conecte-se conosco


São Mateus

Professor suspeito de matar cachorro em São Mateus continua dando aulas

Publicado

em

O homem teria cometido o crime no dia 22 de agosto do ano passado. Ele foi indiciado pela Polícia Civil por maus-tratos e dano e responde pelos crimes judicialmente

O professor universitário Wellington Gonçalves, acusado de matar um cachorro a tiros em São Mateus, município da região Norte do Estado, segue dando aulas normalmente na Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes). O homem teria cometido o crime no dia 22 de agosto do ano passado, tendo sido indiciado pela Polícia Civil por maus-tratos e dano. Crimes pelos quais responde judicialmente.

Conteúdo relacionado:

Professor suspeito de matar cachorro é indiciado
“Não há dúvidas de que ele foi o autor do disparo”, diz deputada sobre suspeito de matar cachorro
Professor se contradiz na CPI sobre morte de cachorro em São Mateus

Em nota, a Ufes informou que pelo fato de a ação ter sido realizada fora da Universidade, não haveria qualquer relação com as atribuições do cargo ocupado pelo servidor, nem com a instituição. “Segundo a Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas (Progep), não há registros de afastamento relacionados ao professor Wellington Gonçalves”, divulgou.

De acordo com andamento processual disponível no site do Tribunal de Justiça do Espírito Santo (TJES), a denúncia contra o professor foi recebida pela juíza Adriana Costa de Oliveira, à frente da 3ª Vara Criminal de Vila Velha, no último dia 17 de outubro, e o mandado de citação do réu foi recebido ainda nesta terça-feira (7), sendo que deverá então haver defesa do professor nos próximos dias.


(*G1)

 

Comentários do Facebook
Leia mais:  Fábrica clandestina de agrotóxico é interditada em São Mateus
publicidade

São Mateus

Diretor da PetroCity garante construção de Porto em São Mateus

Publicado

em

Com o apoio de líderes comunitários e empresariais, o presidente do grupo PetroCity, José Roberto Barbosa, garantiu nesta tarde de terça-feira (21) a construção do Complexo Portuário de São Mateus, em Urussuquara, na região sul do litoral do município.

A declaração ocorreu em função da divulgação semana passada informando que o Instituto Estadual de Meio Ambiente (IEMA) teria se manifestado contrário à liberação de licença ambiental para liberação do início das obras. José Roberto concedeu entrevista à imprensa de São Mateus e informou que, devido ao atraso na liberação, já projeta prejuízos de milhões para o grupo PetroCity.

José Roberto Barbosa, presidente do grupo PetroCity

Na entrevista concedida em um hotel na chegada de São Mateus, José Roberto, além de garantir a construção do Complexo Portuário, revelou que existem interesses ocultos em prejudicar a efetivação do investimento em São Mateus e atribuiu ao presidente da Federação das Indústrias do Espírito Santo notícias que inviabilizariam o empreendimento, “o que não corresponde com a verdade”, disse.

Presidente da Câmara de Vereadores de São Mateus, Jorge Recla

APOIO
Acompanharam a entrevista empresários, políticos e lideranças da região de Urussuquara, Nativo e Campo Grande, que serão beneficiadas com a construção do porto, bem como o presidente da Câmara de Vereadores de São Mateus, Jorginho Cabeção, que reiterou total apoio ao empreendimento.

O vereador disse que “existem manobras políticas para tirar o porto de São Mateus, mas que isso não vai acontecer. Iremos até as últimas consequências para evitar que isso ocorra. A construção do porto vai transformar o município o maior polo empresarial do Norte Capixaba”, prevê Jorginho Cabeção.

José Roberto informou que o corpo jurídico da PetroCity está se movimentando no sentido de recorrer ao Instituto Brasileiro de meio Ambiente (Ibama) para que o órgão passe a ser o responsável pela liberação da licença para início das obras, caso o Iema continue protelando a liberação. “A cada dia que passa estaremos perdendo tempo e o projeto fica prejudicado. Além de milhões investidos, estamos também com o projeto trazendo milhares de empregos diretos e indiretos para São Mateus e região”, desabafou o diretor.

Lideranças comunitárias de Urussuquara, Nativo e Campo Grande, que participaram da entrevista coletiva com José Roberto, garantiram que toda a região será beneficiada com a construção do porto, com geração de emprego e valorização imobiliária. “Estamos aqui para garantir que o porto tem todo o nosso apoio”, revelou Adeci de Sena, um dos líderes.

Jacimar Zanelato, da Assenor (Associação Empresarial Litoral do Norte do Espírito Santo), também participou do encontro e manifestou total apoio ao empreendimento, o mesmo acontecendo com o empresário Cássio Caldeira. “O porto para nós é uma imensa necessidade”, disse.

Comentários do Facebook
Leia mais:  STJ vai julgar nesta terça-feira recurso de Lula no caso do tríplex
Continue lendo
Entretenimento10 minutos atrás

Inimigos da HP agitarão pré-Carnaval de SP com bloco “Toca Um Samba Aí”

Os foliões que estão ansiosos para o Carnaval 2020 já podem comemorar e começar a se preparar para os dias...

Estadual10 minutos atrás

Marca de produtos esportivos é condenada por enviar mais itens que o encomendado por loja

Em decisão, o juiz entendeu que a cobrança dos produtos não solicitados era indevida. Uma marca de produtos esportivos foi...

Estadual10 minutos atrás

2ª Câmara Cível nega recurso de candidato de concurso que não passou em teste físico

O autor alegou falta de previsão legal sobre a necessidade de realização do teste de aptidão física e psicológica para...

Estadual10 minutos atrás

Município de Vitória é condenado a indenizar vítima de queda em bueiro no Centro

Em decisão, o juiz entendeu que a empresa de água e esgoto não contribuiu para o acidente O município de...

Estadual10 minutos atrás

Mais um participante da campanha Esperando Por Você é adotado

Kauan, de Nova Venécia, já está vivendo com a nova família em Minas Gerais. A campanha foi criada pelo TJES...

Entretenimento23 minutos atrás

Karol Conka, Skank e mais; veja a programação do aniversário de São Paulo 2020

Para comemorar o aniversário de 466 anos da cidade de São Paulo , a Prefeitura oferecerá uma grande programação cultural...

Entretenimento23 minutos atrás

Ozzy Osbourne é diagnosticado com Doença de Parkinson

Ozzy Osbourne foi diagnosticado com uma forma da Doença de Parkinson. O cantor britânico, de 71 anos, revelou que foi...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana