conecte-se conosco


Economia

Previsão é que crescimento continue no quarto trimestre, diz Bolsonaro

Publicado

em

source
bolsonaro e paulo guedes arrow-options
MARCELO CAMARGO/AGÊNCIA BRASIL

O Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro cresceu 0,6% no terceiro trimestre de 2019

Após o IBGE anunciar que a economia brasileira avançou 0,6% no terceiro trimestre de 2019, o presidente Jair Bolsonaro afirmou, nesta terça-feira (3), que a equipe econômica projeta novo crescimento no quarto trimestre. Bolsonaro disse que o anúncio dos dados do Produto Interno Bruto ( PIB ) veio em “boa hora” e que não foi surpresa para o governo.

“Algo que pode ser inesperado para analistas econômicos, mas da nossa parte sabíamos que viria uma boa notícia. E ela veio em uma boa hora. E a minha equipe econômica, a nossa equipe econômica, é de todos vocês, diz que a previsão para o próximo trimestre é crescer. O Brasil está crescendo”, afirmou Bolsonaro, durante evento de celebração do combate à corrupção.

No terceiro trimestre deste ano, o que mais contribuiu para o resultado positivo foi o comportamento da agropecuária , que cresceu 1,3%. Na sequência, os dois setores que contribuíram para a alta do índice foram a indústria, que avançou 0,8%, e pelos serviços, com alta de 0,4%.

Analistas projetavam que o PIB do país registrasse alta de 0,4%, de acordo com a mediana das projeções compiladas pela agência Bloomberg. 

O resultado mostra uma ligeira aceleração da recuperação da economia entre julho e agosto, embora em ritmo ainda fraco e mais lento do que se esperava no começo do ano. Em valores correntes, o PIB do terceiro trimestre alcançou R$ 1,842 trilhão.

Em relação ao terceiro trimestre de 2018, o crescimento do PIB foi de 1,2%. No acumulado em quatro trimestres terminados no 3º trimestre de 2019, o PIB registrou crescimento de 1%, frente aos quatro trimestres imediatamente anteriores.

Leia mais:  Após mudanças na Previdência, outras reformas serão mais difíceis para governo

Comentários do Facebook
publicidade

Economia

Lulinha usou empresas falsas para dissimular operações milionárias, diz Receita

Publicado

em

source
LLF arrow-options
Receita Federal / Divulgação

Sede da LLF Participações.

A empresa Gamecorp , que tem como sócio Fábio Luís Lula da Silva , mais conhecido como Lulinha, contratou empresas inexistentes para dissimular lucros milionários. O esquema filho do ex-presidente Lula foi descoberto por uma equipe especial de fiscalização da Receita Federal, de acordo com a revista Veja

As declarações de renda de Lulinha referente aos anos de 2013 a 2015 apontam que a Gamecorp fez repasses de 2,8 milhões para a G4 Entretenimento e Tecnologia Digital e  a LLF Participações. Lucros isentos de tributação foram distribuídos no montante de 2,9 milhões de reais. 

Leia mais: Caixa reduz juros para financiamento da casa própria e cheque especial

“Além da anormalidade de contratante e contratado serem a mesma pessoa, chama a atenção os valores envolvidos, muito acima daqueles pagos às demais prestadoras de serviços”, diz a Receita .

A Fisco acredita que a transação foi realizada para Lulinha com o intuito de que o empresário deixasse de pagar tributos. O órgão fez uma representação fiscal para fins penais, que pode se transformar em processo e se converter em uma pena de dois a cinco anos de prisão em regime fechado. Mais quatro empresas que negociaram com a Gamecorp também não existiram, incluindo empresas da área de engenharia. 

“Os serviços foram prestados por estas duas empresas, G4 e LLF, na pessoa de Fábio Luís , o qual, desta forma, contratou a si mesmo através de duas empresas diferentes no período, de forma contínua e não cumulativa, recebendo remuneração para executar as mesmas atividades que realizava enquanto diretor presidente da Gamecorp “, segundo o relatório apresentado pelo órgão federal.

Leia também: Sol em crença, ascendente em negócios: o mercado crescente da astrologia

Leia mais:  Servidores com altos salários protestam contra alíquota da nova Previdência

Ao ir em busca das empresas contratadas pela firma em que o filho de Lula é sócio, a Receita Federal descobriu sobre a “inexistência fática das prestadoras de serviço”. O órgão dedicou um capítulo exclusivo sobre o fato no relatório do caso. 

O que existe no domicílio tributário informado pela prestadora de serviço LLF Participações é um terreno vazio, murado, com uma antena parabólica no lote. “A LLF nem mesmo possui empregados em qualquer época”, segundo a Receita Federal

O filho do ex-presidente petista Luis Inácio Lula da Silva também é alvo de uma nova fase da Operação Lava Jato, que tem como foco investigar se o dinheiro recebido por Lulinha foi usado para pagar a compra do sítio de Atibaia. 

Comentários do Facebook
Continue lendo
Política42 minutos atrás

Pena maior para calúnia pode ser vetada, diz Bolsonaro

arrow-options Agência Brasil Presidente Jair Bolsonaro. O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quinta-feira (12) que está disposto a vetar o...

Economia55 minutos atrás

Lulinha usou empresas falsas para dissimular operações milionárias, diz Receita

arrow-options Receita Federal / Divulgação Sede da LLF Participações. A empresa Gamecorp , que tem como sócio Fábio Luís Lula...

Economia55 minutos atrás

CEO britânico faz confissão na web e viraliza: “não tenho amigos”

arrow-options Reprodução Executivo britânico confessa não ter amigos mesmo com vida profissional bem sucedida “Coloco meu coração e minha alma...

Entretenimento55 minutos atrás

Na reta final do “De Férias com o Ex”, MC Rebecca e Nakinha assumem namoro

Agora é oficial! De um jeitinho sutil, MC Rebecca usou suas redes sociais nesta xxx para revelar que ela e...

Nacional55 minutos atrás

Papai Noel aparece excitado ao tirar foto com criança de 10 anos no colo

arrow-options Reprodução Homem fantasiado não queria deixar menina de 10 anos sair do colo dele Um Papai Noel que trabalhava...

Nacional55 minutos atrás

Ministro nega liberdade de viúva da Mega-Sena após fim de prisão em 2ª instância

arrow-options Márcio Alves/Agência O Globo Adriana Ferreira Almeida ficou conhecida como Viúva da Mega-Sena por mandar matar o milionário Renné...

Nacional55 minutos atrás

Barragem em Brumadinho rompeu por combinação de deformações, dizem especialistas

arrow-options Foto: Eduarda Esteves Terreno transformado após o rompimento da barragem da Mina Córrego do Feijão O resultado da investigação...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana