conecte-se conosco


Nacional

“Não sou ditador, sou democrata, pô”, diz Bolsonaro sobre decreto de armas

Publicado

em

Jair Bolsonaro
Marcos Corrêa/PR
Bolsonaro confia que senadores aceitem o decreto do porte de armas

Engajado na defesa dos decretos que editou no mês passado para flexibilizar a posse e o porte de armas no país, o presidente Jair Bolsonaro disse na manhã desta terça-feira (18) que não poderá fazer nada caso o plenário do Senado derrube os atos . Governo e oposição evitam declarar vitória antecipadamente, prevendo uma votação apertada nesta terça-feira.

Na semana passada, a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Casa aprovou a derrubada das medidas , por 15 votos a 9. O governo tem apostado na pressão das redes sociais para reverter o resultado no plenário. No sábado,   Bolsonaro fez em suas redes sociais um pedido para a população cobrar os senadores pela manutenção dos decretos. Os dois lados evitam declarar vitória antecipadamente e preveem uma votação apertada.

Depois de participar de uma cerimônia de hasteamento da bandeira com ministros, no Palácio do Planalto, afirmou que tem falado com senadores para manter o decreto de armas , “explicando, conversando”.

Questionado o que pode fazer em caso de derrota, ele disse ser democrata: “Eu não posso fazer nada. Eu não sou ditador, sou democrata, pô”, declarou.

Caso a decisão da CCJ seja mantida, ela ainda terá que ser confirmada pela Câmara para ter efeito. De acordo com pesquisa Ibope, a maioria dos brasileiros é contra a flexibilização das regras das armas.

Leia também: Governo não tem dados para explicar mudança em lei de trânsito e acesso a armas

“Nós sabemos que no Brasil, hoje em dia, quem está à margem da lei está armado. Queremos, para o lado de cá, dar o direito à legitima defesa, que foi decidido nas urnas em 2005. Nada mais estou fazendo do que atendendo a vontade do povo expressa nas urnas em 2005 por ocasião do referendo”, defendeu Bolsonaro

Leia mais:  MEC pretende implantar 108 escolas cívico-militares no Brasil até 2023

Fonte: IG Mundo
Comentários do Facebook
publicidade

Nacional

ASSALTO A BANCO: Bandidos morrem em confronto com a polícia no Sul da Bahia

Publicado

em

Vários suspeitos de terem participado das explosões contra um caixa eletrônico do Bradesco e da agência dos Correios de Jucuruçu, na madrugada desta quarta-feira, (17/07), morreram numa troca de tiros com policiais militares do município e das especializadas Cipe-Mata Atlântica e Rondesp Sul.

A troca de tiros aconteceu durante a fuga dos assaltantes numa estrada vicinal distante cerca de 70 quilômetros de Itabela. A viatura do Pelotão da PM de Jucuruçu, que é vinculado à 43ª Companha Independente de Itamaraju (CIPM), foi atingida pelos disparos, mas os policiais não se feriram.

Os corpos dos homens mortos na ação policial foram encaminhados ao Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Eunápolis e ainda não foram identificados. As forças policiais continuam mobilizadas, pois há suspeita que os outros oito criminosos ainda estejam na região.

Informações dão conta que a polícia já recuperou uma caminhonete Fiat Toro, de cor branca, usada no crime e uma Toyota Hilux que teria sido tomada de assalto pelo bando durante a fuga.

O assalto

Na madrugada desta quarta-feira, dia 17 de julho, os moradores da pequena cidade de Jucuruçu acordaram com rajadas de tiros e explosões de dinamites e granadas. A ação criminosa teria contado com a participação de pelo dez homens fortemente armados, que explodiram o caixa eletrônico do Banco Bradesco, instalado próximo à agência dos Correios da cidade, que também teria sido alvo dos ladrões.

Nas explosões o cofre do terminal de autoatendimento foi aberto e o imóvel onde fica o caixa eletrônico sofreu vários danos. Os bandidos atiraram num dos pneus de uma viatura da Polícia Militar e de outros veículos que estavam estacionados, mas apesar dos diversos disparos, ninguém ficou ferido.

O Banco Bradesco ainda não informou os possíveis valores levados pelo bando criminoso.


(*Teixeira Hoje)

Comentários do Facebook
Leia mais:  MEC pretende implantar 108 escolas cívico-militares no Brasil até 2023
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie
Polícia Federal26 minutos atrás

PF combate concussão e lavagem de dinheiro em Vila Velha/ES

Vila Velha/ES – A Polícia Federal deflagrou nesta sexta-feira (19/7) a Operação Endosso, com o objetivo de desarticular suposto esquema...

Polícia Federal26 minutos atrás

Operação Vertex combate crimes de corrupção passiva, lavagem de capitais e organização criminosa

Manaus/AM – A Polícia Federal (PF) deflagrou na manhã de hoje (19/7) a Operação Vertex, uma nova fase da Operação...

Nacional1 hora atrás

ASSALTO A BANCO: Bandidos morrem em confronto com a polícia no Sul da Bahia

Vários suspeitos de terem participado das explosões contra um caixa eletrônico do Bradesco e da agência dos Correios de Jucuruçu,...

Agricultura1 hora atrás

Recadastramento de pescadores deve começar em cerca de 30 dias

O novo Registro Geral de Pesca (RGP) está pronto, anunciou nesta sexta-feira (19) o secretário de Aquicultura e Pesca do...

Economia1 hora atrás

Ministro da Infraestrutura recebe caminhoneiros na semana que vem

arrow-options Agência Brasil/Wilson Dias Ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas se encontrará com caminhoneiros na próxima semana para falar sobre...

Economia1 hora atrás

Economia já propôs fim da multa de 40% do FGTS a Bolsonaro

arrow-options Antonio Cruz/Agência Brasil  Após participar de um evento da igreja Sara Nossa Terra, presidente Jair Bolsonaro comentou sobre a...

Economia1 hora atrás

Contrata-se: quais setores estão gerando empregos no Brasil

arrow-options MARCO ANKOSQUI/Isto É DESENVOLVEDOR DE MOBILE Caio Granda, contratado pela Alt.Bank: “Me sinto privilegiado por ter sido empregado em uma...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana