conecte-se conosco


Polícia Federal

Polícia Federal atua na prisão de quatro foragidos internacionais

Publicado

em

Na segunda-feira (28/01), equipe da Interpol localizou e efetuou em São Paulo/SP a prisão para extradição, decretada pelo STF, de fugitivo procurado pela Bélgica por envolvimento, entre 2008 e 2012, em casos de fraude, abuso de confiança e desobediência. O preso deve ser mantido em custódia na Superintendência Regional da Polícia Federal em São Paulo até que o STF julgue o processo de sua extradição para a Bélgica.

Na quinta-feira (31/01), policiais federais que atuam na Bolívia, com o auxílio da Interpol e da Força Especial de Luta contra o Narcotráfico da Bolívia, coordenaram a localização, prisão e posterior expulsão para o Brasil de fugitivo brasileiro procurado pela Justiça Federal de Cuiabá/MT. O preso era procurado por tráfico internacional de grandes quantidades de droga (cocaína), em 2018, da Bolívia para o Brasil. Ele foi entregue às autoridades brasileiras em Corumbá/MS e deverá permanecer detido em estabelecimento prisional no Brasil à disposição da Justiça.

Na sexta-feira (01/02), equipe da Interpol localizou e efetuou em São Paulo/SP a prisão para extradição, decretada pelo STF, de fugitivo procurado pela Coréia do Sul, por envolvimento, entre 2006 e 2008, em casos de manipulação fraudulenta de mercado de ações e estelionato. O homem será mantido em custódia na Superintendência Regional da Polícia Federal em São Paulo até que o STF julgue o processo de sua extradição para a Coréia do Sul.

Ainda na sexta-feira (01/02), por meio da Interpol, com o apoio da ICE (Agência de Imigração Norte-Americana) e das autoridades da Colômbia, foi preso em Cali, Colômbia, fugitivo brasileiro procurado pela Justiça Federal do Rio de Janeiro/RJ. O preso era procurado pelos de crimes de formação de quadrilha, corrupção ativa e contrabando de bens no valor aproximado R$ 1 milhão de reais, praticados em 2011. O preso será mantido em custódia na Colômbia até que seja julgado o processo de sua extradição para o Brasil.

Fonte: Polícia Federal
Comentários do Facebook
Leia mais:  PF combate compartilhamento de pornografia infantil pela internet em SP
publicidade

Polícia Federal

PF combate crimes ambientais em São Sebastião

Publicado

em

São Sebastião/SP – A Polícia Federal deflagrou nesta sexta-feira (12/7) a Operação Detectoristas Detectados, para apurar denúncia de que alguns integrantes de um grupo estavam realizando escavações ilegais (sem autorização) no subsolo dos Sítios Arqueológicos da Lagoinha, em Ubatuba/SP; São Francisco e Morro do Abrigo, ambos em São Sebastião/SP. O primeiro sítio arqueológico é tombado pelo CONDEPHAAT – CONSELHO DE DEFESA DO PATRIMÔNIO HISTÓRICO, ARQUEOLÓGICO, ARTÍSTICO E TURÍSTICO DO ESTADO  DE SÃO PAULO – e os dois últimos estão acautelados ao IPHAN – INSTITUTO DO PATRIMÔNIO HISTÓRICO E ARTÍSTICO NACIONAL, cadastrados no cadastro nacional de sítios Arqueológicos.

Policiais federais cumpriram três mandados de busca e apreensão domiciliar na cidade de Caraguatatuba, expedidos pela 1ª Vara Federal de Caraguatatuba. Foram encontrados e apreendidos diversos itens pertencentes a tais sítios arqueológicos, inclusive três equipamentos destinados à prospecção desses vestígios no subsolo (detectores).

Os infratores identificados serão indiciados por incorrerem, em tese, nas sanções do art. 62, inciso I, da Lei nº 9.605/1998 (Lei de Crimes Ambientais) e ainda estarão sujeitos à aplicação de pesadas multas pelos órgãos encarregados da preservação e guarda de tais sítios arqueológicos.

 

Fonte: Polícia Federal
Comentários do Facebook
Leia mais:  PF combate golpes via aplicativos de mensagens
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana