conecte-se conosco



Educação

Sesi e Senai têm 12 mil vagas em cursos gratuitos

Publicado

em

Inscrições vão até o dia 20 de setembro ou enquanto durarem as vagas.

O Sesi ES e o Senai ES estão com cerca de 12 mil vagas abertas para cursos gratuitos e à distância para o mês de setembro. Com carga horária entre 8h a 40h, os cursos são ideais para quem quer aprimorar seus conhecimentos e se preparar para a retomada das indústrias no cenário pós-pandemia. As inscrições vão até o dia 20 de setembro ou enquanto durarem as vagas no endereço eadsenaies.com.br. As aulas podem ser iniciadas logo após a inscrição.
Os cursos do Senai possuem carga horária de 14h e abrangem as áreas de Automotiva, Construção Civil, Energia, Gestão, Informática, Logística, Meio Ambiente, Metalmecânica, Segurança do Trabalho, Tecnologia da Informação e Comunicação.
São eles: Consumo Consciente de Energia, Desenho Arquitetônico, Educação Ambiental, Empreendedorismo, Fundamentos Logísticos, Lógica de Programação, Metrologia, Noções Básicas de Mecânica Automotiva, Segurança do Trabalho e Tecnologia da Informação e Comunicação.
Há ainda o curso “Boas Práticas de Saúde e Segurança do Trabalho para Prevenção à Covid-19”, com 8h de duração. Nele, o aluno aprenderá métodos de prevenção, como realizar uma quarentena saudável, obter informações adicionais de saúde e adquirir competências socioemocionais. 
Sesi
Já os cursos do Sesi são focados no desenvolvimento de competências e habilidades para o trabalho. Variando de 10h a 40h, há vagas para Administrando o Seu Dinheiro, Comunicação Efetiva, Comunicação com Foco Organizacional, Qualidade no Atendimento e Postura Profissional, Redação Administrativa e Satisfação do Cliente.

Comentários do Facebook

Educação

Mais de R$5 bi podem voltar para a educação no ES

Publicado

em

Deputado Sergio Majeski acredita que STF manterá entendimento sobre impossibilidade de inclusão de gastos com inativos no mínimo de 25% destinado à educação - Ellen Campanharo/Ales

 

Os capixabas poderão ter de volta o valor de R$ 5,6 bilhões que deveria ter sido investido na educação nos últimos dez anos. A informação foi apresentada pelo deputado Sergio Majeski (PSB) em pronunciamento durante a sessão híbrida desta segunda-feira (21). O montante é referente à aplicação mínima dos 25% do orçamento da pasta como Manutenção e Desenvolvimento do Ensino (MDE), o que não foi feito, em desacordo com o Manual dos Demonstrativos Fiscais do Tesouro Nacional e com a Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB).

“Desde quando cheguei na Assembleia tenho insistido quanto à ilegalidade da não aplicabilidade do MDE. O que vinha acontecendo no Espírito Santo e em outros sete estados era o pagamento de aposentados e pensionistas com esse valor. Já são mais de R$ 5 bilhões que deixaram de ser investidos na educação pública desde 2011 aqui no Espírito Santo. Isso não pode, é inconstitucional”, alega o parlamentar.

Em 2017, Majeski denunciou à Procuradoria Geral da República (PGR) a prática realizada pelo governo capixaba, segundo ele, com respaldo do Tribunal de Contas do Estado (TCE-ES), o que deu origem a uma Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI). Ao julgar ações similares de outros estados, como São Paulo e Alagoas, o Supremo Tribunal Federal (STF) concluiu pela impossibilidade de incluir o pagamento de proventos de inativos no conceito de gastos com educação, sob pena de descumprimento da Constituição. Por esse motivo, o deputado comemorou na tribuna, dizendo que, se a decisão tiver como base os entendimentos anteriores, o resultado será positivo para o povo do Espírito Santo.

“É importante que os órgãos de controle confirmem que há irregularidade. Esse recurso é bilionário e faz muita falta para fortalecer o ensino gratuito a que todo cidadão tem direito. O dinheiro deveria ser investido para aumentar o salário de professores e de outros profissionais que atuam nas escolas, na melhoria da infraestrutura das escolas, por exemplo. A educação é o principal caminho para o desenvolvimento de uma nação”, destacou Majeski.

Julgamento no STF nesta sexta-feira

A ministra Rosa Weber incluiu na pauta desta sexta-feira (25), do STF, o julgamento da ADI 5691, que trata do caso do Espírito Santo, denunciado pelo deputado Majeski ainda em 2017.

Realizado de forma virtual, caso não haja surpresas, o julgamento deverá seguir a mesma coerência dos resultados proferidos nos casos de Alagoas e São Paulo, confirmando a irregularidade da manobra realizada pela administração estadual e amparada pelo TCE-ES.

Comentários do Facebook
Continue lendo
Saúde4 segundos atrás

Saúde atualiza novamente procedimentos para aborto no SUS

. O Ministério da Saúde atualizou, novamente, os procedimentos de justificação e autorização da interrupção da gravidez, nos casos previstos...

Tecnologia7 segundos atrás

Robô gigante caminha no Japão; assista ao vídeo

@yoshi115t / Twitter Gundam de Yokohama Se tem uma coisa que os anime (as animações japonesas) nos ensinam, é que...

Estadual8 segundos atrás

Espírito Santo presente na ABAV Collab 2020

. O Espírito Santo participa, entre os dias 27 de setembro e 02 de outubro, da ABAV Collab 2020 – Feira Virtual de Turismo....

Estadual12 segundos atrás

SEDH realiza WebPalestra para debater saúde mental em tempos de pandemia e relação com abuso de drogas

. A Secretaria de Direitos Humanos (SEDH), por meio da Subsecretaria de Políticas Sobre Drogas, iniciou um ciclo de WebPalestras,...

Estadual18 segundos atrás

Sesa promove parceria para uso de comunicação alternativa a pacientes com Covid-19

. Muitos pacientes com o novo Coronavírus (Covid-19) ao darem entrada nas unidades hospitalares com dificuldades respiratórias e cansaço encontram...

Estadual21 segundos atrás

Planejamento Estratégico 2020-2022 supera R$ 7 bilhões em investimentos

. Os resultados da revisão do Planejamento Estratégico do Governo do Espírito Santo para o período 2020-2022 foram apresentados nesta...

Entretenimento25 segundos atrás

Com Covid-19, Monique Evans diz: “Dor de cabeça e muito cansada”

Nesta quinta-feira (24), Monique Evans foi aos seus stories contar que testou positivo para a Covid-19. A apresentadora tranquilizou seus...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana

error: O conteúdo está protegido !!