conecte-se conosco



Entretenimento

Marina Ruy Barbosa diz: “Não votei no candidato do meu pai”

Publicado

em


source

Recentemente, Paulo Ruy Barbosa, empresário e pai da atriz Marina Ruy Barbosa , disse em suas redes sociais estar arrependido de ter votado em Bolsonaro . Ao jornal Extra , a atriz se pronunciou sobre as declarações do pai. 

Marina Ruy Barbosa e Bolsonaro
Reprodução

Marina Ruy Barbosa e Bolsonaro


Leia também:
Marina Ruy Barbosa critica realização do Enem em meio à pandemia
Marina Ruy Barbosa é o novo alvo na guerra Anitta x Leo Dias
Maetê Proença critica Bolsonaro e Ricardo Salles: “Só há plano para destruir”

“Meu pai não é uma figura pública. E me estranha esse interesse por ele. Eu sou a pessoa pública. Eu não votei no candidato do meu pai, não concordei com a escolha dele, não concordo nem compactuo em nada com a atual política. Mas o voto é um direito garantido e ele votou em quem quis. O cenário lá atrás já não era promissor, mas, esperançosa, como brasileira que não gostaria de ver seu país em mau estado, tentei acreditar (percebo que fui ingênua) em uma mínima possibilidade de as coisas não irem para esse caminho lamentável que foram. Mas tudo o que pensávamos só se confirmou. Só aprende quem erra. E meu pai está revendo as posições dele. E eu acho bom, porque mostra que, como eleitor, ele está atento. E mais do que isso, que está disposto a evoluir e mudar de pensamento.”, disse Marina.

Em uma postagem no Instagram, Paulo disse que defende a democracia e se posicionou contra a ditadura. “Sem dúvida alguma foi o PT que elegeu o Bozo, depois de 14 anos saqueando o Brasil. Se eu pudesse escolher, votaria no Amoedo, mas ele ficou no primeiro turno. Votei no Bozo torcendo para que ele fizesse um bom governo. Infelizmente, está sendo um desastre. Estamos numa democracia, e vamos buscar os meios legais para o bem do país”, respondeu ele um seguidor.

Ver essa foto no Instagram

PELA DEMOCRACIA NO BRASIL ?? ???? #somos70porcento Ditadura nunca mais!!!

Uma publicação compartilhada por Paulo Ruy Barbosa (@pauloruybarbosa) em 31 de Mai, 2020 às 8:47 PDT


Fonte: IG GENTE

Comentários do Facebook

Entretenimento

Jornalista da CNN dá show de homofobia ao falar sobre doação de sangue

Publicado

em


source

Leandro Narloch virou assunto por conta de um comentário dele durante a exibição do programa “Live CNN” desta quarta-feira (8). O comentarista afirmou ao vivo que a decisão do Supremo Tribunal Federal que libera homossexuais para doarem sangue é uma “mudança pequena” na sociedade e que “gays têm uma chance muito maior de ter Aids”. 


“A mudança na verdade é pequena, ela vai restringir mais a conduta, e não o tipo de pessoa, a opção sexual (sic) do indivíduo. Toda essa polêmica começou porque, não há dúvida disso, os gays, os homens gays, eles têm uma chance muito maior de ter Aids, né? Em 2018, uma pesquisa mostrou que 25% dos gays de São Paulo eram portadores de HIV”, começou Narloch, sem citar a fonte da pesquisa em questão.

“Mesmo que esse número seja exagerado, e de fato ele parece mesmo exagerado, o fato é que é dezenas de vezes maior, maior a chance do que na população geral. A questão é que outros critérios para exclusão já restringem os gays que têm comportamento promíscuo, né?”, continuou Leandro, piorando mais ainda a situação.

Os apresentadores do programa, Marcela Rahal e Phelipe Siani, ficaram sem reação diante das frases ditas pelo comentarista. “Bom, é… A gente acabou de falar sobre essa mudança de protocolo. 2020 e só agora a gente teve retirado de fato esse impedimento de homossexuais fazendo doação de sangue”, falou Siani. “Gente!”, limitou-se a falar Marcela, mudando repentinamente de assunto.

Na internet, a fala do jornalista da CNN Brasil foi bastante criticada. “Rapaz, nunca ouvi tanta merda na minha vida. E olha que acompanho Bolsonaro desde 2013, mas essa supera todas as merdas que o presidente já disse”, disse um usuário do Twitter.


Fonte: IG GENTE

Comentários do Facebook
Continue lendo
Esportes3 minutos atrás

Chapecoense derrota Avaí no retorno do Catarinense

. Após um longo hiato de 115 dias a bola voltou a rolar nesta quarta (8) em Santa Catarina pelas...

Entretenimento33 minutos atrás

Jornalista da CNN dá show de homofobia ao falar sobre doação de sangue

Leandro Narloch virou assunto por conta de um comentário dele durante a exibição do programa “Live CNN” desta quarta-feira (8). O comentarista afirmou ao vivo que...

Estadual1 hora atrás

1º Encontro Remoto de Facilitadores de Justiça Restaurativa e Círculos de Paz

. O objetivo do encontro foi permitir uma troca de experiências das ações que vêm sendo realizadas nesse período de...

Política1 hora atrás

Flávio Bolsonaro declara apoio a quem teve perfil derrubado pelo Facebook

Divulgação Senador se ofereceu para divulgar na criação de novos perfis O senador Flávio Bolsonaro usou o Twitter, na noite...

Nacional1 hora atrás

Jovem fica em coma após ser picado por cobra naja de estimação

WIKICOMMONs/REPRODUÇÃO O réptil foi localizado na noite desta quarta-feira (08) O estudante de veterinária Pedro Henrique Santos Krambeck Lehmkul, 22...

Economia2 horas atrás

Mega-Sena valendo R$ 33 milhões: veja os números sorteados nesta quarta-feira

Agência Brasil Prêmio desta semana é de R$ 33 milhões O concurso 2277 da Mega-Sena desta quarta-feira (8), tem um...

Economia2 horas atrás

Mulher chefe de família terá prioridade em auxílio-emergencial

Leonardo Sá/Agência Senado Projeto de Lei que garante prioridade a mães chefe de família vai a sanção presidencial Nesta quarta-feira...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana

error: O conteúdo está protegido !!