conecte-se conosco



Nacional

Presidente da Cufa: ‘Na favela não há Estado Democrático de Direito’

Publicado

em


source
´zezé
Divulgação

Preto Zezé, presidente empossado da Central Única de Favelas

O Presidente da Central Única de Favelas (Cufa), Preto Zezé, afirmou, em entrevista ao programa Roda Viva, na noite desta segunda-feira (16), que moradores de periferias não tem os mesmos direitos que moradores de regiões mais nobres e criticou a violência policial imposta aos mais pobres. “Na favela, não há Estado Democrático de Direito”.

Segundo ele, uma pesquisa feita pela Cufa indicou que cerca de 55% dos negros, que moram em favelas, tem medo da polícia. “A polícia está preparada para uma guerra, para um enfrentamento”, afirmou. 

E completou falando sobre como o sistema policial oprime o negro. “A polícia mostra a produtividade, e produtividade é mostrar preto e favelado preso em jornal policial, cabisbaixo, como troféu. Isso não tem gerado resultado nenhum, inclusive para os policiais. O Brasil tem a polícia que mais mata, e isso precisa ser rejeitado e repudiado”, disse ele.

Para Zezé, é “preciso desnaturalizar esse genocídio que está montado dentro de setores da segurança pública”. “Eu quero discutir segurança pública com policiais, mas eu não consigo admitir que a segurança pública seja sinônimo somente de munição, efetivo e viatura”, completou.

Perspectivas sobre o racismo 

Para o presidente da Cufa, o país assumiu um postura perigosa e de negação do problema, porque alguns afirmam que existe, mas poucos assumem que praticam.

“Existe um racismo à brasileira, que é aquele que todo mundo assume que existe, mas ninguém assume que pratica (…) No Brasil, o negro não nasce negro, ele descobre que é negro e muitas vezes essa descoberta é extremamente dolorosa”, afirmou.

Ao falar sobre preconceito, desigualdade e violência, Preto Zezé também relembrou George Floyd, morto em Minnesota, nos Estados Unidos, após um policial asfixiá-lo com o joelho em seu pescoço.

“O mundo todo se horroriza com George Floyd, que foi uma coisa grave e séria, mas no Brasil são 45 mil ‘George Floyds’, naturalizado”, afirmou.

Comente Abaixo
Saúde8 minutos atrás

Brasil registra 209,9 mil mortes e 8,48 milhões de casos de covid-19

As mortes pelo novo coronavírus ao longo da pandemia no Brasil aproximam-se da marca de 210 mil. Nas últimas 24...

Nacional8 minutos atrás

Em dia de vacinação, Doria e Pazuello trocam acusações e farpas em coletivas

Alan Santos/PR Ministro da Saúde, general Eduardo Pazuello Este domingo (17) foi o dia em que a Agência Nacional de Vigilância...

Nacional8 minutos atrás

Memes bombam na web após aprovação de vacinas contra Covid-19 no Brasil; veja

Reprodução Mônica Calazans foi a primeira a receber a CoronaVac. Enfermeira não escapou dos memes A Agência Nacional de Vigilância Sanitária...

Mulher40 minutos atrás

Ritual de início da semana: para ter sorte na semana

Larissa Silva Ritual de início da semana: para ter sorte na semana Você talvez já tenha ouvido a expressão “começar o...

Saúde1 hora atrás

Vacinação contra covid-19 começa na quarta-feira, anuncia Pazuello

A vacinação contra a covid-19 começa na próxima quarta-feira (20), às 10h, em todo o país, para os grupos prioritários....

Nacional2 horas atrás

Médico relata que ele e colegas sofreram perseguição por não apoiar cloroquina

Reprodução Sergio Cimerman O médico infectologista  Sérgio Cimerman declarou, na tarde deste domingo (17), durante coletiva de imprensa para comentar...

Entretenimento2 horas atrás

‘Não é um grupo de amigas’, diz Karin Hils sobre Rouge no WhatsApp

Carol Caminha/Divulgação Rouge Em jogo de perguntas e respostas com seus seguidores, a cantora Karin Hils , ex-Rouge, contou que...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana

error: O conteúdo está protegido !!