conecte-se conosco



Nacional

Prefeito diz que SP voltará para fase anterior se casos e mortes aumentarem

Publicado

em


source
O prefeito de São Paulo%2C Bruno Covas (PSDB)
Leon Rodrigues / SECOM PMSP

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB)

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), explicou que a cidade voltará para um “estágio anterior” da flexibilização da quarentena se os números de contágio e de mortes causadas pelo Covid-19 subirem.

“O que várias cidades do mundo inteiro enfrentaram, que era ter de escolher quem era tratado e quem não era tratado, nós não passamos por isso em São Paulo. Inclusive o próprio plano prevê que se os números aumentarem, a cidade volta para um estágio anterior”, disse o prefeito em entrevista à CNN Brasil.

“Precisamos trocar o gabinete do ódio pelo do diálogo”, diz Doria

O governador João Doria (PSDB) também já havia feito o mesmo alerta anteontem, ao dizer que não tem compromisso com o erro e sim com o acerto. Os municípios que tiverem aumento de casos após a flexibilização voltarão ao que Doria chamou de “estágio restritivo”.

“Os números que a gente conseguiu conquistar ao longo das últimas quatro semanas permitem à prefeitura discutir essa retomada. Foi todo o trabalho feito para poder ampliar o sistema de Saúde, e fazer valer a premissa número um que foi não deixar ninguém sem tratamento”, afirmou Covas. 

Prefeitos do ABC pedem que Doria afrouxe quarentena nas sete cidades da região

Plano do governo classifica capital como em fase de controle e libera abertura de comércios e shoppings, por exemplo. Prefeito disse nesta quinta (28) que abertura depende de proposta com medidas de higiene e proteção, e que cidade permanece em quarentena.

“Muito mais importante do que discutir o índice de isolamento é discutir o resultado dele, que foi o não aumento do número de mortes, a estabilização dos casos, e o RT [taxa de contágio] igual a 1”, afirmou o prefeito de São Paulo.

No plano de reabertura econômica anunciado pelo governo do estado nesta quarta-feira (27), a capital paulista foi colocada em fase de controle (laranja), ou seja, com possibilidade de liberações de atividades. Sendo assim, é permitido reabrir – com restrições – a partir do dia 1º de junho:

atividades imobiliárias;
escritórios;
concessionárias;
comércio;
shopping center,

Para obter a autorização, os estabelecimentos que se enquadram na fase laranja terão de apresentar:

protocolos de saúde, higiene e testagem;
regras de autorregulação para fiscalização dos protocolos;
e política de comunicação para proteção de consumidores e funcionários.

Comentários do Facebook

Nacional

Justiça determina quebra de sigilo bancário da Backer

Publicado

em


source
backer
Divulgação

A cervejaria Backer, muito conhecida em Minas Gerais, ganhou notoriedade nacional após consumidores da cerveja serem intoxicados e hospitalizados


A Justiça determinou a quebra de sigilo bancário da cervejaria Backer referente aos últimos 12 meses. A decisão partiu da 23ª Vara Cível de Belo Horizonte atendendo um pedido do Ministério Público do Estado de Minas Gerais (MPMG). Para o MPMG, os sócios da Backer podem estar ocultando patrimônio , fazendo a transferência de propriedade, uma vez que existe uma ação judicial contra eles.


Para o Ministério Público, a alienação de imóveis indicava não só conduta em desacordo com a boa-fé objetiva material e processual, mas também poderia permitir “o reconhecimento da fraude e do cometimento de ato atentatório à dignidade da justiça, máxime, quando se trata de tutela coletiva”.

A cervejaria Backer, muito conhecida em Minas Gerais, ganhou notoriedade nacional após consumidores da cerveja serem intoxicados e hospitalizados, no início do ano. A substância tóxica encontrada na cerveja matou ao menos sete pessoas e levou dezenas de outros consumidores ao hospital.

Segundo investigações da Polícia Civil, vazamentos em equipamentos e o uso de substâncias tóxicas que não deveriam ser empregadas causaram a contaminação de diversos lotes de diferentes tipos de cerveja produzidos pela empresa.

Caixas em terreno baldio

Na última sexta-feira (10), a Polícia Civil de Minas Gerais encontrou 34 caixas de cervejas da Backer, do lote contaminado , em um terreno baldio no bairro Buritis, em Belo Horizonte. A polícia chegou ao local após uma denúncia. O material foi recolhido e os fatos estão sendo apurados pela polícia.

“O delegado Flávio Grossi ressaltou que esse tipo de descarte pode provocar riscos à saúde pública se o produto for consumido, uma vez que o material encontrado está entre os lotes de cerveja onde o dietilenoglicol foi identificado”, informou a polícia, em nota.

Comentários do Facebook
Continue lendo
Economia3 horas atrás

‘Lembra o feudalismo’, diz economista sobre trabalhadores essenciais na crise

Reprodução Roda Viva/TV Cultura Branko Milanovic, economista, disse que Brasil deve pensar na arrecadação Nesta segunda-feira (13), o economista Branko...

Estadual5 horas atrás

Funcionário é amarrado durante assalto e criminosos levam cofre com R$ 200 mil

A vítima contou que eram três bandidos. Eles teriam pulado um muro. Na tentativa de não serem flagrados, o trio...

Mulher5 horas atrás

Atriz conta que foi estuprada por diretor: ‘Me enganou, me drogou e me estuprou’

  Atriz com passagens pela “Malhação” da Globo e pela Record, Juliana Lohmann carregou nos últimos 12 anos um trauma...

Nacional5 horas atrás

Justiça determina quebra de sigilo bancário da Backer

Divulgação A cervejaria Backer, muito conhecida em Minas Gerais, ganhou notoriedade nacional após consumidores da cerveja serem intoxicados e hospitalizados...

Economia5 horas atrás

Milionários pedem que governos aumentem seus impostos diante da pandemia

iStock Milionários dizem que aumentar taxa de impostos é “a única escolha” Em meio à crise da pandemia do novo...

Entretenimento5 horas atrás

Gabi Martins faz ensaio sensual usando calcinha fio dental: “Que popotão”

Na tarde deste domingo (12), Gabi Martins compartilhou o resultado de um ensaio sensual que fez na laje e deixou os seguidores...

Nacional5 horas atrás

Celular explode e mãe encontra menina de 5 anos “em chamas”

Ao chegar no cômodo, Liliane Cristina Rodrigues Pissaia, 37, viu a filha em chamas. “Parecia barulho de tiro”, disse Uma...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana

error: O conteúdo está protegido !!