Connect with us

Política

Senado: votação de autoridades somente depois das eleições

Published

on

Presidente do Senado, Rodrigo Pacheco durante sessão
Waldemir Barreto/Agência Senado – 30.06.2022

Presidente do Senado, Rodrigo Pacheco durante sessão

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), decidiu mobilizar os senadores para a votação de autoridades apenas após o primeiro turno das eleições, marcada para 2 de outubro. Este mês e setembro o Senado votará, em sessões semipresenciais, medidas provisórias (MPs) e projetos de lei sugeridos pelas bancadas.

A votação de autoridades será presencial, com os senadores registrando o voto no sistema de votação do plenário e em totens espalhados pelo Senado. Já os projetos de lei e as MPs podem ser votados pelo sistema remoto.

“O Senado Federal realizará sessões semipresenciais, nos meses de agosto e setembro, para apreciação de medidas provisórias e projetos de lei sugeridos pelas bancadas. Já as sessões presenciais, em regime de esforço concentrado para apreciação de autoridades, conforme decisão da maioria dos líderes, ficarão para o período imediatamente após as eleições de 2 de outubro, para se garantir quórum qualificado”, informou Pacheco pelas redes sociais.

Dentre as autoridades que esperam pela sua aprovação no Senado estão os desembargadores federais Messod Azulay Neto e Paulo Sérgio Domingues, indicados ontem (1º) pelo presidente da República para o Superior Tribunal de Justiça (STJ).

As medidas provisórias são prioridade, pois têm prazo para serem votadas antes de perderem a validade. Amanhã (3), por exemplo, três MPs podem ser votadas, a 1.108/2022, que regulamenta o teletrabalho; a MP 1.109/2022, sobre adoção de regras trabalhistas diferenciadas em situações de calamidade pública, como o corte ou suspensão temporária dos salários dos trabalhadores; e a MP 1.116/2022, que institui o programa Emprega + Mulheres e Jovens, de incentivo à inserção desse público no mercado de trabalho.

As duas primeiras MPs perdem a validade nos próximos dias. A MP do teletrabalho e a MP das regras trabalhistas diferenciadas vencem na próxima segunda-feira (8). Já a MP 1.116/2022 tem validade até o dia 14 de setembro.

Rodrigo Pacheco se encontrou hoje com líderes partidários e ficou combinado que eles lhe entregarão uma lista de projetos considerados prioritários para votação na segunda semana de agosto.

Dentre os projetos que podem constar da lista, estão propostas que asseguram aos clientes de planos de saúde o acesso a procedimentos não previstos na lista da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), o chamado rol taxativo. A decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ), em junho, tirando a obrigação dos planos de saúde em cobrir determinados procedimentos, movimentou os senadores para atuarem no sentido contrário.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.  Siga também o  perfil geral do Portal iG.

Fonte: IG Política

Comente Abaixo
Nacional16 minutos ago

Brumadinho: Vale é multada em R$ 86 mi com base na Lei Anticorrupção

Vinicius Mendonça/ Ibama Rompimento da barragem Mina Córrego do Feijão, em Brumadinho A Controladoria-Geral da União (CGU), órgão federal com...

Carros e Motos16 minutos ago

Crescimento da GM passa por veículos elétricos, diz executivo da marca

Divulgação GM estuda novas tecnologias para diversificar seus negócios, enquanto investe em carros elétricos A General Motors investe cada vez...

Política16 minutos ago

Eleição: Ciro Gomes faz caminhada pela zona leste de São Paulo

Reprodução Twitter Ciro Gomes 16/08/2022 Ciro Gomes em São Paulo Com a largada oficial do período de campanha eleitoral, o ...

Carros e Motos16 minutos ago

Shopping Eldorado sediará encontro com mais de 200 Ford Mustang

Divulgação Shopping Eldorado sediará encontro com mais de 200 Ford Mustang de várias épocas, desde meados dos anos 60 Neste...

Economia17 minutos ago

Justiça mantém justa causa de ex-funcionária demitida por negar vacina

Fabio Passalacqua Justiça do Trabalho mantém decisão favorável à Latam em demissão por justa causa de ex-funcionária que se recusou...

Política46 minutos ago

PL cria serviço de reparo em cadeiras de rodas

Começou a tramitar na Assembleia Legislativa (Ales) o Projeto de Lei (PL) 412/2022, que autoriza o Estado a implantar uma...

Tecnologia46 minutos ago

Brasil: Facebook aprovou anúncios com desinformação eleitoral, diz ONG

Unsplash Facebook libera anúncios falsos Um relatório da ONG internacional Global Witness, divulgado nesta segunda-feira (15), revela que o Facebook permitiu...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana