitantes no Agreste do estado.

Apesar de relatos de casas baleadas e muros pichados com a sigla da organização criminosa datarem do ano de 2015, as ameaças e perseguições teriam se intensificado em julho de 2019.

“Os policiais estão amedrontados porque está tendo oferta de dinheiro, R$ 5 mil por cada policial morto”, afirma o presidente do Sindicato dos Policiais Civis de Pernambuco, Áureo Cisneiros.

Leia mais:
Em Recife, vendedor de cachorro-quente recebe R$ 8 mil em doações pede que parem
Protesto pela morte de garoto que caiu de prédio será realizado no Recife
PF faz buscas na prefeitura do Recife e investiga compra de 500 respiradores

A localização privilegiada da região para tráfico de drogas, roubo de cargas e outros tipos de crimes pode ser o motivo da escolha da cidade. “A gente inclusive vem advertindo a chefia da Polícia Civil sobre isso. Não pode deixar isso prosperar naquela região, porque se instala naquela região e vai se espalhando para o resto do estado”, explica o presidente do Sinpol.

Com as ameaças e perseguições, parte dos policiais das delegacias das duas cidades pediu remoção para outros municípios de Pernambuco e alguns pediram por proteção especial . Um deles, José Rogério Duarte Batista, foi assassinado poucos dias após o pedido de segurança, em uma espécie de “tragédia anunciada”.

A execução de José Rogério, feita no último sábado (30) a tiros de fuzil por homens em uma caminhonete em plena luz do dia, diante de câmeras de segurança de um supermercado e em uma via movimentada de Surubim, não foi a primeira.

Em setembro de 2019, o policial militar aposentado Carlos Alberto Santos de Sousa, de 55 anos, também foi assassinado a tiros de fuzil na cidade de Casinhas . Nenhum dos dois crimes tiveram autorias elucidadas até o momento.

A morte de José rogério é investigada com auxílio do Departamento de Repressão ao Crime Organizado.

Investigação desencorajada

Pouco após a morte de Rogério, um clima de silenciamento tomou conta da cidade. Em grupos do WhatsApp, montagens com a foto de um policial morto e do agente executado ainda em vida ilustravam o texto: “PCC 1 x 0 PCPE” (em referência à sigla da Polícia Civil de Pernambuco)”.

Mobilizados pelo assassinato de Rogério, mais de 200 policiais do estado seguiram até a cidade em busca dos possíveis autores da execução, gravada por uma câmera de segurança.

Segundo uma fonte de dentro da Polícia Civil que não quis se identificar, porém, um diretor policial da região não permitiu que a operação fosse realizada e mandou que todos voltassem para casa.

Segundo o Simpol, uma reunião com o chefe da Polícia Civil, Nehemias Falcão e com policiais das duas cidades foi realizada nesta quarta-feira (3). Nela, o representante teria prometido aumentar o efetivo policial da região e aumentar esforços para solucionar os crimes.

“Ele foi muito solicito e garantiu que está trabalhando para inclusive banir essa célula do PCC de lá”, afirma Áureo. Questionado pela reportagerm sobre as investigações e a proibição da operação policial voluntária, porém, o governo do estado de Pernambuco não se posicionou.

Resposta da polícia

Por meio de nota, a Polícia Civil de Pernambuco afirmou que “medidas administrativas cabíveis” estão sendo tomadas em relação aos efetivos policiais dos municípios de Casinhas e Surubim”.

Sobre as investigações das mortes dos dois policiais e as investigações envolvendo o crime organizado na região, o órgão respondeu que “pela natureza dos eventos verificados nos referidos municípios, não comentará sobre as investigações policiais em andamento”. A Polícia Militar e a Secretaria de Defesa Social de Pernambuco não responderam às perguntas.

Comentários do Facebook
Continue lendo
Esportes5 minutos atrás

Bolívia estuda volta do futebol e jogo contra a Seleção Brasileira

.   Os primeiros jogos das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo do Catar, em 2022, estavam marcados para...

Polícia Federal20 minutos atrás

OPERAÇÃO HÓRUS – Policiais realizam apreensão de 2 veículos carregados com cigarros paraguaios

. Guaíra/PR – Na madrugada desta quinta-feira (4/6), mais uma apreensão foi realizada por equipes que participam da OPERAÇÃO HÓRUS,...

Internacional35 minutos atrás

Japão pode dar 300 milhões de dólares para projeto contra covid-19

. O primeiro-ministro do Japão, Abe Shinzo, prometeu 300 milhões de dólares em auxílio financeiro para uma organização internacional que...

Entretenimento45 minutos atrás

Nadja Pessoa desconfia de traição e contrata detetive para investigar D’Black

Esta coluna já havia antecipado que o casamento do cantor D’Black com Nadja Pessoa havia subido no telhado. Poucos dias...

Entretenimento55 minutos atrás

Programa do filho de Datena é retirado do ar pela Band em Goiânia

Reprodução Vicente, filho de Datena, perdeu seu programa em Goiânia Leia também: Salário de meio milhão de Gottino gera climão na...

Educação1 hora atrás

Conselho da Ufes decide manter calendário acadêmico de 2020

A decisão foi tomada durante uma reunião virtual do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (Cepe), realizada na tarde da...

Mulher1 hora atrás

Horóscopo do dia: previsões para 5 de junho de 2020

Marcelo Dalla O horóscopo do dia apresenta a previsão para o seu signo e ascendente ÁRIES Procure ganhar tempo para...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana

error: O conteúdo está protegido !!