conecte-se conosco



Política

Matéria cria política de atenção ao câncer infantojuvenil

Publicado

em


As crianças e adolescentes com câncer no Espírito Santo podem ser beneficiadas por proposição parlamentar apresentada pelo deputado Doutor Hércules (MDB). Trata-se de matéria que institui a Política Estadual de Atenção à Oncologia Pediátrica.

Segundo o autor do Projeto de Lei (PL) 558/2020, a iniciativa visa propiciar maior tempo de vida, redução das mortes, tratamento contínuo e melhor qualidade de vida para as crianças e adolescentes vítimas de câncer.  Para isso, prevê ações de prevenção, detecção precoce, tratamento, assistência social e cuidados paliativos de pacientes entre zero e 19 anos.

Em sua justificativa, Doutor Hércules, que é presidente da Comissão de Saúde e Saneamento da Assembleia Legislativa (Ales), apresenta dados do Instituto Nacional do Câncer (Inca) revelando que a primeira causa das mortes na faixa etária de zero a 19 anos é exatamente o câncer.

O deputado informa que o câncer na idade infantil é causado por um conjunto de causas genéticas, diferentemente dos adultos, cujos fatores de risco estão associados a tabagismo, sedentarismo, consumo de bebidas alcoólicas, entre outros.

Doutor Hércules argumenta que “para ter sucesso no tratamento do câncer infantil são fundamentais medidas educativas para o diagnóstico precoce e na regulação visando ao pronto encaminhamento para início do tratamento”, explica.

Atendimento universal

Entre as diretrizes propostas para a nova política estão o tratamento universal e integral às crianças e aos adolescentes – com prioridade ao diagnóstico precoce – e o acesso à rede assistencial oferecida em casas de apoio e instituições habilitadas.

O projeto estabelece que os programas e planos de ação relacionados ao câncer infantojuvenil devem estar integrados à Política Estadual para a Prevenção e Controle do Estado no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS), com vistas a garantir “a resolutibilidade do atendimento em oncologia pediátrica”.

De acordo com o PL 558/2020, em casos em que não existam profissionais e tecnologia suficiente nas unidades de atendimento de origem do paciente, esse deverá ser encaminhado a outros centros onde haja especialização mais avançada. Outra medida proposta é o fomento para instalação de centros regionais com a finalidade de atender pacientes nessa faixa etária.

Além disso, o projeto propõe a implantação de planos municipais de atenção às crianças e adolescentes com câncer e a realização de pesquisas nas áreas de ciência e tecnologia voltadas para o combate à doença.

Tramitação

A matéria foi lida na sessão ordinária do dia 24 de novembro e encaminhada às comissões de Justiça, Cidadania, Saúde e Finanças. 
 

Comente Abaixo
Saúde4 horas atrás

Manaus afirma que está corrigindo falhas em lista de vacinação

A prefeitura de Manaus informou, em nota, que está corrigindo as falhas na lista de pessoas que devem receber as...

Nacional5 horas atrás

Líderes religiosos protocolam na Câmara pedido de impeachment de Bolsonaro

O Antagonista Bolsonaro BRASÍLIA — Líderes religiosos protocolaram nesta terça-feira na Câmara dos Deputados o 62º pedido de impeachment do...

Nacional5 horas atrás

Caixão com ‘risco biológico’ para Covid-19 é encontrado em estrada na Bahia

Reprodução Caixão com ‘risco biológico’ para Covid-19 foi encontrado em estrada na Bahia Um caixão com o corpo de Misael...

Nacional6 horas atrás

Governo impede entrada de estrangeiros no país por terra e água

Marcos porto/Prefeitura de Itajaí Para adoção da medida, o governo brasileiro considerou o surgimento de variantes do novo coronavírus no...

Estadual6 horas atrás

Plano deve custear cirurgia para implante de dreno em criança que nasceu com hidrocefalia

A mãe da menina precisou fazer o tratamento com uma médica não credenciada já que o plano não tinha especialistas...

Economia6 horas atrás

Mega-Sena sorteia R$ 1,69 milhões; veja os números de hoje

O Dia Na Mega Semana de Verão, a Caixa Econômica Federal dá uma chance a mais para o apostador com...

Estadual6 horas atrás

Marceneiro deve indenizar cliente em R$ 7 mil por não concluir serviço parcialmente pago

Segundo a sentença, ficou comprovado, por meio de fotos, que alguns móveis foram instalados sem estarem finalizados e outros nem...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana

error: O conteúdo está protegido !!