conecte-se conosco


Nacional

Militares ajudam bombeiros em resgate no Rio; nove pessoas morreram em acidente

Publicado

em

Além dos mais de 100 bombeiros que trabalham ininterruptamente no resgate de moradores dos prédios que desbaram na comunidade da Muzema , na zona oeste do Rio de Janeiro, efetivos com ao menos 30 técnicos e engenheiros do Exército reforçam as buscas desde sexta-feira (12).

Leia também: Dois prédios desabam em comunidade no Rio e deixam mortos e feridos 


busca em desabamento na Muzema
Divulgação/Agência Brasil/Tânia Rêgo

Buscas em desabamento na comunidade de Muzema ganhar reforço de militares


Ao menos 15 pessoas são consideradas desaparecidas nos escombros dos dois prédios que desabaram na última sexta-feira (12). O Comando Militar do Leste informou hoje (14) que os militares trabalham principalmente na retirada de escombros, na quebra de lajes e na abertura de passagens para as equipes de busca dos bombeiros.

O risco constante de novos desabamentos limita o emprego de máquinas pesadas nessa tarefa, segundo o Exército. Mesmo assim, o trabalho conta com a ajuda de um trator multiuso, uma retroescavadeira, um caminhão com munck, um compressor de ar, tesouras elétricas, tesourão manual e martelete com rompedor.

Leia também: Sobe para oito número de vítimas após desabamento de prédios no RJ

Ontem (13), o coordenador da operação de salvamento, coronel bombeiro Luciano Sarmento, disse que pessoas soterradas pelo desabamento de prédios têm mais chance de sobreviver que no caso de soterramento por terra.

O motivo é que as estruturas podem formar ambientes abertos no interior dos escombros, permitindo que as vítimas continuem a respirar. “Há relatos de pessoas que sobreviveram até sete dias”, explicou o bombeiro.

Sete corpos foram retirados já sem vida dos escombros, e duas pessoas que chegaram a ser hospitalizadas morreram em decorrência dos ferimentos. Dos 10 resgatados que sobreviveram, quatro continuam internados.

Leia mais:  Seis filhos são estuprados pelo próprio pai durante 10 anos

Leia também: Sobrevivente volta à Muzema e relata o resgate: “Escavei com as mãos”

Construídos em uma área de encosta, os prédios vieram abaixo depois de uma semana de chuvas intensas no Rio de Janeiro. Para o dia de hoje, o centro de operações da Prefeitura do Rio de Janeiro prevê a possibilidade de mais chuva de moderada a forte na parte da tarde. O trabalho dos bombeiros e milirares continuará firme. 

Fonte: IG Mundo
Comentários do Facebook
publicidade

Nacional

Enfermeiro estupra e mata menina de 5 anos dentro de hospital

Publicado

em

A Polícia Civil do Amazonas prendeu em Atalaia do Norte, na manhã de quarta-feira (17), por volta das 9h30, o enfermeiro Jocélio Gomes Ferreira, 29, denunciado por abusar sexualmente de uma menina de cinco anos nas dependências de um hospital no local. Enfermeiro do Satanás estupra e mata menina

A ação foi realizada pela equipe de investigação da 50ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP), de Atalaia do Norte, sob o comando do gestor interino da unidade policial, David Morais, em ação conjunta com policiais militares que atuam naquele município.

De acordo com Morais, o crime aconteceu na noite da última terça-feira (16/04), por volta das 23h. O policial civil relatou que a vítima estava internada na unidade hospitalar, onde Jocélio trabalhava, para tratar uma infecção.

Conforme o gestor interino da 50ª DIP, a mãe da criança, uma mulher de 39 anos, teria se ausentado por alguns instantes da ala pediátrica, onde a filha estava internada, para fazer um curativo. Quando retornou ao local, a mãe da menina encontrou o enfermeiro com as calças abaixo do joelho, ao lado do leito da criança.

“Ao ser questionado pela mãe da menina sobre as condições que se apresentava no local, o infrator justificou que estava retornando do banheiro porque precisava aplicar um medicamento na criança. Imediatamente, a mulher saiu em busca do médico responsável pelo plantão e o levou até o leito, onde encontrou a menina sem a fralda descartável que utilizava. A criança estava com a respiração alterada, rigidez nas pernas e visível abalo emocional. Em decorrência disso, a menina teve o estado agravado decorrente do trauma psicológico causado pela violência sexual e veio a óbito por volta das 3h20 de quarta-feira (17)”, explicou Martins.

O gestor interino da 50ª DIP disse, ainda, que a menina era uma pessoa com deficiência intelectual. Logo após o falecimento, o médico, na presença da mãe e de duas técnicas de enfermagem, examinou as partes íntimas da criança, constatando trauma por introdução de objeto contuso, pênis ou dedo, no ânus da criança, que apresentava lacerações de quatro centímetros na parte inferior. Então, a diretora do hospital, o médico responsável pelo plantão e um conselheiro tutelar formalizaram a ocorrência na 50ª DIP.

”Após sermos informados sobre o caso, saímos em diligência, junto com a guarnição da Polícia Militar, em busca do infrator, localizado na casa da irmã dele, situada na rua Cunha, bairro Centro, em Atalaia do Norte, onde Jocélio foi preso em flagrante por estupro de vulnerável. Em seguida, nós o conduzimos até a delegacia, onde foram realizados os procedimentos cabíveis”, esclareceu o policial civil.

Reincidente – O gestor David Martins informou que em consulta ao Sistema Integrado de Segurança Pública (Sisp) foi verificado que Jocélio já respondia, junto à 2ª Vara da Comarca de Iranduba, processos por estupros de vulneráveis, cometidos em maio, junho e novembro de 2017.

“O enfermeiro foi autuado em flagrante por estupro de vulnerável. Agora ele irá permanecer preso na carceragem da 50ª DIP, que funciona como unidade prisional em Atalaia do Norte”, concluiu.

Comentários do Facebook
Leia mais:  Seis filhos são estuprados pelo próprio pai durante 10 anos
Continue lendo
Economia5 minutos atrás

CCJ retoma terça-feira (23) análise do parecer da reforma da Previdência

Pablo Valadares/Câmara dos Deputados Relator da reforma da Previdência, deputado Delegado Marcelo Freitas (PSL-MG) A Comissão de Constituição e Justiça...

Economia5 minutos atrás

Governo federal vai revisar patrocínios culturais da Petrobras, diz Bolsonaro

Reprodução/TV Brasil Bolsonaro desconfia da aplicação dos patrocínios da Petrobras O governo federal determinou a revisão dos contratos da Petrobras...

Mulher1 hora atrás

Como disfarçar olheiras? Maquiador de Rihanna dá 5 dicas infalíveis

Apesar de não existir uma fórmula mágica para  clarear as manchas  que surgem em baixo dos olhos, sempre há aquele...

Nacional2 horas atrás

Enfermeiro estupra e mata menina de 5 anos dentro de hospital

A Polícia Civil do Amazonas prendeu em Atalaia do Norte, na manhã de quarta-feira (17), por volta das 9h30, o...

Nacional2 horas atrás

Padastro mata enteada de 1 ano com socos na cabeça e na nuca

Um homem de 21 anos foi preso após confessar ter matado sua enteada de 1 ano e 3 meses na...

Estadual2 horas atrás

Mãe abandona filho de 8 anos em Terminal de ônibus no ES: “Cansei dele”

CARIACICA (ES) – Uma mulher de 26 anos abandonou o filho, de 8 anos, no Terminal de Itacibá, por volta...

Estadual2 horas atrás

Dona de casa ‘dá garrafada’ no marido e leva três tiros no ES

Uma dona de casa de 26 anos, foi baleada na madrugada deste sábado (20), após agredir o marido – um...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana