Connect with us

Estadual

Sefaz bloqueia 94 MEIs suspeitos de fraude

Published

on

A fiscalização tributária, realizada pela Secretaria da Fazenda (Sefaz), aumentou o cerco contra o uso indevido dos benefícios oferecidos aos microempreendedores individuais (MEIs). Ao longo do ano, 94 benefícios já foram bloqueados por suspeitas de fraudes – em um dos casos analisados, observou-se um MEI que somou, somente neste ano, mais de R$ 4,5 milhões em compras, o que não é permitido pela legislação.

“As fraudes praticadas vão desde aquisições acima do limite permitido até a divisão de empresas já consolidadas em vários MEIs com o intuito de diminuir a tributação”, afirma a auditora fiscal e supervisora do Simples Nacional, Luciana Rego Freitas. 

O auditor fiscal e subsecretário da Receita Estadual, Benicio Costa, destacou que os benefícios concedidos aos MEIs são muito importantes e muito positivos, mas ressaltou que eles não podem ser utilizados por todos os empresários. “Para participar do regime de microempreendedor individual há uma série de exigências. A pessoa tem um limite de receita, limite de funcionários, de compra de produtos e materiais, entre outros. Então, é muito importante que a Secretaria da Fazenda, por meio da Receita Estadual, fiscalize e retire do programa quem não faz jus ao benefício”, explicou.

Entre os benefícios para quem é MEI estão a isenção dos tributos federais (Imposto de Renda, PIS, Cofins, IPI e CSLL). Além disso, ao abrir o MEI, o microempresário se enquadra automaticamente no Simples Nacional, o que permite que os impostos sejam cobrados de uma forma única pelo governo.

“Na Sefaz, criamos o setor específico para monitorar os MEIs. Com isso, foi possível o desenvolvimento de malhas fiscais e a realização de bloqueios, dado que a característica principal do setor é a alta capilaridade”, avaliou o auditor fiscal e supervisor do MEI, Edilson Paulo de Souza.

“O bloqueio realizado contra aquele que praticou a fraude faz com que ele não possa comercializar, não podendo nem ao menos ser destinatário em alguma aquisição, sendo assim, considerada a punição mais grave para o fraudador”, apontou Benicio Costa.

Informações à Imprensa:
Assessoria de Comunicação da Sefaz
Alexandre Lemos / Giordany Bozzato
(27) 3347-5511 / (27) 3347-5128
[email protected] / [email protected]

Fonte: Governo ES

Comente Abaixo
Política1 minuto ago

Lula diz que Bolsonaro mente aos evangélicos: “É um fariseu”

Reprodução/YouTube – 16.08.2022 Lula critica Jair Bolsonaro Nesta terça-feira (16), o ex-presidente e candidato à Presidência, Luiz Inácio Lula da...

Nacional19 minutos ago

Professora diz para estudantes que ser homossexual é ‘impuro’; vídeo

A professora Maria Elizete Anjos, do Colégio Municipal Castro Alves, em Posse (GO), foi gravada na última quinta-feira (11) falando...

Nacional23 minutos ago

Idoso morre atropelado por trem enquanto procurava lugar para pescar

Um idoso de 62 anos morreu após ser atropelado por um trem de carga no distrito de Pedra Corrida, em...

Carros e Motos25 minutos ago

Peugeot 208 Style 1.0: compacto mostra economia com estilo

Carlos Guimarães/iG Peugeot 208 Style: versão 1.0 mais equipada da linha tem detalhes pintados de preto e faróis de LED...

Polícia Federal25 minutos ago

Polícia Federal deflagra Operação Canopus no Porto de Santos

Santos/SP- A Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira, 16/8, a Operação Canopus e cumpriu três mandados de busca e apreensão, expedidos...

Política26 minutos ago

Rio: ex-governador Witzel lança mulher e sogra na política

Agência Brasil Wilson Witzel está inelegível após sofrer um processo de impeachment em 2019 Mesmo inelegível após sofrer um processo...

Política26 minutos ago

A pessoa mais importante é a Michelle, diz Bolsonaro em comício

Reprodução/YouTube – 16.08.2022 Michelle Bolsonaro participou de comício Nesta terça-feira (16), o presidente e candidato à reeleição, Jair Bolsonaro, afirmou...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana