conecte-se conosco


Nacional

Número de feriados em dias úteis cresce em 2020

Publicado

em

Coordenadora da Escola Superior de Gestão de Turismo da Uninter dá dicas para brasileiros aproveitarem melhor as datas

Em 2020 o brasileiro vai descansar mais. De acordo com o Calendário 365, o ano que vem terá nove feriados nacionais em dias de semana, quase o dobro de 2019. Com isso, o impacto na área turística tende a crescer.

Segundo um estudo realizado pelo Conselho Mundial de Viagens e Turismo (WTTC, sigla em inglês), o impacto do turismo gerou uma participação de US$ 8,8 trilhões ao Produto Interno Bruto (PIB) mundial (10,4%). O estudo do Conselho analisou 185 países, de 25 regiões geográficas ou econômicas. A entidade é a principal consultoria independente de turismo no mundo.  

Para a coordenadora da Escola Superior de Gestão de Turismo do Centro Universitário Internacional Uninter, Grazielle Ueno Maccoppi, o impacto dos feriados no turismo do Brasil é positivo. ‘‘As pessoas tendem a buscar por destinos próximos, onde entram na disputa atrativos regionais e, dependendo da quantidade de dias, até destinos nacionais’’, explica.

Para grande parte da população, os feriados são uma das poucas opções de descanso e período para viagens já que muitos trabalham ou estudam presencialmente. Por esse motivo, a coordenadora explica que é preciso se atentar às tarifas de alta temporada. ‘‘A grande maioria dos meios de hospedagem aplicam a tarifa de alta temporada, acrescentando até 30% aos valores das diárias’’, explica Grazielle.

Apesar disso, caso haja um planejamento prévio, o feriado é uma boa ocasião para conhecer novos lugares. ‘‘É sempre um bom momento para viajar pelo seu estado e conhecer destinos turísticos próximos’’, diz a coordenadora.

Para os feriados de 2020, a dica é antecedência e planejamento. Quanto antes a organização for feita, mais condições de boas negociações podem acontecer. Segundo a especialista, não é só com passagens que o viajante deve se preocupar. É importante verificar restaurantes para reservar previamente, verificar a agenda cultural da cidade e garantir ingressos de eventos antes da data prevista, além de estudar opções para não gastar além do planejado.

 

Leia mais:  Seis pessoas morrem após carreta invadir pista contrária na Via Dutra

Comentários do Facebook
publicidade

Nacional

Após o assassinato de guajajaras, Moro envia Força Nacional para terra indígena

Publicado

em

source
Moro arrow-options
Antonio Cruz/Agência Brasil

Após o assassinato de guajajaras, Moro manda Força Nacional para terra indígena

Após o assassinato de três indígenas guajajara em pouco mais de um mês, o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro , autorizou o emprego da Força Nacional de Segurança Pública na terra indígena Cana Brava Guajajara, no Maranhão, por 90 dias. A portaria foi assinada no começo da tarde desta segunda-feira (9).

Leia também: Índios sofriam ameaças após assaltos na região, diz membro da Funai no Maranhão

Os efeitos da medida começam a valer a partir de amanhã. Integrantes da Força Nacional ainda não chegaram à terra indígena. Eles devem permanecer no local até 8 de março de 2020. Os agentes devem dar apoio à Fundação Nacional do Índio (Funai) em ações de segurança pública, de forma a garantir a “integridade física e moral dos povos indígenas, dos servidores da Funai e dos não índios”, conforme o texto da portaria.

A Polícia Federal (PF) em São Luís informou que um inquérito policial foi instaurado no sábado para investigar o assassinato dos dois guajajara e o ferimento a outros dois, em Jenipapo das Vieiras (MA). Policiais federais foram enviados para a região do crime.

Leia também: Moro envia Força Nacional para terra indígena que está sob ataques no Amazonas

Segundo um comunicado da PF, “até o momento não foram encontrados indícios de vínculos entre os crimes e atritos entre indígenas e madeireiros”. Também não há, até então, relação entre o duplo homicídio e o assassinato do índio Paulo Paulino Guajajara e do caçador Márcio Gleyck Pereira, conforme a PF.

O atentado a tiros ocorreu no último sábado na BR-226, entre as aldeias Boa Vista e El Betel, em Jenipapo dos Vieiras, cidade a 506 km de São Luís. As vítimas que morreram foram identificadas como Firmino Silvino Guajajara e Raimundo Bernice Guajajara.

Leia mais:  Selfies ‘já mataram’ 259 pessoas, mostra estudo; homens são principais vítimas

Em um vídeo publicado nas redes sociais, um dos índios feridos conta que ele e Firmino seguiam em uma motocicleta quando foram surpreendidos por dois tiros disparados por ocupantes de um veículo de cor branca. Durante a tarde, índios Guajajara fizeram um protesto e bloquearam a BR-226.

Leia também: Em processo de favelização, terra indígena de SP resiste com liderança jovem

Há pouco mais de um mês, outro indígena da etnia Guajajara foi assassinado no Maranhão. O líder e integrante do grupo Guardiões da Floresta, Paulo Paulino Guajajara, foi morto durante uma emboscada na Terra Indígena Arariboia, na região de Bom Jesus das Selvas. No mesmo episódio, o líder indígena Laércio Souza Silva ficou ferido. A investigação ficou a cargo da PF.

Comentários do Facebook
Continue lendo
Estadual6 minutos atrás

Mulher é encontrada morta em frente a boate após baile funk em Vila Velha

O corpo de Amanda França de Almeida, 24, foi localizado na manhã de domingo (08), na areia da Praia de...

Variedades14 minutos atrás

Cartel mexicano incendeia rivais vivos perto da fronteira com o Texas, nos EUA

O cartel mexicano tem espalhado o terror entre seus rivais e cidadãos ao publicar imagens de execuções nas redes sociais. A mais...

Entretenimento20 minutos atrás

Amigas? Fátima Bernardes encontra atual de Bonner em evento de ballet

Fátima Bernardes se apresentou mais um vez com o Ballet Carlota Portela na noite do último domingo (8) no Rio...

Mulher22 minutos atrás

Jornalista descobre traição após registro do namorado em app fitness

‘Eu amei quando ganhei esse presente (o relógio) de Natal. Nós sincronizamos, motivamos um ao outro… Até que havia um...

Entretenimento25 minutos atrás

Ícone da Playboy dá dicas para manter o relacionamento ‘quente’

Rio – Ícone da Playboy e criadora de um dos maiores sites de ensaios sensuais da web, o Diamond Brazil, Viviane...

Regional28 minutos atrás

Jovem procura a polícia e pede para ser presa em Linhares

Para os policiais, a mulher confessou que estava foragida do sistema prisional e que deveria ser presa novamente Uma história...

Política33 minutos atrás

Marco Feliciano é expulso do Podemos após tratamento odontológico de R$ 157 mil

arrow-options Michel Jesus/ Câmara dos Deputados – 29.5.19 Pr. Marco Feliciano foi expulso do Podemos O deputado federal Pastor Marco...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana