conecte-se conosco


Educação

MEC atende pedido de Rose e libera R$ 13 milhões para Ufes e Ifes

Publicado

em

O recurso, destinado a bolsas de pesquisa e custeio da estrutura, já pode ser usado pelas instituições

Após articulação da senadora Rose de Freitas (PODE-ES), o Ministério da Educação (MEC) liberou nesta segunda-feira (10) R$ 13 milhões para custeio de estrutura e pagamento de bolsas de pesquisa em favor da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes) e do Instituto Federal do Espírito Santo (Ifes).

A senadora marcou encontro entre os reitores dos centros de ensino e o ministro da pasta, Abraham Weintraub, na última semana, quando foi feito o acordo. A ação, que destina R$ 7 milhões para a Ufes e R$ 6 milhões para o Ifes, reverte parte do contingenciamento na área educacional anunciado pelo Governo e supre as necessidades dos meses de maio e junho de cada instituição.     

O investimento já pode ser usado imediatamente pela Universidade Federal e pelo Instituto.

Reitor da Ufes, Reinaldo Centoducatte explica que, se parte do contingenciamento não tivesse sido revertido, a universidade deixaria de ter em torno de R$ 30 milhões “para arcar com as despesas e contratos existentes, com recursos extras de funcionamento na rubrica de custeio”.

“Muito obrigado, senadora, por sua parceria em favor da Ufes e do Instituto Federal”, agradeceu Centoducatte.

No mesmo tom, o reitor do Ifes, Jadir Pela, calculava perder o investimento de R$ 25 milhões com o contingenciamento. Ele afirma que o recurso agora liberado pelo MEC “trata  de questões necessárias para o funcionamento da instituição, sem nenhuma gordura, sem nenhuma atividade que não seja estritamente necessária”.

“Importante registrar a participação da senadora em nos apoiar nessa liberação”, concluiu Jadir Pela.

Comentários do Facebook
Leia mais:  Bolsonaro anuncia Wagner Rosário como ministro da Controladoria-Geral da União
publicidade

Educação

Quanto custa para emitir a nova carteirinha estudantil digital? Tire as dúvidas

Publicado

em

source
ID estudantil carteirinha estudante
Divulgação/MEC
Nova carteirinha estudantil será inteiramente digital e gratuita.

Na semana passada, o presidente Jair Bolsonaro assinou uma MP que criou a carteirinha estudantil digital. Chamada de “ID Estudantil”, o novo documento será emitido para alunos do ensino fundamental, médio e superior.

A MP não proíbe que os movimentos estudantis continuem emitindo o documento. Ou seja, as carteirinhas que não possuem vínculo com o governo federal (estaduais, privadas e municipais) ainda serão aceitas nos estabelecimentos. E, assim como a carteirinha antiga, o novo documento será aceito em todo o território nacional.

Entretanto, apesar de tentar facilitar a vida do estudante, o anúncio do novo documento gerou algumas dúvidas. Tire algumas delas abaixo:

Quanto custa a emissão da carteirinha estudantil digital e como posso solicitá-la?

O novo documento criado pelo governo terá emissão gratuita e poderá ser baixada nas lojas Google Play e Apple Store. A carteirinha será inteiramente online, não havendo necessidade de impressão. Entretanto, caso alguma situação exija uma cópia física do documento, a impressão poderá ser feita em parceria com a Caixa Econômica Federal.

A partir de quando o documento estará disponível?

A previsão inicial é que a nova carteirinha estudantil comece a ser emitida 90 dias depois da assinatura da MP e da publicação no Diário Oficial. Entretanto, esse prazo é válido apenas para o ensino superior. Para os demais níveis da educação, o prazo para o começo da emissão pode se estender por até seis meses.

Quais dados são necessários para emitir a carteirinha?

Além dos dados pessoais, o estudante deverá fornecer dados escolares, como histórico escolar e frequência em sala de aula, para o governo. Com essas informações, o MEC espera conseguir elaborar um banco de dados que ajudará a elaborar novas políticas públicas.

Qual a diferença entre a nova carteirinha e as antigas?

Antes do anúncio, as carteirinhas de estudante que estavam em circulação eram emitidas por entidades estudantis, como a União Nacional dos Estudantes (UNE), União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (Unbes) e custavam R$35,00. O novo documento será emitido gratuitamente sem qualquer interferência das entidades.

Fonte: IG Mundo
Comentários do Facebook
Leia mais:  “Coelho da Páscoa” separa briga de casal e troca socos com agressor nos EUA
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie
Carros e Motos29 minutos atrás

Renault Duster é revelado em versão conceitual com apelo aventureiro

arrow-options Divulgação Renault Duster conceitual é uma edição comemorativa mais recheada, pintado em uma cor amarela especial O Renault Duster...

Carros e Motos29 minutos atrás

Novo Hyundai HB20 mostra que evoluiu bastante nas primeiras impressões

arrow-options Caue Lira/iG Nova geração do Hyundai HB20 pode ter visual polêmico, mas seu comportamento dinâmico mostra clara evolução Oito...

Agricultura1 hora atrás

Ministros da Agricultura do Brics se reunirão no final do mês em Bonito (MS)

Os ministros da Agricultura dos países que compõem o Brics se reunirão nos próximos dias 25 e 26 de setembro...

Mulher1 hora atrás

Com dor ao usar salto alto, mulher descobre que cometeu gafe hilária

É verdade que, dependendo do modelo e altura, usar salto alto pode acabar com os pés. No caso de Ayleigh McGhee, de...

Mulher1 hora atrás

Saiba quais os sintomas, tratamentos e impactos da depressão na gravidez

Gerar um filho pode mudar completamente a vida de uma mulher. São inúmeras alterações hormonais, novos sentimentos e situações que...

Mulher1 hora atrás

Chapinha que não sai na água é solução para manter o efeito liso

Um dos maiores problemas para quem depende da chapinha para alisar os cabelos é a questão da água. Além de...

Entretenimento1 hora atrás

Encontro inusitado: Daniela Mercury recebe astros de Hollywood em show nos EUA

Daniela Mercury contou com uma presença VIP no show que fez em Nova York na noite de terça-feira (17). Ela...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana