conecte-se conosco


Economia

Salário mínimo em novembro deveria ter sido de R$ 3.959,98, aponta Dieese

Publicado

em


Famílias brasileiras deveriam ter recebido salário mínimo de R$ 3.959,98 em novembro
Getty Images

Famílias brasileiras deveriam ter recebido salário mínimo de R$ 3.959,98 em novembro

O salário mínimo necessário para sustentar uma família de quatro pessoas deveria ter sido de R$ 3.959,98 em novembro deste ano. A estimativa, divulgada nesta quinta-feira (6), foi feita pelo Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (Dieese).

Leia também: Salário mínimo de 2019 deve ficar acima dos R$ 1.006 previstos, afirma ministro

Segundo a pesquisa, o valor do salário mínimo para sustentar uma família em novembro deveria ter sido 4,15 vezes maior do que o praticado atualmente, que é de R$ 954. O cálculo realizado pelo Dieese leva em conta as necessidades básicas de uma família para viver, como moradia, alimentação, educação, saúde, lazer, vestuário, higiene, transporte e Previdência Social.

Para fazer essa conta, são levados em consideração os preços da cesta básica mais cara entre todas as capitais do Brasil pesquisadas, que são 18. De acordo com o levantamento, o valor dos alimentos essenciais e presentes na cesta aumentou em 16 dessas 18 capitais em novembro.

No mês, os maiores valores de cesta foram registrados na região Sul e Sudeste. A mais cara foi encontrada em São Paulo (R$ 471,37), seguida pela de Porto Alegre (R$ 463,09), Rio de Janeiro (R$ 460,24) e Florianópolis (R$ 454,87). As mais baratas, no entanto, estavam no Nordeste: em Salvador (R$ 330,17) e em Natal (R$ 332,21).

Leia também: Cesta básica fica mais cara em 16 capitais em outubro, aponta Dieese

Durante o ano de 2018, todas as capitais pesquisadas acumularam alta nos preços da cesta, com destaque para Campo Grande (14,89%), Brasília (13,44%) e Fortaleza (12,03%)

Aumento do salário mínimo necessário é influenciado pela elevação dos preços dos alimentos


Aumento na cesta básica elevou valor do salário mínimo necessário
Tânia Rêgo/Arquivo/Agência Brasil

Aumento na cesta básica elevou valor do salário mínimo necessário

Leia mais:  Tarifa branca na conta de luz começará em janeiro de 2018

De outubro a novembro deste ano, os alimentos que apresentaram alta na maior parte das capitais pesquisadas foram tomate, batata, óleo de soja, pão francês e carne bovina de primeira. O leite integral, no entanto, apresentou queda de preços em 16 capitais.

Os preços dos alimentos ficaram mais caros no mês de novembro principalmente em Belo Horizonte (7,81%), São Luís (6,44%), Campo Grande (6,05%) e São Paulo (5,68%).  Salvador e Vitória foram as únicas capitais que registraram quedas nos preços, de 2,65% e 0,26%, respectivamente.

Entre outubro e novembro, a diferença entre o salário mínimo em vigor e o necessário para sobrevivência subiu. No mês anterior, o ideal era que ele fosse de R$ 3.783,39 contra os R$ 954 praticados , o que representaria um aumento de 3,97 vezes no salário mínimo.

Comentários do Facebook
publicidade

Economia

Brasileiros apoiam reforma da Previdência, mas são contra idade mínima proposta

Publicado

em


Brasileiros apoiam a reforma da Previdência, mas são contra idade mínima proposta pelo governo
Fernando Frazão/Agência Brasil

Brasileiros apoiam a reforma da Previdência, mas são contra idade mínima proposta pelo governo

Os brasileiros apoiam, em sua maioria, a reforma da Previdência, entendendo que há necessidade de se alterar as regras para aposentadoria no Brasil. No entanto, somente 23% apoiam a idade mínima proposta pelo governo, de 62 anos, para mulheres, e 65 anos, para homens. Os dados são extraídos de pesquisa da XP Investimentos , divulgada nesta quarta-feira (20).

Leia também: Bolsonaro entrega proposta de reforma da Previdência ao Congresso

De acordo com a apuração, 64% da população é a favor da reforma da Previdência , 29% é contra e 7% não responderam. Porém, a idade mínima presente no texto enviado pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL) ao Congresso, de 62 e 65 anos para mulheres e homens, respectivamente, não agrada os brasileiros. Embora 59% defendam que deve haver uma idade mínima para se aposentar, somente 23% apoiam os números apresentados pelo governo. 41% são contrários à idade mínima de forma geral, sendo a aposentadoria garantida somente por tempo de contribuição.

Para 29%, a idade mínima deveria ser menor do que 62 e 65, como proposto, enquanto 23% concordam com o item do texto apresentado pela equipe econômica, chefiada pelo ministro Paulo Guedes. Outros 3% afirmam que o governo deveria ser mais rigoroso, propondo idade mínima ainda maior, e 5% não responderam.

Leia também: Faltam “de 60 a 70 votos” para aprovar reforma da Previdência, afirma Mourão

A maioria dos brasileiros é contra outro item contido no texto da proposta: a diferenciação da idade mínima entre homens e mulheres. Segundo o governo, foi uma exigência de Bolsonaro que as mulheres pudessem se aposentar antes dos homens. Guedes defendia a paridade entre gêneros, com idade mínima de 65 anos para ambos. Segundo a pesquisa, 53% defendem idades mínimas iguais, enquanto 44% afirmaram que as mulheres devem poder se aposentar antes. 3% não responderam.

Leia mais:  “Ser patrão no Brasil é um tormento”, diz Bolsonaro ao criticar lei trabalhista

Sobre as novas regras da Previdência, a maior parte dos brasileiros afirmou que as mudanças afetariam ou afetariam muito suas vidas. A maior parte (42%) diz que a reforma vai influenciar a própria realidade, 18% esperam ser muito afetados e 34% disseram que não devem ser afetados pelas alterações. 6% não opinaram.

E os militares na Previdência?


Maioria apoia que militares sejam incluídos na reforma da Previdência
Tomaz Silva/Agência Brasil

Maioria apoia que militares sejam incluídos na reforma da Previdência

Sobre a inclusão dos militares na reforma da Previdência , a pesquisa revela que 52% dos entrevistados apoiam que os militares passem a ter as mesmas regras de aposentaria que os demais trabalhadores. Para 23%, as regras para os militares não devem ser alteradas, e 19% defendem que a categoria deve ser incluída na reforma, mas com regras específicas, o que deve acontecer. 6% preferiram não opinar.

Leia também: Por que militares só devem entrar na segunda parte da reforma da Previdência?

A pesquisa mostra ainda que a maioria acredita que a reforma da Previdência será aprovada: para 45% ela provavelmente ocorrerá, para 28% com certeza ocorrerá, 13% provavelmente não ocorrerá, 8% com certeza não ocorrerá e 6% não responderam. A apuração ouviu 1.000 brasileiros, por telefone, em todas as regiões do País.

Fonte: IG Economia
Comentários do Facebook
Continue lendo

Votação

O eleitor mateense tem até 07 de março de 2019, a chance de indicar espontaneamente, o que pode ser no futuro o PREFEITO do Município. Escolha entre esses candidatos apresentados:

Esportes2 horas atrás

Ver o futebol brasileiro virou motivo para castigo e tortura

– Filho, você está de castigo . Quem mandou tacar fogo no lixo. Isso não se faz. E outra coisa:...

Entretenimento3 horas atrás

Realeza negra? Meghan Markle aparece como rainha em vídeo de Beyoncé

Aconteceu nesta quarta-feira (20) o prêmio Brit Awards, em Londres. Beyoncé e Jay-Z não puderam comparecer ao evento, porém, foram...

Esportes5 horas atrás

Corinthians vira sobre o Avenida-RS e se classifica na Copa do Brasil

Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians Timão sofreu, mas conseguiu virar nos últimos minutos, contra o Avenida-RS e vencer por...

Esportes5 horas atrás

Em jogo de viradas, City vence o Schalke; Atlético faz 2 a 0 na Juventus

Reprodução Sterling marcou o último gol contra o Schalke 04, sem auxílio do VAR Na rodada das oitavas de final...

Nacional7 horas atrás

Mega-Sena acumula de novo e prêmio pode chegar a R$ 37 milhões no sábado

Divulgação/ Wilson Dias/ Agência Brasil Aposta mínima da Mega-Sena (seis números) custa R$ 3,50 e pode ser feita em qualquer...

Nacional7 horas atrás

Em telefonema “acidental”, presidente pede que Onyx faça acordo com Bebianno

Divulgação/Governo de Transição Bolsonaro demonstra preocupação com o pagamento por ações judiciais em que Gustavo Bebianno atuou como advogado O...

Nacional7 horas atrás

STF determina prisão de mandante da morte da missionária Dorothy Stang

Divulgação Dorothy Stang foi assassinada em 2005 A Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) determinou a prisão do fazendeiro...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana