conecte-se conosco


Política

‘Não quero ficar falando mal de presidente’, diz Lula em vídeo; assista

Publicado

em

 
Lula com o braço erguido junto com apoiadores
Ricardo Stuckert

Lula na saída da prisão em Curitiba

Depois de um discurso em que fez ataques ao governo Bolsonaro, ao Ministério Público Federal (MPF) e à Polícia Federal , o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva adotou um tom mais leve em vídeo publicado nas redes sociais. Em tom de campanha, o petista diz que quer “construir um país melhor” e que não vai “ficar falando mal” do presidente Jair Bolsonaro. O político foi solto, nesta sexta-feira, após ficar 580 dias presos na sede da PF, em Curitiba. A soltura se deu devido um novo entendimento do Supremo Tribunal Federal (STF),que derrubou a prisão antecipada da pena, após a condenação em segunda instância.

“Eu não quero ficar falando mal de presidente, falando mal de ministro. Eu quero falar bem do povo brasileiro e falar das coisas que são possíveis da gente construir nesse país”, diz o ex-presidente.

Na gravação, Lula aparece ao lado da namorada, Rosangela da Silva, conhecida como Janja. O petista cita o seu governo e o de sua sucessora, Dilma Rousseff , para fazer do que seria necessário para um país melhor: “Eu já provei quando presidente, como a Dilma já provou, que é possível a gente construir um país melhor. Um país sem ódio, um país com mais comida na mesa, com mais emprego, com mais salário, com mais escola técnica, com mais universidade, com melhor qualidade de ensino.”

Apesar do tom apaziguador, o ex-presidente alfinetou o governo Bolsonaro em dois momentos do vídeo:  “Depois de eleger um presidente com base em fake news, com base na mentira, os dados do IBGE mostram que o povo está mais desempregado, está ganhando menos, está vivendo pior. É muito triste”, diz Lula, no início da gravação

“Um governante sério não fica governando com base em fake news, com base na mentira. Um governante sério fala com o povo, fala em emprego, fala em desenvolvimento, fala em distribuição de renda. Coisa que a gente não ouve falar.”

Na gravação, agradece ainda a vigília que o acompanhou do lado de fora da Superintendência da Polícia Federal , em Curitiba. Ele diz que, durante o tempo que esteve preso, utilizou uma luz para agradecer aos gritos de apoio que ouvia de sua cela.


Fonte: IG Política

Leia mais:  Na TV, Alckmin usa pesquisas antigas contra Bolsonaro e o PT

Comentários do Facebook
publicidade

Política

Comissão rejeita medida de Bolsonaro que permitia balanços só na internet

Publicado

em

source
Bolsonaro sério arrow-options
Isac Nóbrega/PR – 24.10.19

Medida assinada por Bolsonaro vence em dezembro

Uma comissão de deputados e senadores rejeitou nesta terça-feira (12) uma medida provisória assinada pelo presidente Jair Bolsonaro que permitia que balanços de empresas fossem publicados só na internet. A medida foi assinada em agosto e para de valer no dia 3 de dezembro. Até lá ela precisa passar pelo Senado e pela Câmara para se tornar definitiva.

A medida foi derrubada por 13 votos a cinco. A relatora da MP, senadora Soraya Thronicke (PSL-MS), havia apresentado um parecer favorável à medida.

Leia também: Bolsonaro manda cancelar assinaturas da Folha no Planalto: “Envenena o governo”

Na sequência, entretanto, os parlamentares aprovaram um relatório alternativo da senadora Rose de Freitas (Pode-ES), que considera a MP inconstitucional, sem relevância e urgência, além de violar o princípio da proporcionalidade em matéria econômica, previsto no artigo 170 da Constituição Federal . “O princípio considera inconstitucional a norma que faça intervenção na economia ignorando meios mais brandos para se alcançar os objetivos visados”, escreveu a senadora no relatório. 

A senadora Soraya Thronicke acusou os demais parlamentares de estarem “protegendo” os jornais, que “têm outras formas de ganhar dinheiro”. O parecer segue agora para o plenário da Câmara.

Comentários do Facebook
Leia mais:  Cena de horror! Caminhão é encontrado com 39 pessoas mortas no Reino Unido
Continue lendo
Economia29 minutos atrás

Tudo sobre o DPVAT:  o que é, quem utiliza e porque Bolsonaro vai acabar com ele

arrow-options Edson Lopes Jr/A2AD Todos os proprietários de veículos do Brasil pagam o seguro DPVAT, extinto pelo presidente por Medida...

Economia29 minutos atrás

Desconto no seguro-desemprego pode chegar a 8,14% com novo programa do governo

arrow-options Divulgação Programa Verde Amarelo visa aumentar a abertura de vagas para jovens de 18 a 29 anos O governo...

Economia29 minutos atrás

Senado aprova saque do FGTS de R$ 998 e texto segue para sanção de Bolsonaro

arrow-options Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil Texto que amplia saque precisa ser sancionado pelo presidente Jair Bolsonaro O Senado aprovou, em...

Internacional3 horas atrás

Jeanine Áñez se autoproclama presidenta da Bolívia em sessão sem quórum

arrow-options Reprodução/Twitter Senadora Jeanine Añez assumiu a presidência da Bolívia em sessão legislativa sem quórum nesta terça-feira (12). A senadora...

Internacional3 horas atrás

‘Golpe foi articulado por extrema direita racista’, diz chanceler da Bolívia

arrow-options Reprodução José Kinn Franco falou sobre a situação da Bolívia na Câmara dos Deputados O embaixador da Bolívia, José...

Estadual5 horas atrás

Inscrições abertas para vaga de estagiário conciliador no 3º Juizado Especial Cível de Serra

Estudantes de graduação em Direito podem enviar o currículo até o dia 22 de novembro. O 3º Juizado Especial Cível...

Estadual5 horas atrás

Negada indenização a gestante que havia optado por cesariana mas teve parto normal

Em análise do ocorrido, o magistrado verificou que não foi anexado aos autos qualquer laudo que indicasse a recomendação para...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana