conecte-se conosco



Roda de conversa: servidores do TJES trocam experiências sobre adaptação ao teletrabalho

Publicado

em


.

Os participantes puderam compartilharam, nesta tarde, suas experiências dentro da nova realidade do trabalho remoto.

Nesta sexta-feira, 10, servidores e estagiários do Poder Judiciário Estadual participaram da 13ª edição do projeto Roda de Conversa, criado pela Coordenadoria de Serviços Psicossociais e de Saúde (CSPS) do Tribunal de Justiça do Estado do Espírito Santo (TJES).

Nesta oportunidade, os participantes puderam discutir sobre o tema “Teletrabalho: adaptações e estratégias”. O assunto foi escolhido pela equipe da CSPS, em razão da adoção do trabalho remoto pelo Judiciário Estadual, devido à pandemia causada pelo novo coronavírus. Esse foi o 4º encontro que aconteceu de forma virtual, por meio de plataforma digital.

As servidoras do Tribunal de Justiça e mediadoras desta edição, Rosely Socolott e Flávia Lima explicaram que o trabalho faz parte das atividades essenciais do ser humano em sociedade e, com a pandemia, houve modificações na forma de se trabalhar, sendo solicitado dos trabalhadores uma adaptação ao home office.

Durante a conversa, os participantes compartilharam suas experiências dentro dessa nova realidade. Alguns servidores disseram que conseguiram criar uma rotina de produtividade boa, mesmo em casa. Outros, encontraram dificuldades na mudança. Cerca de 20 pessoas estiveram presentes na plataforma nesta 13ª Roda de Conversa.

Sobre o projeto Roda de Conversa

O Roda de Conversa é um projeto da Secretaria de Gestão de Pessoas do Tribunal de Justiça do Estado do Espírito Santo (TJES), por meio da Coordenadoria de Serviços Psicossociais e de Saúde (CSPS), que tem por objetivo, além de promover a qualidade de vida do servidor, aperfeiçoar o relacionamento interpessoal nos diversos setores do Poder Judiciário Estadual, para assim criar um ambiente de trabalho agradável e produtivo a todos.

As rodas de conversa acontecem uma vez a cada mês e duram, em média, 1 hora e 30 minutos. Para participar, é necessário realizar a inscrição, pois cada encontro aborda um tema diferente. As vagas são limitadas.

Vitória, 10 de julho de 2020

 

Informações à Imprensa

Assessoria de Imprensa e Comunicação Social do TJES
Texto: Isabella de Paula | [email protected]

Maira Ferreira
Assessora de Comunicação do TJES

[email protected]
www.tjes.jus.br

Fonte: TJES

Comentários do Facebook

Empates fecham primeira rodada da Série C

Publicado

em


.

Dois jogos realizados na noite de segunda-feira (10) encerraram a primeira rodada da série C do Campeonato Brasileiro. No estádio Dilzon Melo, em Varginha (Minas Gerais), o Boa Esporte empatou em 2 a 2 com o Volta Redonda (Rio de Janeiro). Na outra partida, no estádio do Café, o Londrina (Paraná) também ficou na igualdade, mas sem gols, com o Criciúma (Santa Catarina), graças ao goleiro Danton, do Tubarão, que defendeu um pênalti a favor dos catarinenses.

Os confrontos foram válidos pelo grupo B da competição, que reúne dez equipes das regiões Sul e Sudeste do país. Por enquanto esta chave é liderada por Ituano (São Paulo), Brusque (Santa Catarina) e São José, que estrearam com vitória no torneio. Destaque para o triunfo da equipe do interior paulista, que derrotou, por 3 a 0, o Tombense, que decide o título mineiro com o Atlético-MG.

No grupo A ficam outros dez times do Norte, Nordeste e Centro-Oeste. Ferroviário (Ceará) e Remo largaram na frente ao vencerem Botafogo-PB e Jacuipense (Bahia). O Ferrão ganhou dentro de casa por 2 a 0 na Arena Castelão, em Fortaleza. Já o Leão Azul surpreendeu fora dos domínios paraenses, batendo os baianos por 2 a 1, de virada, na Arena Valfredão.

A rodada de abertura ficou a dever apenas um duelo. Em virtude do novo coronavírus (covid-19), o jogo entre Treze (Paraíba) e Imperatriz (Maranhão) não pôde acontecer no último domingo (9) no Estádio Amigão, em Campina Grande. De acordo com a CBF, 12 dos 19 jogadores inscritos pela equipe maranhense na competição testaram positivo.

A competição vai até janeiro de 2021, e nesta edição tem um novo formato. Os quatro melhores colocados de cada grupo se classificam para dois quadrangulares. De um lado, o primeiro e o terceiro do grupo A com o segundo e o quarto do grupo B. Do outro, o primeiro e o terceiro do Grupo B com o segundo e quarto do Grupo A. Na sequência, os clubes se enfrentam dentro das chaves. Os dois melhores de cada lado conquistam o acesso à Série B e os vencedores de cada chave se classificam às finais.

Edição: Fábio Lisboa

Comentários do Facebook
Continue lendo

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana

error: O conteúdo está protegido !!