conecte-se conosco


Polícia Federal

PF deflagra a 3ª fase da Operação Nepsis

Publicado

em

Campo Grande/MS – A Polícia Federal deflagrou nesta quarta-feira (10/7) a terceira fase da Operação Nepsis, com o objetivo de angariar elementos de prova referentes ao pagamento de vantagens indevidas a um suposto núcleo de policiais militares do Estado de São Paulo, descoberto a partir da apreensão de celulares da organização criminosa desmantelada na primeira fase da Operação Nepsis, deflagrada em 22/9/2018.

Policiais federais deram cumprimento a dois mandados de busca e apreensão no município de São José do Rio Preto/SP, expedidos pela 2ª Vara Federal de Ponta Porã.

As investigações apontam negociações que indicam o pagamento de valores entre R$ 70 mil e R$  120 mil por mês ao suposto grupo de policiais para permitir o escoamento de cigarros contrabandeados do Paraguai por rodovias paulistas, sendo que o pagamento era negociado por um ex-policial, já expulso da corporação. 

A organização criminosa investigada na Operação Nepsis formou um verdadeiro consórcio de grandes contrabandistas, com a criação de uma sofisticada rede de escoamento de cigarros contrabandeados do Paraguai, a qual se estruturava em dois pilares: um sistema logístico de características empresariais e, ainda, a corrupção de policiais cooptados para participar do estratagema criminoso.

Os envolvidos responderão, na medida de suas participações pelos crimes de corrupção (ativa e passiva), tráfico de influência e formação de organização criminosa.

Segundo a mitologia grega, Nepsis significa vigilância interior, estado mental de atenção plena. A operação foi assim batizada em alusão à vigilância necessária para se combater as sofisticadas atividades criminosas ligadas ao contrabando e à vigilância em relação à própria atividade de fiscalização estatal para conter a corrupção de servidores públicos.

 

 

Fonte: Polícia Federal
Comentários do Facebook
Leia mais:  PF apreende 720 kg de maconha em caminhão no RJ
publicidade

Polícia Federal

PF combate concussão e lavagem de dinheiro em Vila Velha/ES

Publicado

em

Vila Velha/ES – A Polícia Federal deflagrou nesta sexta-feira (19/7) a Operação Endosso, com o objetivo de desarticular suposto esquema criminoso voltado à prática de Rachid, perpetrado por um vereador do município de Vila Velha. A operação foi realizada em conjunto com o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO) do Ministério Público do Espírito Santo, e em decorrência das ações realizadas no Fórum de Combate à Corrupção no Espírito Santo – FOCCO/ES.

Aproximadamente 20 policiais federais cumpriram cinco mandados de busca e apreensão, nas cidades de Vila Velha/ES e Viana/ES, nas residências dos envolvidos.

As investigações apontaram que alguns assessores devolviam parte da remuneração que recebiam da Câmara Municipal de Vila Velha para o vereador que os indicou. Os repasses eram realizados através de saques de contas bancárias dos assessores acompanhados de imediatos depósitos em contas de terceiros, além da conta de uma empresa do vereador.

Os investigados poderão responder pelos crimes de concussão (art. 316 do CPB) e lavagem de dinheiro (art. 1º da Lei 9.613/98), cujas penas somadas poderão alcançar 4 a 14 anos de reclusão.

 

Fonte: Polícia Federal
Comentários do Facebook
Leia mais:  Polícia Federal apreende armas e drogas em São Mateus
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie
Economia56 minutos atrás

Governos liberais no Brasil e na Argentina facilitaram acordo Mercosul-UE

arrow-options Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil Lucas Ferraz, secretário de Comércio Exterior, falou sobre o acordo entre Mercosul e União Europeia...

Saúde57 minutos atrás

Sente coceira na cabeça? Saiba quais são as possíveis causas e soluções

Poucas coisas na vida podem ser tão irritantes quanto uma coceira na cabeça – principalmente quando ela não parece ter...

Nacional57 minutos atrás

50 anos de viagem à Lua: Comemorações e conspirações

arrow-options Nasa Foto do astronauta norte-americano Buzz Aldrin caminhando na Lua. Há exatos 50 anos, no dia 20 de julho...

Nacional57 minutos atrás

Depois dos 50 anos do homem na Lua, surgem novos projetos de vários países

arrow-options Reprodução/Nasa Agência Espacial Americana (NASA) estimou o preço de um novo pouso na Lua entre R$ 80 bilhões e...

Nacional57 minutos atrás

Trump pode mediar tensões econômicas entre Japão e Coreia do Sul

arrow-options Isac Nóbrega/PR Trump afirmou que foi convidado pelo presidente sul-coreano, Moon Jae-in, para mediar questão O presidente dos EUA,...

Nacional58 minutos atrás

Público reage a comentário de Bolsonaro com frases exaltando Nordeste

arrow-options Marcos Corrêa/PR – 19.7.19 Presidente Jair Bolsonaro disse que fome no Brasil “é uma grande mentira” Um dia após...

Entretenimento58 minutos atrás

Haslaine Vieira, ex-Malhação, participa de clipe do namorado

Heslaine Vieira gravou na última quinta-feira (18), na Barra da Tijuca, no Rio, o clipe da música Protetpr Solar, do...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana