conecte-se conosco



Internacional

Por que a OMS agora recomenda uso de máscara em público contra covid-19?

Publicado

em


source

BBC

A Organização Mundial da Saúde ( OMS ) mudou suas orientações sobre uso de máscaras e disse que elas devem ser usadas em público para ajudar a impedir a propagação do coronavírus .

Leia também: Bolsonaro ameaça tirar Brasil de OMS por “viés ideológico”

máscara
Pixabay

OMS mudou recomendação em relação a máscaras


O órgão disse que novas informações mostram que elas podem fornecer “uma barreira para gotículas potencialmente infecciosas”. Mas a OMS destaca que apenas as máscaras não são suficientes para evitar a disseminação do coronavírus.

Leia também: OMS aumenta prazo recomendado de isolamento para casos de Covid-19

Em alguns países ao redor do mundo, como no Brasil, já há recomendação ou exigência de que as pessoas usem máscaras para cobrir boca e nariz em público.

Antes, a OMS dizia que não havia evidências suficientes para dizer que pessoas saudáveis ​​deveriam usar máscaras. O conselho da OMS era o de que as máscaras médicas fossem usadas por pessoas doentes e por quem cuida delas.

A médica epidemiologista Maria Van Kerkhove, especialista técnica da OMS, disse à Reuters que a recomendação é que as pessoas usem uma “máscara de tecido – ou seja, uma máscara não médica” em áreas onde há risco de transmissão.

Globalmente, houve 6,7 milhões de casos confirmados de coronavírus e quase 400 mil mortes desde o início do surto no final do ano passado, segundo dados compilados pela Universidade Johns Hopkins.

Qual é a orientação da OMS?

A entidade disse que sua nova orientação foi motivada por estudos concluídos nas últimas semanas. “Estamos aconselhando os governos a encorajar o público em geral a usar uma máscara”, disse Van Kerkhove.

Ao mesmo tempo, a OMS enfatizou que as máscaras faciais eram apenas uma das várias ferramentas que poderiam ser usadas para reduzir o risco de transmissão – e que não deveriam dar às pessoas uma falsa sensação de proteção.

“Máscaras por si só não vão te proteger da covid-19”, disse o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus.

‘Grande mudança’

O editor de ciência da BBC, David Shukman, diz que se trata de uma grande mudança na orientação da OMS.

“Durante meses, os especialistas da organização mantiveram a linha que as máscaras encorajariam uma falsa sensação de segurança e privariam os profissionais médicos de equipamentos de proteção muito necessários.”

Ele aponta que esses argumentos não desapareceram, mas que a OMS passou a reconhecer o surgimento de novas evidências a respeito dos riscos de transmissão.

“Portanto, onde o distanciamento não é possível, como em transportes públicos e em locais como lojas, sugere-se que os rostos sejam cobertos com máscaras caseiras para evitar a transmissão do coronavírus”.

Pessoas com mais de 60 anos com doenças pré-existentes devem ir além, disse a OMS, e usar máscaras médicas para se protegerem melhor.

Brasil

No Brasil, o uso de máscaras já é parte de recomendações ou exigências de prefeituras e governos estaduais, como recurso de prevenção contra a covid-19.

Até esta sexta-feira (5), o Brasil registrava um total de 35.026 mortes e 645.771 casos de covid-19 desde a chegada do coronavírus ao país. Destes números, 1.005 mortes e 30.830 casos foram registrados apenas nas últimas 24 horas.

A divulgação dos dados sobre a covid-19 no país passou por contratempos e mudanças nesta semana, enquanto o número de mortes no país chegava a números recordes. Normalmente, os dados eram enviados à imprensa por volta das 19h. Na quarta-feira (3), foi enviada uma mensagem a jornalistas afirmando que, por “problemas técnicos”, as informações seriam enviadas “excepcionalmente” às 22h.

Perguntado sobre alterações no horário de divulgação, Bolsonaro brincou com o horário do Jornal Nacional, da TV Globo, normalmente exibido por volta de 20h30. “Acabou matéria no Jornal Nacional?”, disse, rindo.

Também houve alteração no tipo de dado informado à imprensa. Nesta sexta-feira, o boletim não trouxe mais números totais de mortes e casos de covid-19 — apenas dados para as últimas 24 horas.

Bolsonaro disse que pode retirar o Brasil da OMS se continuar na instituição o que ele chamou de “viés ideológico”. Bolsonaro, que inicialmente disse que o vírus era uma “gripezinha”, criticou as políticas de bloqueio recomendadas pela agência para combater a propagação da doença.

“O Trump cortou a grana deles, voltaram atrás em tudo. E adianto aqui: os Estados Unidos saíram da OMS, a gente estuda no futuro. Ou a OMS trabalha sem o viés ideológico, ou nós vamos estar fora também. Não precisamos de gente de fora dar palpite na saúde aqui dentro”, afirmou Bolsonaro.

Leia também: OMS atualiza orientação sobre o uso das máscaras faciais

Na semana passada, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciou o “término da relação” do país com a OMS em plena pandemia de coronavírus. “A partir de hoje encerraremos nossa relação com a Organização Mundial da Saúde e redirecionaremos estas verbas para outras necessidades globais, urgentes e merecedoras na saúde”, afirmou o republicano, sem detalhar como tal rompimento seria feito.

Fonte: IG Mundo

Comentários do Facebook

Internacional

Fernandéz faz carta para Bolsonaro desejando uma rápida recuperação

Publicado

em


source
Alberto Fernandez e Bolsonaro (twitter)
Reprodução Twitter @sebastianarcher

Alberto e Bolsonaro


Diante da confirmação de que o presidente brasileiro Jair Bolsonaro testo positivo para o coronavírus, seu colega argentino, Alberto Fernández, enviou uma carta para expressar seu desejo de uma rápida recuperação e solicitar que extremo cuidado fosse tomado no país vizinho.

“Com muito pesar, soube que ele foi afetado pelo COVID-19. Quero expressar meus desejos de que ele se recupere muito em breve”, começou o presidente.

A carta possui quatro parágrafos, e Fernández analisou que “o perigo dessa pandemia se manifesta nos níveis de contágio. Esse vírus não faz distinção entre governantes e governados. Estamos todos ameaçados e é por isso que os cuidados devem ser extremos”.

Usando de objetividade, destacou a necessidade de se cuidar, disse o presidente argentino, foi entendida pelos “povos que enfrentam essa tragédia com integridade e responsabilidade”. Por esse motivo, sustentou que “nesta hora difícil” receba  saudação e solidariedade como todos os cidadãos do Brasil.

A assinatura da carta não é menos notável: “Sinceramente “, como o livro de sua vice-presidente Cristina Kirchner, “Alberto Fernández”, escrito com uma caneta azul.


Fonte: IG Mundo

Comentários do Facebook
Continue lendo
Esportes4 horas atrás

Covid 19: CT Paralímpico de São Paulo reabre com atletas da natação

. Depois de 111 dias fechado, o Centro de Treinamento Paralímpico de São Paulo voltou a receber atividades na tarde...

Nacional4 horas atrás

Jornalistas que entrevistaram Bolsonaro serão afastados por emissoras

Reprodução/TV Brasil Jair Bolsonaro em entrevista no Palácio do Planalto As emissoras Empresa Brasil de Comunicação (EBC), CNN Brasil e...

Nacional4 horas atrás

Caixa deve prorrogar suspensão de prestações da casa própria por mais 2 meses

Medida vale para financiamentos com recursos do FGTS e da poupança; Famílias mais pobres do Minha Casa Minha Vida são...

Nacional5 horas atrás

Dias Toffoli critica “ódio e intolerância” e deseja melhoras a Bolsonaro

Plenário da Câmara / FLICKR / Reprodução Toffoli enviou mensagem de apoio a Bolsonaro, que está com a Covid-19 Na...

Nacional5 horas atrás

Sete traficantes são presos após mãe de usuário fazer denúncia

    Polícia Civill/Divulgação Foram apreendidos maconha, crack e cocaína, além de R$ 3,5 mil em dinheiro, celulares e um...

Nacional5 horas atrás

Estado de saúde de avó de Michelle Bolsonaro é gravíssimo

Marcos Corrêa/PR Avó da primeira-dama foi encontrada desmaiada em rua da periferia do Sol Nascente, em Brasília A avó da...

Nacional5 horas atrás

Colunista que torce por morte de Bolsonaro será investigado pela PF

Marcos Corrêa/PR Bolsonaro confirmou hoje (7) que está com a Covid-19 O atual ministro da Justiça e Segurança Pública, André...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana

error: O conteúdo está protegido !!