conecte-se conosco



Economia

PEC dos Precatórios apresenta inconstitucionalidade, diz comissão da OAB

Publicado

em


source
Proposta será analisada pela Câmara dos Deputados nesta quarta-feira
Cleia Viana/Câmara dos Deputados

Proposta será analisada pela Câmara dos Deputados nesta quarta-feira

O presidente da Comissão de Precatórios da OAB Nacional, Eduardo Gouvêa, disse que o substitutivo do relator Hugo Motta (Republicanos-PB) da PEC 23/2021, que deve ser votada no Plenário da Câmara nesta quarta-feira (27), carrega inconstitucionalidades. Segundo Gouvêa, o substitutivo fura o teto de gastos e abre brecha para um aumento exponencial da dívida pública, o que deixará o Senado sem saída a não ser alterar o texto.

O texto estipula um teto para gastos com precatórios, que são as dívidas judiciais reconhecidas pela União. Em 2022, o governo federal deveria pagar R$ 89 bilhões em precatórios, mas, se o texto for aprovado pelo Congresso, poderá pagar apenas R$ 39,9 bilhões.

“Parcelamento de precatórios, que são um direito líquido e despesa obrigatória do poder público, já foi julgado inconstitucional pelo Supremo Tribunal Federal (STF) em três ocasiões. Não vejo por que ser diferente agora”, afirmou Gouvêa.

A medida abre espaço para o Auxílio Brasil, programa social do governo federal que substituirá o Bolsa Família em 2022. O Palácio do Planalto quer reajustar o benefício para R$ 400, mas a liberação do valor só será possível caso a proposta seja aprovada. A tentativa do governo é manter parte das despesas dentro do teto de gastos e gastar R$ 30 bilhões fora do teto para disponibilizar um ‘auxílio temporário’. 

O especialista acredita que a proposta aumentará as chances de judicialização, pois poderá ser interpretada como inconstitucional. 

Leia Também

Em relação ao “drible” no teto de gastos, o presidente da Comissão de Precatórios da OAB declarou que é a pior sinalização possível – para o mercado interno e os investidores internacionais -, sobre a condução da economia, principalmente num momento em que o Brasil precisa tanto de uma retomada do crescimento.

A ideia da Câmara é alterar o cálculo do orçamentário relacionado a inflação. Atualmente, o Ministério da Economia soma o valor gasto pela União no ano vigente mais a inflação entre junho do ano anterior e do vigente para compor o Orçamento do próximo ano. A sugestão do Palácio do Planalto é alterar a contabilização da inflação para janeiro até dezembro do ano vigente.

Ou seja, para compor os gastos orçamentários de 2022, o Ministério da Economia somou os gastos deste ano e reajustou em cima da inflação registrada entre junho de 2020 e deste ano. O resultado dessa conta será o total que a União poderá gastar no próximo ano.

“Isso sem falar no crescimento da dívida pública, que deixa o país incapacitado para investimentos por muitos anos. Se aprovado o parcelamento e o limite de precatórios, a dívida pública pode subir R﹩ 1,5 tri até 2036, segundo a consultoria da própria Câmara dos Deputados”, ressalta.

De acordo com estudo da Consultoria de Orçamento e Fiscalização Financeira da Câmara, feito a pedido do ex-presidente Rodrigo Maia (DEM-RJ), o adiamento da parte que excede o limite pode gerar uma “bola de neve” de R﹩ 672,4 bilhões a R﹩ 1,448 trilhão até o fim de 2036, quando acabaria o teto de gastos. A relação dívida/PIB hoje é de 81,2%, estando o total da dívida bruta na casa de R﹩ 6,7 trilhões. Ou seja, o impacto adicional dos precatórios seria de 10% a 22% do total da dívida pública.

Comente Abaixo
Internacional27 segundos atrás

Pais de autor de massacre em escola de Michigan são presos

Reprodução Pais de Ethan Crumbley Os pais de Ethan Crumbley, o jovem de 15 anos indiciado por terrorismo, assassinato e...

Internacional55 minutos atrás

Pais de suspeito de tiroteio em escola de Michigan negam acusações

Uma juíza de Michigan estabeleceu fiança de US$ 500 mil para cada um dos pais de um adolescente acusado de assassinar quatro...

Entretenimento55 minutos atrás

Gio Ewbank e Bruno Gagliasso se hospedam em resort com diárias de R$27,5 mil

Instagram Gio Ewbank e Bruno Gagliasso se hospedam em resort com diárias de R$27,5 mil Giovanna Ewbank e Bruno Gagliasso...

Nacional56 minutos atrás

Bolsonaro faz passeio de moto em Brasília, visita feira e abraça moradores

Reprodução/Twitter Presidente Jair Bolsonaro na motociata O presidente Jair Bolsonaro (PL) fez um passeio de moto, neste sábado (4), e...

Nacional1 hora atrás

Dentista é presa em flagrante após balear marido no interior de SP

Reprodução Tentativa de homicídio na Praia Grande (SP) Uma mulher de 41 anos foi presa em flagrante por balear o...

Internacional1 hora atrás

Biden e Putin farão reunião sobre tensões na Ucrânia

David Lienemann / Official White House / Divulgação Biden e Putin farão reunião sobre tensões na Ucrânia A Casa Branca...

Saúde1 hora atrás

Brasileiros devem redobrar cuidados no verão contra câncer de pele

A campanha deste ano do Dezembro Laranja, promovida pela Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), quer aliar os cuidados com a...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana

error: O conteúdo está protegido !!