conecte-se conosco



Estadual

Paciente com Alzheimer será indenizada por plano de saúde que demorou a trocar sonda gástrica

Publicado

em


2ª Câmara Cível do TJES fixou o valor a ser recebido a título de danos morais em 10 mil reais.

A Justiça do Espírito Santo condenou um plano de saúde a indenizar por danos morais uma paciente com alzheimer, pela demora na troca da sonda gástrica indispensável para sua alimentação. A 2ª Câmara Cível do TJES majorou para R$ 10 mil o valor que havia sido estabelecido pela 1ª Vara de Anchieta, em primeira instância.

De acordo com o processo, a beneficiária do plano recebia atendimento domiciliar, prestado por uma equipe de médicos e enfermeiros de empresa terceirizada. Os profissionais observaram que a sonda gástrica encontrava-se deteriorada, entupida e quebradiça, dificultando a passagem de alimentos. E informaram ao filho da paciente que a troca deveria ser solicitada junto ao plano.

No entanto, o relatório de atendimento, anexado aos autos pela empresa terceirizada, e as trocas de e-mails com a operadora de saúde, demonstraram que, de fato, houve demora para que o plano autorizasse o procedimento.

Ainda segundo o processo, a nova sonda gástrica da requerente havia furado e parte do que estava em seu estômago ficou vazando. Em decorrência da falta de sonda de urgência, foi necessário que a nora da requerente comprasse outra.

Os desembargadores entenderam que a situação vivenciada pela requerente não pode ser enquadrada como um mero aborrecimento e destacaram: “o TJES já definiu anteriormente que a indenização por danos morais têm como objetivo compensar a dor causada a vítima e desestimular o ofensor a cometer atos de mesma natureza. Não é razoável o arbitramento que importe em uma indenização irrisória, de pouco significado para o ofendido, nem uma indenização excessiva, de gravame demasiado para o ofensor”.

E assim, analisando o caso específico, as condições do plano e da requerente, majoraram a indenização por danos morais para o importe de 10 mil reais.

Apelação Cível nº 0000338-07.2016.8.08.0004

Vitória, 22 de janeiro de 2021

Informações à Imprensa

Assessoria de Imprensa e Comunicação Social do TJES
Texto: Tais Valle | [email protected]

Maira Ferreira
Assessora de Comunicação do TJES

[email protected]
www.tjes.jus.br

Fonte: TJES

Comente Abaixo
Nacional55 segundos atrás

MG: professor que manteve mulher em condições análogas a escravidão foi demitido

Reprodução/Facebook Dalton Siqueira Milagres Rigueira, professor acusado de ter mantido Madalena Gordiano, por 38 anos em trabalhos análogos à escravidão...

Mulher55 segundos atrás

Dia da Mulher: Confira uma seleção de livros necessários e impactantes

Reprodução: Alto Astral Dia da Mulher: Confira uma seleção de livros necessários e impactantes Os livros são um pilar fundamental...

Esportes56 segundos atrás

Fortaleza vence o Sampaio Corrêa pela Copa Nordeste

Na segunda rodada da Copa do Nordeste, o Fortaleza visitou o Sampaio Corrêa no Castelão, em São Luís, na noite...

Nacional6 minutos atrás

Homem estupra a cunhada grávida e ainda agride a esposa

Uma sequência de absurdas violências contra a mulher foi registrada em Água Boa, pequeno município do Vale do Rio Doce...

Nacional14 minutos atrás

Vítima de roubo vê celular à venda em site, marca encontro e o recupera

  Adolescente que roubou celular, em Praia Grande, no litoral paulista, foi encaminhado para a delegacia e liberado por ser...

Política31 minutos atrás

Governo negou 3 ofertas da Pfizer por vacina em 2020, perdendo milhões de doses

Patrick T. Fallon/Divulgação Pfizer teve três propostas de vacinas recusadas pelo governo de Jair Bolsonaro O governo de Jair Bolsonaro rejeitou no...

Esportes59 minutos atrás

Laranjeira se diz preparado para agarrar oportunidades no Vasco

  O início do Campeonato Carioca tem sido aproveitado pelo Vasco da Gama para observar alguns destaques da equipe sub-20...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana

error: O conteúdo está protegido !!