conecte-se conosco


Agricultura

Ministério discute plano estratégico para erradicação da febre aftosa

Publicado

em

Integrantes da equipe gestora nacional do Plano Estratégico do Programa Nacional de Erradicação e Prevenção da Febre Aftosa (PNEFA) reuniram-se nesta semana no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento para discutir o andamento do plano e os resultados alcançados nesses primeiros dois anos de execução. Ao considerar o nível de avanço das ações previstas, o grupo estabeleceu a possibilidade de antecipação do calendário para o Estado do Paraná, assim como as avaliações em curso para o Bloco I (Acre e Rondônia).

Também foi debatida a necessidade de prorrogar por um ano os prazos previstos para os blocos II (Amazonas, Amapá, Pará e Roraima) e III (Alagoas, Ceará, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí e Rio Grande do Norte), e a necessidade de redefinição do Bloco V (atualmente com Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Paraná, Rio Grande do Sul, Santa Catarina), com reagrupamento dos Estados do MT e MS ao Bloco IV (Bahia, Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Sergipe, São Paulo e Distrito Federal).

O diretor do Departamento de Saúde Animal (DSA), Geraldo Moraes, destacou a complexidade do plano estratégico, que prevê a execução de ações definidas com o objetivo de permitir um processo seguro de ampliação das zonas livres de febre aftosa sem vacinação. “Neste primeiro semestre de 2019, o DSA percorreu todos os blocos geográficos previstos no Plano Estratégico, o que permitiu um diagnóstico efetivo, nas 27 unidades da Federação, sobre o nível de avanço na execução das ações previstas”, disse.

O Plano Estratégico 2017-2026 do PNEFA visa tornar o Brasil livre de febre aftosa sem vacinação, com reconhecimento pela Organização Mundial de Saúde Animal (OIE). Atualmente, somente o estado de Santa Catarina tem o reconhecimento de zona livre de febre aftosa sem vacinação, e o restante do país está reconhecido como livre com vacinação.

Leia mais:  Mapa esclarece informações sobre reprocessamento do Leite UHT

“As mudanças propostas visam garantir segurança sanitária para a retirada da vacinação. Independente dos novos prazos, a equipe gestora acordou que a antecipação ou prorrogação do cronograma poderá ocorrer a partir da verificação dos indicadores e do andamento das ações previstas, que depende de avaliações contínuas”, explicou o diretor.

A reunião contou com a participação do secretário-adjunto da Secretaria de Defesa Agropecuária (SDA), Fernando Mendes, e dos representantes da Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carnes (Abiec), da  Associação Brasileira de Frigoríficos (Abrafrigo), da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), do Fórum Nacional dos Executores de Sanidade Agropecuária (Fonesa), do Sindicato Nacional da Indústria de Produtos para Saúde Animal (Sindan), do Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV), do Departamento de Saúde Animal (DSA) e do Departamento de Serviços Técnicos (DTEC).

Mais informações à imprensa:
Coordenação-geral de Comunicação Social
[email protected]

Fonte: MAPA
Comentários do Facebook
publicidade

Agricultura

Comitê gestor do Selo Mais Integridade se reúne nesta quinta para definir premiação

Publicado

em

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) vai promover nesta quinta-feira (17) a primeira reunião do ano do comitê gestor do Selo Mais Integridade. O comitê tem dez integrantes, sendo três de governo – Mapa, CGU e Embrapa – e sete do setor privado – CNA, Febraban, CNI, OCB, Aliance for Integrity, Ethos e B3.

Cabe aos integrantes analisar os relatórios apresentados pelas empresas e cooperativas inscritas no edital 2019/2020 da premiação do Selo Mais Integridade, destinado às empresas e cooperativas do agronegócio que promovem ações de sustentabilidade, responsabilidade social e prevenção à corrupção.

A ministra Tereza Cristina vai participar da abertura da reunião, às 9h30. No processo seletivo deste ano, 25 empresas concluíram a inscrição e apresentaram material completo das três áreas de avaliação: anticorrupção, responsabilidade social e sustentabilidade, com foco ambiental. Destas 25, 11 foram premiadas ano passado e pediram a renovação e 14 entregaram toda a documentação exigida pelo comitê gestor. Caso atinjam os critérios previstos no regulamento, todas poderão ser premiadas.

A iniciativa do Ministério em reconhecer empresas e cooperativas que adotem práticas concorrenciais éticas, de responsabilidade social e sustentabilidade se insere no âmbito do Programa de Fomento à Integridade, da Controladoria Geral da União (CGU). O Mapa foi o pioneiro entre os ministérios do setor produtivo na adoção deste tipo de incentivo.

O edital deste ano exigiu certidão de regularidade fiscal das empresas já premiadas na edição anterior e certidão negativa de multas ambientais, além de requisitos mais detalhados da área de anticorrupção. A documentação foi inicialmente analisada pela equipe técnica da Secretaria-Executiva do Comitê Gestor do Selo. Agora, será submetida aos membros do comitê em uma data especial: 17 de outubro, Dia da Agricultura. A premiação das empresas deverá ocorrer na segunda quinzena de novembro.

“Estamos dando continuidade às ações de fomento à integridade para as empresas e cooperativas do agronegócio. Isso demonstra a preocupação do Ministério com a pauta anticorrupção e ambiental”, disse Cláudio Torquato, chefe da Assessoria Especial de Controle Interno do Mapa.

A equipe técnica do Selo está trabalhando para aprimorar os requisitos do edital para o próximo ano, a fim de atrair uma maior participação das cooperativas no processo de premiação, e ainda está levantando informações sobre os impactos do uso do Selo sobre a imagem e o trabalho das empresas que já foram premiadas.

O Selo tem por objetivo reconhecer as iniciativas do mercado nacional que promovam relacionamento íntegro e ético entre si e com o setor público; e mitigar riscos de ocorrência de fraudes e corrupção nas relações entre os setores público e privado ligado ao agronegócio.

As 11 empresas premiadas ano passado com o Selo de Integridade foram: Produquímica Indústria e Comércio (SP), Adama Brasil (PR), Adecoagro Vale do Ivinhema (MT), Baldoni Produtos Naturais Comércio Indústria (SP), Rivelli Alimentos (MG), Indústria e Comércio de Alimentos Supremo (MG), Iharabras Indústrias Químicas (SP), Bunge Alimentos (SC), Rio Branco Alimentos S.A  (Pif Paf Alimentos – MG), Tropfrutas dos Brasil  (Leão Bebidas – SP), Old Friends Agropecuária (RS).

Informações à imprensa[email protected] 

Leia mais:  SUÍNOS/CEPEA: Maior exportação e menor custo podem garantir recuperação

Fonte: MAPA
Comentários do Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie
Polícia Federal5 minutos atrás

PF deflagra a segunda fase da Operação Terra Prometida em Alagoas

Maceió/AL – A Polícia Federal deflagrou nesta quinta-feira (17/10) a segunda fase ostensiva da Operação Terra Prometida, com o objetivo...

Polícia Federal5 minutos atrás

PF combate crimes contra a ordem econômica em São Paulo

São Paulo/SP – A Polícia Federal, em conjunto com o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado– GAECO...

Polícia Federal5 minutos atrás

Operação Hórus faz novas apreensões no Paraná

Guaíra/PR – Nesta quinta-feira (17/10), diversas apreensões foram realizadas por equipes integradas da OPERAÇÃO HÓRUS, realizada pela POLÍCIA FEDERAL, COBRA/BPFRON/PMPR,...

Polícia Federal5 minutos atrás

PF apreende 255 kg de cocaína em Corumbá/MS

Corumbá/MS – A Polícia Federal apreendeu na quarta (16/10) cerca 255 kg de cocaína, na BR-262,  entre as cidades de Corumbá...

Nacional5 minutos atrás

Casos de sarampo passam dos 8,6 mil em São Paulo

arrow-options Marcelo Camargo/ABr Campanha de vacinação para pessoas entre 15 e 29 anos de idade foi realizada nos municípios de...

Nacional5 minutos atrás

Bombeiros confirmam quinta morte em desabamento de prédio em Fortaleza

arrow-options WHATSAPP/REPRODUÇÃO No vídeo, é possível ouvir pedido de socorro A quinta morte decorrente do desabamento do Edifício Andréa, no...

Nacional5 minutos atrás

Ao tentar fazer baliza em teste, motorista derruba muro do Detran; veja fotos

arrow-options Divulgação/Detran-PR O murro havia sido levantado há apenas uma semana. Durante teste de baliza para tirar a Carteira Nacional...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana