conecte-se conosco



Política

Maia diz que Bolsonaro não tem coragem de demitir Mandetta

Publicado

em

source
Maia Mandetta Bolsonaro arrow-options
Agência Brasil

Presidente da Câmara dos Deputados Rodrigo Maia

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM), afirmou nesta sexta-feira (3), que, apesar das críticas que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) dispara ao ministro da Saúde , Luiz Henrique Mandetta (DEM), “ele não tem coragem de tirar o ministro e mudar oficialmente a política. Ele fica numa posição dúbia”.

Leia também: Coronavírus no Brasil: acompanhe a situação no País em tempo real

“É fundamental que, no meio do processo [de combate da Covid-19], a gente não tenha uma perda de um nome como o do Mandetta”, afirmou o presidente da Câmara, em videoconferência do jornal Valor Econômico em parceria ao banco Itaú. Maia destacou que a maioria da Câmara está a favor de Mandetta: “temos toda confiança e todo respaldo que o ministro precisar”. 

“Esse conflito que ele constrói agora com o ministro não faz sentido”, critica Maia. Tirar Mandetta, segundo ele, seria uma forma de Bolsonaro mostrar que não acredita no ministro, que foi escolhido pelo presidente. “O presidente fez escolhas pessoais para os ministérios, Mandetta foi escolha dele, apesar de Mandetta ser filiado ao meu partido, foi escolhido por suas qualidades técnicas”.

O presidente da Câmara sugeriu que Bolsonaro poderia estar ouvindo “quem quer o cargo do Mandetta de forma oportunista”. Dessa forma, a saída de Mandetta configuraria, ao olhar de Maia, uma decisão política, o que sempre “tem consequência”. 

Leia também: De gripezinha a “não é tudo isso”: vezes em que Bolsonaro minimizou coronavírus

Maia analisa que os ministros “têm conseguido, apesar das dificuldades, cumprir um papel fundamental” e Mandetta “não sai do trilho por pressão”. Já Bolsonaro, para ele, “mais atrapalha do que ajuda”.

Comentários do Facebook

Política

Atraso em boletins dos dados da Covid-19 foi ordem de Bolsonaro, afirma jornal

Publicado

em


source
Bolsonaro
Marcos Corrêa/PR

Ordem para atrasar divulgação partiu do presidente

Desde a última quarta-feira (3), quem acompanha as divulgações do Ministério da Saúde sobre os dados da Covid-19 no Brasil notou uma mudança no horário em que as informações eram apresentadas. No primeiro dia, problemas técnicos foram alegados para o atraso. Porém, não houve qualquer explicação na quinta-feira e o horário das 22h se manteve. Nesta sexta, um porta-voz do governo explicou que tudo não passa de uma estratégia do presidente Jair Bolsonaro.

Segundo informações do jornal Correio Braziliense, uma fonte do alto escalão do governo revelou que o “atraso” aconteceu por ordem de Bolsonaro e o novo horário deve ser permanente. Tudo para dificultar o trabalho dos telejornais noturnos, grupo do qual o Jornal Nacional, da Rede Globo, faz parte.

Ainda de acordo com a publicação, a intenção de atrasar a divulgação dos boletins epidemiológicos sobre o novo coronavírus (Sars-Cov-2) existem desde os tempos de Luiz Henrique Mandetta no comando da pasta da Saúde, mas o ministro sempre se recusou a aceitar tal decisão, alegando que ela poderia gerar impacto negativo no combate ao vírus.

Nesta quinta-feira, a pasta confirmou um recorde de 1.472 novas mortes, o que elevou o total no Brasil a 34.021, fazendo o país ultrapassar a Itália em número de óbitos por Covid-19 .

Comentários do Facebook
Continue lendo
Esportes3 minutos atrás

Elite mundial do Tiro com Arco Recurvo disputa torneio virtual

. A Federação Internacional de Tiro com Arco decidiu inovar. E para movimentar os atletas, mesmo durante a pandemia da...

Policial23 minutos atrás

2º Batalhão divulga balanço das operações de fiscalização realizadas durante  a pandemia do Covid-19 em municípios de São Gabriel da Palha e Vila Valério 

.   A Polícia Militar, por meio da 3ª Cia/2º BPM, organização militar responsável pelo policiamento nas cidades de São...

Entretenimento33 minutos atrás

Tiago Abravanel posa com o marido durante isolamento: “Eu nunca escondi”

O cantor Tiago Abravanel está junto com o marido  Fernando Poli  há cinco anos, mas faz pouco tempo que ele passou...

Policial38 minutos atrás

9º Batalhão mantém resultados positivos no mês de maio  

. O 9º Batalhão divulga nesta sexta-feira (05), os resultados operacionais alcançados no mês de maio em toda área da...

Política43 minutos atrás

Atraso em boletins dos dados da Covid-19 foi ordem de Bolsonaro, afirma jornal

Marcos Corrêa/PR Ordem para atrasar divulgação partiu do presidente Desde a última quarta-feira (3), quem acompanha as divulgações do Ministério...

Política43 minutos atrás

Lei publicada fortalece agricultura familiar

. Começa a valer a partir desta sexta-feira (5) a Lei 11.137, que cria o Programa Estadual de Alimentação Social...

Policial48 minutos atrás

Homem é detido após cometer assalto em Jardim Camburi

. Na madrugada desta sexta-feira (05), militares da 12ª Cia Ind prendem homem por assalto em Jardim Camburi, Vitória. Durante patrulhamento, a...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana

error: O conteúdo está protegido !!