conecte-se conosco



Política

PL quer restituir descontos na Previdência de militares

Publicado

em


O deputado Capitão Assumção (Patri) apresentou na Assembleia Legislativa (Ales) o Projeto de Lei (PL) 568/2020, que obriga o Estado a restituir aos servidores públicos militares inativos e pensionistas os descontos de contribuição da Previdência de 9,5% em 2020 e de 10,5% em 2021. A proposta também determina a suspensão desses abatimentos realizados na folha salarial.

De acordo com a proposição, o cálculo para contribuição previdenciária dos militares deverá ter como base o valor que exceder o teto do benefício pago pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) – que atualmente está em R$ 6.101,06 – e seguir as normas vigentes na Portaria 914/2020 da Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia.

Segundo o parlamentar, anteriormente, apenas os servidores inativos (da reserva remunerada e reformados) com benefícios acima do teto é que contribuíam com o sistema previdenciário. Entretanto, com a aprovação na Casa do Projeto de Lei Complementar (PLC) 12/2020, elaborado em consonância com a reforma da Previdência dos militares pelo governo federal, a regra mudou.
 
“Ocorre que, após a aprovação e adequação da legislação no Estado, houve a inclusão dos inativos no grupo de contribuintes. Sobretudo, o desconto tem sido em cima do valor bruto recebido e não sobre o valor que excede a remuneração”, esclarece Assumção.

Ele argumenta que vários militares se aposentaram com a lei em vigor, que previa a cobrança para quem estivesse na ativa e para os que recebiam acima do teto do INSS, por isso a contribuição da maioria já teria sido quitada e um novo desconto seria uma injustiça.

Assumção baseia suas alegações em artigo da Constituição Federal que trata de questões envolvendo direitos adquiridos em relação à Previdência Social e em Súmula do Supremo Tribunal Federal (STF) acerca do tema.

Por fim, a iniciativa também especifica que os militares estaduais reformados por problemas de saúde devem ser isentos da contribuição previdenciária nos valores e anos citados. Em caso de aprovação, a nova legislação entra em vigor na data de sua publicação em Diário Oficial.
 
Tramitação
 
A matéria foi lida no Expediente da sessão ordinária híbrida do dia 1º de dezembro e foi encaminhada para as comissões de Justiça, Cidadania e Finanças. Após a análise nos colegiados, o projeto estará apto para ser votado pelo Plenário da Casa. 

 

Comente Abaixo
Mulher1 hora atrás

Horóscopo do dia: previsões para 22 de janeiro de 2021

Marcelo Dalla O horóscopo do dia apresenta a previsão para todos os signos ÁRIES Continue a ter cuidado para não...

Nacional1 hora atrás

Sol e altas temperaturas nesta sexta em São Paulo

Raw Image/Folhapress Previsão do tempo nesta sexta (22) Sol e altas temperaturas durante todo o dia marcam a previsão do...

Nacional1 hora atrás

Impeachment de Bolsonaro: grupos de esquerda e direita convocam carreatas

QUART4RT/BBC Agravamento da crise do coronavírus e a dificuldade do governo federal de agilizar uma ampla campanha de vacinação deram...

Nacional1 hora atrás

Amazonas prevê piora da Covid-19 em fevereiro e aumento do consumo de oxigênio

Reprodução Governador diz que tendência é que a temporada de chuvas na região faça surgir casos de outras doenças além...

Internacional1 hora atrás

Biden vai pedir quarentena a passageiros internacionais

O presidente norte-americano, Joe Biden, assinou decreto nessa quinta-feira (21) para requerer que passageiros internacionais de viagens aéreas façam quarentena ao...

Nacional1 hora atrás

MPF pede explicações à Saúde por aplicativo TrateCOV, que recomenda cloroquina

Divulgação TrateCov, aplicativo do Ministério da Saúde O Ministério Público Federal (MPF) cobrou, nesta quinta-feira (21), explicações do  Ministério da...

Mulher1 hora atrás

“Acabei gostando de trair meu marido porque me sinto mais desejada”

Pexels/Sound On Pamela trai o marido há sete anos, mas para a família e amigos ela finge ser contra Pâmela*,...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana

error: O conteúdo está protegido !!