conecte-se conosco



Nacional

Senado aprova MP que agiliza venda de bens apreendidos de traficantes de drogas

Publicado

em

tráfico de drogas arrow-options
Reprodução/Internet

Legislação que estava em vigor já trazia a previsão, mas condicionava o repasse à assinatura de um convênio.

O Senado aprovou nesta quarta-feira (9) uma medida provisória que pretende agilizar o leilão de bens apreendidos de réus por crimes relacionados ao  tráfico de drogas . O texto permite que a venda aconteça depois que a Justiça determinar o perdimento do patrimônio, sem a necessidade de uma decisão transitada em julgado. Caso o réu seja absolvido ao final do processo, os recursos serão devolvidos com juros, de acordo com a taxa Selic.

A proposta foi enviada pelo governo e perderia validade na próxima quarta-feira. O texto agora segue para a sanção do presidente Jair Bolsonaro. A lei estabelece ainda que a União vai destinar aos órgãos estaduais de segurança responsáveis pela apreensão entre 20% e 40% do que for arrecadado.

Leia mais: Corrida para garantir apoio a Bolsonaro e Bivar gera ‘guerra’ no Congresso

A legislação que estava em vigor já trazia a previsão, mas condicionava o repasse à assinatura de um convênio. A alteração prevê que a verba seja enviada por uma transferência direta. A parte dos recursos que caberá ao governo federal vai integrar o Fundo Nacional Antidrogas (Funad), criado pelo dispositivo na estrutura do Ministério da Justiça e Segurança Pública.

O governo argumenta que a mudança na lei é benéfica porque, além de acelerar a entrada de recursos, reduz os gastos da União e de estados com depósitos para guardar os bens, carros em maioria, e evita a depreciação do patrimônio dos réus.

Leia também: Kajuru chama presidente do PSL de “bandido” e diz que Bolsonaro errou ao confiar

As armas de fogo e munições apreendidas por porte ilegal ou em ações relacionadas ao comércio ilegal, depois que a Justiça determinar o perdimento, serão encaminhadas para as polícias estaduais responsáveis pela apreensão.

“Esta medida provisória faz com que o dinheiro que faltava, o equipamento que faltava, a arma que faltava, a munição que faltava, o veículo automotor que faltava na mão dos nossos policiais e das secretarias de segurança pública possam ser imediatamente utilizados para combater o narcotráfico”, defendeu a senadora Simone Tebet (MDB-MS).

Comente Abaixo
Entretenimento3 horas atrás

Andressa Suita comemora o aniversário ao lado das amigas

Divulgação Andressa Suita e amigas Neste Domingo, 24, Andressa Suita publicou uma foto mostrando que está comemorando o seu aniversário...

Saúde5 horas atrás

Rondônia estuda transferir pacientes com covid-19 para outros estados

O governador de Rondônia, coronel Marcos Rocha (Sem Partido), avalia com o governo federal a possibilidade de transferir para outros...

Mulher5 horas atrás

Make soft girl: confira as dicas para seguir a tendência de beleza do TikTok

Reprodução: Alto Astral Make soft girl: confira as dicas para seguir a tendência de beleza do TikTok Você já ouviu...

Política6 horas atrás

46% dos brasileiros acham que Doria combate a pandemia melhor que Bolsonaro

Reprodução Aprovação de Doria é maior que a de Bolsonaro 46% dos brasileiros consideram que o governador de São Paulo,...

Saúde6 horas atrás

Covid-19: mortes ultrapassam 217 mil e casos somam 8,8 milhões no país

O total de pessoas que morrem de covid-19 desde o início da pandemia no Brasil chegou a 217.037, conforme balanço...

Economia6 horas atrás

Para promover o turismo no Brasil, Azul adesiva Airbus A320neo

Gabriel Araújo Para promover o turismo no Brasil, Azul adesiva Airbus A320neo Para promover as belezas naturais do Brasil e...

Economia7 horas atrás

Aeroporto Internacional de BH recebe doses da vacina de Oxford

Gabriel Araújo Aeroporto Internacional de BH recebe doses da vacina de Oxford CNF ao vivo – O Aeroporto Internacional de...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana

error: O conteúdo está protegido !!