conecte-se conosco


Política

“Só não existiu socialismo no Brasil graças às Forças Armadas”, diz Bolsonaro

Publicado

em


Jair Bolsonaro quer o fim da Justiça do Trabalho
Alan Santos/PR

Jair Bolsonaro quer o fim da Justiça do Trabalho

O presidente Jair Bolsonaro voltou a defender a posse de armas pelos brasileiros em entrevista ao SBT nesta quinta-feira (3). Entre diversos assuntos, o político falou sobre a existência do socialismo no País e negou que seu governo crie uma nova CPMF, apesar de se dizer a favor de um imposto único.

Leia também: Bolsonaro nega “abandono” em ações de Direitos Humanos após exclusão de LGBTs

Indagado sobre nunca ter existido socialismo no Brasil, Jair Bolsonaro riu e afirmou que se não fosse as ações das Forças Armadas, o país já teria entrado em um regime parecido ao de Cuba.

“Só não existiu socialismo no Brasil graças às Forças Armadas. Em 1922 tentaram aplicar o socialismo, em 1964 a mesma coisa. O Brizola pregava uma nova Assembleia Constituinte, imagine o que iria ser? Essas questões de socialismo acontecem devagar, não é de um dia para outro, mas acontecem”, defendeu o presidente.

Bolsonaro também criticou o governo PT na relação patrão e funcionário Segundo ele, a reforma trabalhista criada no governo Michel Temer não será alterada, mas algumas questões da área precisam ser modificadas.

Leia também: Bolsonaro manda trocar cadeiras vermelhas por azuis no Palácio da Alvorada

O presidente defendeu o fim da Justiça do Trabalho, o que, segundo ele, só causa entraves ao trabalhador e ao empregador.

“Está sendo estudado o fim da Justiça do Trabalho. Veja, ela não existe em nenhum outro país e gera muitos entraves não só para o empregador, mas para o trabalhador também. Ninguém quer ficar desempregado, temos que solucionar isso”, afirmou.

Jair Bolsonaro volta a defender a posse de armas


Jair Bolsonaro voltou a defender a posse de armas
Marcos Corrêa/PR – 1.1.19

Jair Bolsonaro voltou a defender a posse de armas

Na mesma entrevista, Bolsonaro voltou a dizer que, por meio de decretos, vai permitir que os brasileiros possam comprar armas e munições quando quiserem. De acordo com o presidente, será atendido um pedido da maioria da população.

Leia mais:  Nova fase da Lava Jato termina com 20 presos por corrupção em obras da Petrobras

Leia também: Jair Bolsonaro reúne ministros e pede enxugamento da máquina pública

“Isso é uma vontade da população que foi aprovada no referendo de 2005. O problema é que veio um decreto que exige uma série de circunstâncias para que a compra possa ser feita, o que causa dificuldades e praticamente restringe o acesso. Vamos mudar isso”.

Na visão de Bolsonaro, a posse de arma pode ajudar na diminuição da violência nas residências brasileiras.

“Quem mora na cidade vai estar protegido. A mulher que é violentada dentro de casa, agora vai poder se defender. O homem do campo vai ter direito também a posse de arma. Pode ter certeza que a violência cai assustadoramente no Brasil”, garantiu.

Comentários do Facebook
publicidade

Política

Kajuru chama Gilmar de “canalha” e o acusa de vender sentenças no STF

Publicado

em

Senador Jorge Kajuru bateu de frente com o ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal: 'bandido e canalha'
Agência Senado

Senador Jorge Kajuru bateu de frente com o ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal: ‘bandido e canalha’

O senador Jorge Kajuru (PSB) chamou o ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), de “bandido”, “corrupto” e “canalha”. A declaração do parlamentar, que é nacionalmente conhecido por sua carreira como jornalista esportivo, foi gravada em vídeo e vem viralizando nas redes sociais nesta terça-feira (19).

“A CPI da Toga vai lhe convocar e você vai ser o primeiro”, afirmou Kajuru, depois de xingar o ministro do STF. O parlamentar ainda aproveitou o momento para questionar a respeito do patrimônio de Gilmar Mendes, insinuando um esquema de venda de sentenças.

“Nós queremos saber como você tem R$ 20 bilhões de patrimônio. De onde você tirou esse patrimônio? De Mega Sena? De herança de quem, senhor Gilmar Mendes ? Foram das sentenças que você vendeu, seu canalha”, diz o senador.

As declarações do senador foram dadas durante uma entrevista aberta à Rádio Bandeirantes, que foi registrada em vídeo por apoiadores do parlamentar. Esses apoiadores, inclusive, inflamam o discurso do senador.

“Fala sobre Portugal”, diz uma das pessoas que acompanha a entrevista e assim o faz o parlamentar. “Ele viaja 12 vezes por mês a Portugal com o dinheiro de vocês. Vocês pagam a passagem aérea dele em primeira classe”, disse. “Tem vários imóveis lá”, completa.

Por fim, indagado sobre a soltura do ex-governador do Paraná Beto Richa (PSDB) e a respeito do salvo conduto dado por Gilmar ao tucano, ele respondeu: “Beto Richa é sócio dele”. O senador também acusa o ministro do Supremo de ser “sócio” do deputado federal Aécio Neves (PSDB) e do ex-governador de Goiás Marconi Perillo (também do PSDB).

“Beto Richa é sócio dele, Aécio Neves é sócio dele, o Marconi Pirillo é sócio dele”, acusa Kajuru. As declarações viralizam um dia depois do presidente do Senado, Davi Alcolumbre, sinalizar, em entrevista ao Roda Viva da TV Cultura desta segunda (18), que vai barrar o chamado Lava Toga.

Fonte: IG Política
Comentários do Facebook
Leia mais:  Segundo depoimento de Lula a Moro é confirmado para quarta
Continue lendo
Entretenimento1 hora atrás

Modelo brasileira Barbara Fialho vai se casar com filho de Bob Marley

A modelo mineira Barbara Fialho, dona de um corpo condizente com o nome e há sete anos consecutivos figura cativa...

Nacional1 hora atrás

Agressores de mulheres não poderão tirar carteira de advogado, diz OAB

Caberá aos conselhos seccionais avaliarem cada caso e determinar se o candidato tem a idoneidade moral necessária para advogar SÃO...

Educação2 horas atrás

Decreto de Bolsonaro corta 13,7 mil cargos em universidades públicas

Funções eliminadas eram concedidas a professores e coordenadores; entidades criticam corte BERNARDO CARAM – BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) – O decreto...

Nacional2 horas atrás

Acidente envolvendo quatro veículos deixa um morto e um ferido na BR 116

Acidente ocorreu na BR-116. Rodovia precisou ser parcialmente interditada, por conta da batida. Um grave acidente envolvendo dois carros e...

Direto de Brasília2 horas atrás

Governo chileno sugere que mulheres usem “vestido curto” em almoço com Bolsonaro

Reprodução/Twitter/Maite Orsini Pascal Deputada do partido de oposição se indigna com recomendação do governo chileno para que mulheres usem “vestido...

Política2 horas atrás

Kajuru chama Gilmar de “canalha” e o acusa de vender sentenças no STF

Agência Senado Senador Jorge Kajuru bateu de frente com o ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal: ‘bandido e canalha’...

Educação2 horas atrás

Inep libera correção da redação do Enem 2018

shutterstock Tema da redação do Enem 2018 foi Manipulação do comportamento do usuário pelo controle de dados na internet Os...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana