conecte-se conosco



Direto de Brasília

Obras de reconstrução do Museu Nacional começam este ano, diz diretor

Publicado

em


Museu Nacional
Fernando Frazão/Agência Brasil

Informação foi divulgada pelo diretor da instituição, Alexandre Kellner

As obras de restauração do Museu Nacional vão começar este ano. A garantia foi dada nesta terça-feira (14) pelo diretor da instituição, Alexandre Kellner, durante assinatura de protocolo de intenção de cooperação técnico-científica com o Instituto Brasileiro de Museus (Ibram). O museu, ligado à Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), foi consumido por um incêndio
no dia 2 de setembro do ano passado.

“As obras se iniciam este ano. Nós temos a dotação de R$ 1 milhão, para o projeto executivo da reconstrução das fachadas e do telhado. Dentro deste contexto, a UFRJ já fez a licitação, a empresa já foi contratada e nós temos uma emenda parlamentar impositiva, através da bancada federal do Rio de Janeiro, de R$ 55 milhões. Temos o dinheiro, tem o projeto, é só começar o trabalho. Cobrem da gente: este ano, nós começamos com as obras de reconstrução do Museu Nacional
”, disse Kellner, ao lado do presidente do Ibram, Paulo Amaral.

Leia também: Museu Nacional recupera coleção egípcia, incluindo múmia dada a D. Pedro II

Kellner
explicou que as obras executadas até agora foram somente de escoramento e cobertura parcial, com uma verba de R$ 10 milhões liberada pelo Ministério da Educação. “Até dezembro vai ter andaime, vai ter gente trabalhando. Não é para fazer a limpeza. É trabalhando efetivamente. É obra, verdadeiramente, de restauração da fachada”, disse.


Investimentos

O presidente do Ibram disse que os investimentos totais na restauração podem chegar a centenas de milhões de reais e que atualmente as verbas federais estão escassas. “O Ministério da Cidadania
[que engloba a Secretaria da Cultura], e o governo como um todo, tem dificuldades financeiras. E uma obra como essa é de muitos milhões. Estamos falando aqui de R$ 200 milhões, de R$ 300 milhões, de R$ 500 milhões. Só os projetos vão dizer, mas é daí pra fora”, disse Amaral, citando a Lei de Incentivo à Cultura, antiga Lei Rouanet, que permite investimentos privados em troca de isenções fiscais.

O diretor do Museu Nacional calculou que só dentro de cinco anos poderá reabrir, parcialmente, o museu ao público. Segundo ele, talvez um pouco antes seja possível ter acesso a uma parte restrita do espaço. A demora na obra se deve à complexidade do trabalho, que é bem diferente de se erguer um prédio novo, pois deve seguir normas específicas de restauro.

Segundo Amaral, o novo conceito do Museu Nacional será divulgado dentro de 11 meses, provavelmente em abril de 2020, quando vai ser definido a formatação final do espaço, que reunirá partes dedicadas ao acervo histórico e também a obras e equipamentos contemporâneos.

Leia também: Incêndio que destruiu Museu Nacional começou no ar condicionado, diz laudo da PF

Doações

A preocupação imediata de Keller é bem mais simples. Ele precisa, urgentemente, de verbas para adquirir 10 contêineres para guardar parte do acervo que não foi consumido pelas chamas. Cada contêiner custa, aproximadamente, R$ 35 mil.

O diretor do museu fez um apelo a empresas interessadas em ajudar com doações financeiras e também a indivíduos que desejem contribuir. Um dos canais oficiais possíveis para doações, auditado e transparente, é a associação Amigos do Museu Nacional
. Na página da entidade, www.samn.org.br
, há informações de como fazer as doações.

Comentários do Facebook

Direto de Brasília

Alexandre de Moraes vota a favor de prisão após segunda instância

Publicado

em

source
Ministro Alexandre de Moares arrow-options
Rosinei Coutinho/SCO/STF

Ministro votou contra o ministro Marco Aurélio

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes votou a favor do cumprimento antecipado de pena após condenação em segunda instância . Com o voto, o placar está em 1 a 1 após o ministro Marco Aurélio Mello votar contra a pauta.

No início da leitura do voto, Moares disse que “toda vez que se altera a jurisprudência se fala em evolução”, mas que, às vezes, também há uma “involução”.

Acompanhe ao vivo: STF retoma julgamento sobre prisão em segunda instância

Em seguida, o ministro fez uma defesa da democracia e ciriticou ameaças à Corte. “Paixões políticas e ideológicas resultaram em ameaças ao STF, muito acima das salutares  manifestações de uma democracia. Relatores foram chamados de levianos e corruptos por ter uma posição contrária”, afirmou.

Na sustentação do voto, Moraes disse que “alterações de posicionamento não produziram nenhum impacto significativo no sistema penitenciário nacional” e que não vê que os princípios de presunção de inocência e de não culpabilidade serão feridos. “A decisão de segundo grau é fundamentada”, completou.

Comentários do Facebook
Continue lendo
Nacional15 minutos atrás

Homem confessa ter estuprado afilhada de 9 anos e tem quarto destruído por vizinhos

Um homem de 55 anos foi preso por estuprar sua afilhada, de 9 anos, no bairro Londrina, em Santa Luzia,...

Nacional18 minutos atrás

Marido encontra homem saindo de casa, após tentar estuprar sua esposa

  Caso foi registrado na cidade de Rosário Oeste, na zona rural da cidade Um homem de 54 anos registrou...

Educação28 minutos atrás

Enem pode ser suspenso no ano que vem por falta de recursos, alerta MEC

Para evitar esse desfecho, o ministro da Educação, Abraham Weintraub, pediu complementação de R$ 6,9 bilhões ao limite previsto para...

Esportes32 minutos atrás

Fotos! Torcedora do Flamengo, maquiadora exibe corpaço e amor pelo clube no Instagram

  Líbia Ximenes tem mais de 85 mil seguidores Rio – Torcedora do Flamengo, Líbia Ximenes chama a atenção pela...

Leitor na Folha46 minutos atrás

Enredo de um Protagonista III – Integração das Comarcas

  Apesar da surpresa teatral do presidente da OAB/ES com o “Projeto de Integração de Comarcas”, o que causou espécie...

Estadual50 minutos atrás

Carro de motorista de aplicativo que está desaparecido é encontrado carbonizado no ES

  Motorista desapareceu na quarta-feira (3) após fazer uma corrida na Serra. O motorista de aplicativo Anderson Luiz Lira, de...

Entretenimento53 minutos atrás

Musa do vôlei, Jaqueline mostra sua beleza em fotos de biquíni: “Banho de sol”

Musa do vôlei brasileiro, Jaqueline Carvalho, de 36 anos, aproveitou o sábado para tomar sol. A atleta postou de biquíni,...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana

error: O conteúdo está protegido !!