conecte-se conosco


Tecnologia

Promotoria move ação contra ‘game do Bolsomito’ por incitação ao ódio a minorias

Publicado

em


Game Bolsomito 2K18 incita ao ódio a minorias e sofre ação do MPDFT
Reprodução

Game Bolsomito 2K18 incita ao ódio a minorias e sofre ação do MPDFT

O Ministério Público do Distrito Federal e Territórios ( MP-DFT) entrou com ação civil pública contra a empresa americana Valve Corporation  por conta da comercialização do game Bolsomito 2K18, acusado de incitar ódio, em sua plataforma Steam. O MP já havia aberto uma investigação sobre o jogo no mês de outubro.

Leia também: “Tumblr está morto”, dizem usuários após plataforma proibir pornografia

O novo documento possui pedido de tutela de urgência para que a companhia seja obrigada a suspender a disponibilização e a venda do jogo Bolsomito 2K18, lançado durante o período eleitoral e comercializado a R$ 9,90. A promotoria pede pagamento de multa por cada dia em que o game ficar no ar e também requer o 0bloqueio do site Steam no Brasil.

No jogo, um personagem que emula o presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), é colocado como protagonista e ganha pontos ao espancar e matar mulheres, LGBTs, negros, integrantes de movimentos sociais e parlamentares. As vítimas, depois de mortas, se transformam em excremento. 

O documento do MP informa que a Unidade Especial de Proteção de Dados e Inteligência Artificial entrou em contato com a Valve Corporation, tentando obter a suspensão do jogo de forma administrativa, sem sucesso, e agora passar a solicitar também que a Valve informe os dados cadastrais e financeiros da BS Studios, desenvolvedora do jogo.

A ação cita a Constituição Federal e diz que a mesma “afirma serem invioláveis a intimidade, a vida privada, a honra e a imagem das pessoas, assegurado o direito a indenização pelo dano material ou moral decorrente de sua violação.”

As plataformas de jogos Steam são classificados como Provedor de Aplicação de Internet, e, portanto, submetida a Lei n. 12.965/14, conhecida como Marco Civil da Internet, que estabelece princípios, garantias, direitos e deveres para o uso da internet no Brasil.

Leia mais:  Jovens ainda não confiam em transações feitas pela internet, aponta pesquisa

A ação defende que o personagem do jogo incita ao ódio contra as minorias a partir do uso da violência e a computação de pontos pela agressão e morte de diversos grupos, além de colegas parlamentares do presidente eleito. “A violência é naturalizada e exposta e a morte dos ‘inimigos’ é celebrada no jogo”, cita a peça da promotoria.

Leia também: Marco Civil da Internet: governo abre canal de consulta para aprimorar propostas

Game Bolsomito 2K18 também viola direito de personalidade de Bolsonaro


O game Bolsomito 2K18 também ataca nordestinos e celebra mortes de
Reprodução

O game Bolsomito 2K18 também ataca nordestinos e celebra mortes de “inimigos”

O documento diz também que, segundo a Constituição, “são invioláveis a intimidade, a vida privada, a honra e a imagem das pessoas, assegurado o direito a indenização pelo dano material ou moral decorrente de sua violação.”

O Código Civil e o Marco Civil da Internet também são lembrados ao tratar a imagem do presidente eleito, defendendo que ações ou omissões voluntárias, negligência ou imprudência violam direito ao causar dano a outra pessoa, e que os direitos humanos, o desenvolvimento da personalidade e o exercício da cidadania em meios digitais, bem como a pluralidade e a
diversidade são fundamentais.

Leia também: Deputado petista propõe “Lei Jair Bolsonaro” para coibir ausências em debates

A conclusão afirma que “não pairam dúvidas de que o jogo viola o direito da personalidade do Presidente eleito da República Federativa do Brasil e, por consequência, gera danos morais reflexos ou em ricochete em relação a todos os brasileiros”, e defende que o jogo Bolsomito 2K18 expõe negativamente o país ao fomentar a imagem de que Bolsonaro é racista, homofóbico, misógino e violento.

Comentários do Facebook
publicidade

Tecnologia

Quer sair do Facebook Dating? Veja como apagar seu perfil em apenas 5 passos

Publicado

em

No dia 30 de abril de 2019, o  Facebook Dating chegou às contas de todos os usuários brasileiros da rede social. E, ao mesmo tempo que entrar nesta onda é uma opção sua, sair dela – por quaisquer motivos que você tenha – também é. Aqui, com este passo a passo simples, você descobrirá como fazer isso.


Foto com o logotipo do Facebook Dating - um coração metade vermelho e metade lilás
Reprodução/Twitter

Apagar o Facebook Dating é um processo rápido, que não altera nada no seu perfil oficial da rede social

Em primeiro lugar, a conta do Facebook Dating não interfere no seu perfil oficial do Facebook. São dois perfis separados, e todas as alterações que você fizer em um – desde mudar a foto de perfil a acrescentar uma nova bio – não serão aplicadas ao outro.

Leia também: Teve seu Facebook bloqueado? Veja como resolver este problema rapidamente

Como apagar o perfil do Facebook Dating em 5 passos


Pessoa mexendo no celular
Creative Commons CCO

Se você quiser voltar a usar o aplicativo mesmo depois de tê-lo excluído, é só seguir os passos 1 e 2

É completamente possível sair do aplicativo de relacionamento sem precisar apagar ou alterar sua conta do Face. Lembre-se, porém, de que o recurso só pode ser modificado no aplicativo.

Assim, para apagar sua conta no Dating, será preciso ter o aplicativo do Facebook instalado em seu celular ou tablet. Sem mais demora, estes são os passos que você deve seguir para sair do novo recurso do Face.

  1. Vá nas “três linhas” da barra de ferramentas. Você deve encontrar o botão logo abaixo do ícone do Messenger, ao lado da barra de busca;
  2. Procure pela aba “Dating”. O ícone dela tem a forma de um coração com um lado vermelho e o outro roxo;
  3. Quando estiver no app, vá no botão de configurações no canto superior direito, que se parece com os “sliders” de um rádio antigo ou de uma mesa de DJ;
  4. Procure pelo ícone da engrenagem. A última opção dele deve ser “Excluir Perfil” – é nela que você deve clicar;
  5. Fazer isso abrirá uma janela avisando que a ação apagará permanentemente seu perfil de relacionamento, suas fotos, respostas e conversas. Clique em “Excluir” para confirmar a ação.
Leia mais:  Twitter recebeu 2,7 milhões de postagens sobre divergências políticas, diz FGV

Pronto. Agora, você não tem mais uma conta no app de relacionamento, mas pode continuar usando seu aplicativo do Facebook (e seu perfil) normalmente para compartilhar os melhores momentos da sua vida com os amigos e a família.

Leia também: Uso do Facebook tem ligação com baixos níveis de saúde e felicidade, diz estudo

De toda forma, se tiver vontade de voltar a usar o recurso algum dia, basta abrir a ferramenta novamente seguindo os dois primeiros passos e começar do zero no Facebook Dating .

Fonte: IG Tecnologia
Comentários do Facebook
Continue lendo
Mulher11 minutos atrás

Nutricionistas detalham o que comer no café da manhã para emagrecer

Se a prática de  exercícios físicos (sejam eles cardiovasculares ou de força) é um passo importante para o emagrecimento, saber o...

Mulher11 minutos atrás

Horóscopo do dia: previsões para 20 de maio de 2019

Terapeuta Integrativa, Masumi Suguinoshita usa a Astrologia e a Meditação como ferramentas principais de trabalho e traz ao Delas as...

Entretenimento1 hora atrás

O rei das protagonistas! As dez mulheres de Walcyr Carrasco

Prestes a estrear mais uma novela de sua autoria, Walcyr Carrasco possui um currículo extenso de novelas na Globo. Desde...

Esportes6 horas atrás

Jorge Sampaoli é perseguido por ciumentos da própria classe de trabalho

Levir Culpi, técnico de trabalhos medíocres recentemente, disse que Jorge Sampaoli será o novo comandante da Seleção. Segundo Culpi, que...

Entretenimento7 horas atrás

Reconstrução dá o tom do MECAInhotim, quatro meses após tragédia em Brumadinho

Logo na entrada de Brumadinho (MG), uma exposição de camisas e uniformes sujos de lama lembra que essa é uma...

Entretenimento7 horas atrás

Virada Cultural de São Paulo atrai cinco milhões de pessoas

A Virada Cultural aconteceu neste final de semana, 18 e 19, em São Paulo, e, segundo o prefeito Bruno Covas,...

Nacional8 horas atrás

Entenda os últimos acontecimentos da quebra de sigilo de Flávio Bolsonaro

Edilson Rodrigues/Agência Senado – 9.5.19 MP investiga suspeitas de peculato, lavagem de dinheiro e organização criminosa no gabinete de Flávio...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana