conecte-se conosco



Saúde

Mulher alérgica quase morre depois de fazer sexo com marido

Publicado

em

De tão raro, o caso foi publicado no The American Journal of Medicine. O nome da paciente não foi divulgado

Uma norte-americana de 46 anos sofreu uma severa crise alérgica depois de fazer sexo sem proteção com o marido. Cerca de uma hora depois do ato, ela começou a ficar tonta e a suar exageradamente. Também apareceram plaquetas vermelhas pelo corpo.

Como os sintomas não passavam – ao contrário, estavam se agravando com coceira incessante e diarreia – ela foi levada à emergência médica do Hospital Sinai, de Baltimore, nos Estados Unidos.

Lá, os médicos suspeitaram de uma sepse – espécie de pane no organismo provocada pelo próprio corpo ao tentar combater um vírus ou bactéria. Exames, posteriores, no entanto, não encontraram agentes infecciosos no corpo dela.

A charada foi decifrada quando os médicos entrevistaram o marido da paciente. Ele revelou estar tomando um remédio a base de penicilina para tratar uma infecção cardíaca. Como a mulher é alérgica à penicilina, os médicos passaram a considerar que ela teve um choque anafilático ao entrar em contato com a substância presente no sêmen do marido.

De tão raro, o caso foi publicado no The American Journal of Medicine. O nome da paciente não foi divulgado.

No artigo, os médicos alertam que a penincilina, assim como outros antibióticos, pode se concentrar no sêmen e, durante o contato sexual, ser absorvida pela vagina. Para prevenir situações assim, eles sugerem que os colegas façam prescrições detalhadas relatando também essa possibilidade de reação adversa.

(*Com informações do Daily Mail)

Comentários do Facebook

Saúde

Brasil tem apenas um caso suspeito do coronavírus

Publicado

em

O Brasil tem, atualmente, apenas um caso suspeito do novo coronavírus (Covid-19). Trata-se de uma criança de 2 anos de idade, em São Paulo, considerada suspeita desde ontem (19) por ter um histórico de viagem à China, mas não à Wuhan, o epicentro da contaminação. A informação foi dada por representantes do Ministério da Saúde, na tarde de hoje (20), em Brasília.

O ministério, no entanto, continua atento ao surto ocorrido na China e trabalha com a possibilidade de aumento dos casos suspeitos, principalmente a partir do final de abril, quando as doenças respiratórias começam a aparecer no país.

De acordo com o secretário de Vigilância em Saúde do ministério, Wanderson de Oliveira, existe uma série de circunstâncias que freiam o aparecimento de vários casos suspeitos, como a quarentena imposta na China, o fato do Brasil estar no verão e não termos voos diretos para aquele país. Mas um aumento não é descartado.

“Não quer dizer que não possa aumentar. Podemos ter mudanças de definição de casos no futuro se um outro país entrar como área e transmissão ocidental. É muito dinâmico e prematuro dizer que vai continuar baixo”, disse.

Segundo o ministério, os exames têm sido feitos com maior celeridade e, com isso, casos considerados suspeitos são descartados rapidamente e sequer entram no balanço diário da pasta.

Ainda não existe nenhum caso confirmado na América do Sul. Até o momento, 75.778 casos foram contabilizados no mundo, conforme dados da Universidade Johns Hopkins, dos Estados Unidos. Só a China reúne 74,5 mil casos.

Curas e idosos

O Ministério da Saúde tem acompanhado o crescente número de pessoas curadas, sobretudo na China. Atualmente, são 16.882 curados. Segundo o Wanderson de Oliveira, tratamentos específicos têm sido testados, mas as curas estão ocorrendo “de forma espontânea”.

“Essas curas estão ocorrendo, quase que a totalidade delas, de forma espontânea. É o organismo da pessoa. Mais de 80% dos casos na China são de moderados a leve. Isso não quer dizer que foi um tratamento específico que curou aquelas pessoas e sim o tratamento sintomático, o isolamento, [o uso de] respiradores, ou seja, toda uma conduta para evitar que essas pessoas evoluíssem para casos graves e óbitos”.

Outra tendência verificada é a letalidade maior em idosos. Se em crianças e adultos até cerca de 40 anos de idade o número de mortes beira o zero, a partir de 60 anos de idade essa curva aumenta rapidamente, chegando a 15% de mortes entre pessoas de 80 anos de idade. “Os casos graves e de óbito na China estão totalmente concentrados em pessoas acima de 60 anos de idade. Isso é importante para nós nos prepararmos para o caso de haver a situação do vírus no Brasil. A nossa preocupação terá que ser preferencialmente os idosos”, disse o secretário-executivo do Ministério da Saúde, João Gabbardo.

Edição: Fernando Fraga

Fonte: EBC Saúde

Comentários do Facebook
Continue lendo
Política23 minutos atrás

Ex-presidente do TRF-4 pediu interferência de ministro para manter Lula preso

arrow-options Sylvio Sirangelo/TRF-4 Juiz Thompson Flores, presidente do TRF-4 O ex-ministro de Defesa e Segurança Pública, Raul Jungmann , revelou...

Estadual23 minutos atrás

Sedu lança Chamada Pública da agricultura familiar

A Secretaria da Educação (Sedu) abriu a Chamada Pública da agricultura familiar e empreendedor familiar rural ou de suas organizações...

Estadual23 minutos atrás

Secretaria de Educação abre processo seletivo para cargo de cuidador

A Secretaria da Educação (Sedu) divulgou, no Diário Oficial desta quinta-feira (20), o edital de Processo Seletivo Simplificado nº 08/2020,...

Estadual23 minutos atrás

Professor da Rede Estadual participa de Programa da Embaixada dos EUA no Brasil

O professor de Matemática Wanderson de Paula Pinto, da Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio (EEEFM) Frederico Pretti, em...

Saúde23 minutos atrás

Brasil tem apenas um caso suspeito do coronavírus

O Brasil tem, atualmente, apenas um caso suspeito do novo coronavírus (Covid-19). Trata-se de uma criança de 2 anos de...

Entretenimento23 minutos atrás

Carnaval cancelado? Blocos desistem de desfilar em diversas capitais

O Carnaval 2020 está logo aí e, mesmo com meses de preparação, imprevistos acontecem por todo o Brasil. Exigências inesperadas,...

Estadual23 minutos atrás

Governador entrega obras de calçamento e autoriza construção de escola em Alto Rio Novo

Alto Rio Novo é mais um município a receber investimentos do Governo do Estado. Na tarde desta quinta-feira (20), o...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana