conecte-se conosco


Estadual

Procon-ES orienta sobre as compras na Black Friday

Publicado

em

Faltam poucos dias para a realização da Black Friday Brasil, uma campanha de vendas on-line anual que oferece altos descontos nos estabelecimentos credenciadas. Com tanta facilidade e variedade de lojas, é preciso cautela antes de realizar a compra para evitar problemas futuros.

O comércio eletrônico brasileiro movimenta bilhões de reais todos os anos. Valores mais baixos, facilidade em pesquisar os preços dos produtos em diferentes lojas e comodidade são alguns dos motivos pelos quais os consumidores optam pelas “lojas virtuais”, mas é preciso atenção na hora da compra para evitar prejuízos com fraudadores e outros problemas.

Segundo a diretora-presidente do Procon-ES, Lana Lages, a primeira dica para quem está pensando em comprar algo é pesquisar desde já os preços dos produtos em diferentes lojas virtuais participantes da campanha e até mesmo em lojas físicas para verificar se o produto ofertado tem, de fato, uma redução no preço.

Lana Lages alerta, ainda, sobre fraudes no comércio eletrônico. “Uma fraude muito comum no universo de quem é adepto das compras virtuais está relacionada à clonagem de sites, que ficam idênticos aos das lojas oficiais. Os fraudadores capturam os dados do cartão de crédito, números dos documentos e senhas do consumidor no momento em que ele pensa estar realizando a sua compra. Uma dica é pesquisar as lojas credenciadas no site www.blackfriday.com.br e observar o nome e o endereço do site, no link que aparece na barra do navegador, que pode ser parecido, mas não é igual ao da loja oficial. O consumidor também deve ter muita atenção nas compras realizadas pelo Instagram. Existem perfis falsos na rede social”, ressaltou.

Compras na Black Friday

Leia mais:  PM faz desabafo após ter rosto cortado no carnaval de Conceição da Barra

– Pesquise desde já, em diferentes lojas físicas e virtuais, os preços dos produtos que pretende adquirir durante a campanha;

– O consumidor que vai participar pela primeira vez da Black Friday precisa saber que nem todos os produtos à venda nos sites credenciados participam da promoção. Sendo assim, é preciso que os produtos com desconto estejam destacados e claramente identificados por meio do selo “Black Friday”;

– Nesse período de promoções muitas lojas promovem descontos. Cuidado! Busque referências sobre o site. Pesquise se existem muitas reclamações sobre a empresa nos órgãos de defesa do consumidor e/ou em sites de reclamações na internet e compre em lojas com boa reputação;

– Desconfie dos sites que possuem como única forma de pagamento o depósito em conta corrente ou boleto bancário;

– Atenção com a segurança! Sites clonados e perfil de loja falsa no Instagram são as principais fraudes;

– Se o consumidor não conseguir realizar a compra devido a problemas no site, poderá reclamar. Também são questões passíveis de reclamação o descumprimento à oferta, a publicidade enganosa (promoção com preços iguais aos praticados dias antes da Black Friday), a mudança de preço no momento da finalização da compra e a falta de informações claras sobre a empresa e o produto.

As reclamações podem ser registradas pelo App Procon-ES (disponível para Android) ou pessoalmente na sede do Procon Estadual, na Avenida Princesa Isabel, 599, Ed. Março, 9º andar, Centro, Vitória, das 09 às 17 horas, de segunda a sexta-feira ou no Faça Fácil Cariacica que atende também aos sábados até as 13 horas. É importante guardar a oferta anunciada, bem como a tentativa de compra, por meio das cópias das telas do anúncio e da transação.

Leia mais:  Prefeitura realiza troca de tubulação no Centro de São Mateus

Dicas para comprar com segurança

– Para comprar com segurança, busque referências sobre o site. Pesquise se existem muitas reclamações sobre a empresa nos órgãos de defesa do consumidor e/ou em sites de reclamações na internet;

– Instale no seu computador pessoal programas de antivírus e o firewall (sistema que impede a transmissão e/ou recepção de acessos nocivos ou não autorizados) e os mantenha atualizados;

– Não faça as transações em computadores de uso público, garantindo a segurança dos seus dados pessoais e do cartão de crédito;

– Antes da compra, observe os procedimentos e recursos adotados para garantir a segurança da transação. A política de privacidade adotada pelo fornecedor deve ser clara e explícita, assegurando que os dados pessoais e de consumo não sejam divulgados sem o consentimento expresso do consumidor;

– Procure no site a identificação da loja (razão social, CNPJ, endereço, e-mail e telefone fixo). Caso ocorra algum problema, localizar a empresa será fundamental para a solução. Se o fornecedor não possuir essas informações, escolha outro e denuncie, pois a disponibilização dessas informações é obrigatória;

– Procure informações sobre características, preços, valores de fretes, despesas adicionais, prazo de entrega ou execução, condições e formas de pagamento, antes de se decidir pela compra. Essas informações devem constar obrigatoriamente na página;

– Os sites devem deixar claros os meios adequados para que o consumidor exerça o direito de “arrependimento de compra”, que é o cancelamento no prazo de até sete dias;

– Ao confirmar a contratação, imprima ou guarde sob a forma eletrônica todos os documentos que atestem a relação comercial, como número da compra, confirmação do pedido, comprovante de pagamento, contrato ou anúncios;

– Exija a nota fiscal da mercadoria e guarde;

Leia mais:  Varas da Infância editam portaria para participação de crianças e adolescentes na Copa do Mundo Fifa Sub-17, que terá jogos no ES

– A qualquer sinal de irregularidade, entre em contato com o fornecedor para registrar a ocorrência e tentar resolver o problema. Guarde os números de protocolo e os e-mails trocados com o fornecedor como garantia.

 

 

Informações à Imprensa:

Assessoria de Comunicação do Procon Estadual

Amanda Ribeiro

Tels.: (27) 3132-1840 / 9 9975-2490

[email protected]

Fonte: Governo ES

Comentários do Facebook
publicidade

Estadual

Morte de agricultora no ES teria sido planejada por madrasta do marido

Publicado

em

Sula Almeida e a filha dela, Flávia Almeida, foram presas na última quinta-feira. Elas são apontadas pela polícia como responsáveis por encomendar a morte de Thamires Lorençoni

Sula Almeida e a filha Flavia Almeida são suspeitas de tramar morte. Crédito: Fotos: Reprodução Facebook
O assassinato da agricultora de Vargem Alta Thamires Lorençoni não é tratado mais como latrocínio (roubo com morte) pela polícia. A principal suspeita é que o crime foi encomendado pela madrasta do marido de Thamires, Sula Almeida, e pela filha dela, Flávia Almeida. As duas foram presas após a polícia cumprir um mandado de prisão na última quinta-feira (5). A motivação ainda está sendo investigada.

Inicialmente, a morte de Thamires foi divulgada pela polícia como um latrocínio. A vítima e o marido estavam em um caminhão na estrada que dá acesso a Santana, zona rural de Vargem Alta, quando foram abordados por dois homens em um carro, no último sábado (30). Os criminosos chegaram a anunciar um assalto, Thamires tentou fugir e foi atingida por tiros na cabeça e nas costas. Ela foi socorrida para um hospital da região, mas morreu.

Thamires foi assassinada no último sábado (30) em Vargem Alta. Crédito: Arquivo da família

Sula e Flávia foram encaminhadas para o Centro Prisional Feminino de Cachoeiro de Itapemirim. Os suspeitos de atirarem contra Thamires ainda não foram localizados. A reportagem tentou contato com o delegado responsável pelo caso. Até a publicação desta reportagem, ele não havia atendido o telefone. Na sexta-feira, ele informou à reportagem, por telefone, que o caso ainda não foi concluído.

Thamires era casada e tinha três filhos. A missa de sétimo dia aconteceu neste sábado, na Igreja Católica da comunidade de Vila Maria, em Vargem Alta. De acordo com familiares, o crime abalou todo o município. 


(*G1)

Comentários do Facebook
Leia mais:  PM faz desabafo após ter rosto cortado no carnaval de Conceição da Barra
Continue lendo
Entretenimento29 minutos atrás

Fátima Bernardes posa ao lado de Bonner e atual esposa

arrow-options Reprodução/Instagram A jornalista posou ao lado do ex-marido e sua atual esposa em um evento no Rio de Janeiro...

Entretenimento29 minutos atrás

Artista come banana vendida como obra de arte por cerca de R$ 500 mil reais

Os frequentadores da feira de arte contemporânea Art Basel de Miami se divertiram ao tirar fotos com uma obra peculiar:...

Entretenimento29 minutos atrás

Nova temporada de La Casa de Papel estreia em abril de 2020. Veja teaser

arrow-options Foto: Divulgacao Netflix finalmente divulgou a data de estreia da nova temporada da série A Netflix oficializou neste domingo...

Entretenimento29 minutos atrás

Bruna Marquezine sensualiza de biquíni em vídeo no Instagram

arrow-options Reprodução/Instagram Bruna Marquezine publicou o vídeo em seu Instagram neste domingo (8) Bruna Marquezine chamou a atenção dos fãs...

Entretenimento29 minutos atrás

Luiza Ambiel posa só de lingerie e faz discurso empoderado

A musa da banheira do Gugu aproveitou um ensaio de uma marca de lingerie para fazer um discurso empoderado em...

Internacional2 horas atrás

Manifestantes vão às ruas de Hong Kong em ato pró-democracia

arrow-options Reprodução/Twitter Milhares saíram às ruas de Hong Kong Milhares de manifestantes saíram às ruas de Hong Kong neste domingo...

Internacional2 horas atrás

Greta Thunberg diz que índios foram mortos por proteger florestas no Maranhão

arrow-options Reprodução/Instagram Greta Thunberg Greta Thunberg usou Twitter para comentar mortes de índios Guajajara A ativista Greta Thunberg fez uma...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana