conecte-se conosco


Direto de Brasília

Lama de Brumadinho avança e assusta comunidades às margens do Rio Paraopeba

Publicado

em


Rio Paraopeba recebeu a maior parte da lama e dos rejeitos após o rompimento da barragem da Vale
Lucas Hallel Ascom/Funai
Rio Paraopeba recebeu a maior parte da lama e dos rejeitos após o rompimento da barragem da Vale

O rompimento de uma barragem da empresa Vale na cidade de Brumadinho, Região Metropolitana de Belo Horizonte, que vitimou centenas de pessoas, segue reverbarando no estado de Minas Gerais. Comunidades ás margens do Rio Paraopeba, que foi tomado pela lama e pelos rejeitos de minério na região do acidente, temem o avanço da sujeira.

Leia também: Minas e Energia abre processo para investigar tragédia de Brumadinho

Na comunidade de Ribeiro Manso (MG), que fica nas margens do Paraopeba
, mas a 300 km do local do rompimento da barragem, muitas pessoas abandonaram os próprias casas por meio do avanço dos rejeitos e dos perigos de contaminação. No local, as águas ainda estão limpas, mas o valor dos imóveis já caiu cerca de 50%.

Um grupo de pesquisadores da Universidade Federal de Juiz de Fora encontrou águas lodosas na região de Pará de Minas (MG), a 110 km da barragem da Vale
.

A empresa, por sua vez, tenta minimizar as consequências da tragédia. Nesta segunda-feira (11), a mineradora abriu registro para doação de R$ 50 mil e R$ 15 mil para os moradores da Zona de Autossalvamento (ZAS) do Plano de Emergência de Barragens e de Mineração (PAEBM). O repasse, no entanto, só contempla a região de extensão de até 10 km do local do rompimento.

Na última atualização, o número de mortes na tragédia de Brumadinho subiu para 165. Já foram identificadas 156 vítimas. Continuam desaparecidas160 pessoas. 138 estão desabrigados.

Entenda a tragédia que levou a lama para o rio Paraopeba


Lama e rejeitos da barragem que se rompeu em Brumadinho invadiram o rio Paraopeba
Isac Nóbrega/PR
Lama e rejeitos da barragem que se rompeu em Brumadinho invadiram o rio Paraopeba

No início da tarde de 25 de janeiro, a barragem 1 da Mina do Corrégo do Feijão , que pertence à Vale e está localizada em Brumadinho
, cidade da Região Metropolitana de Belo Horizonte, se rompeu. O município foi invadido pela lama e pelos rejeitos de minério, deixando centenas de mortos e feridos.

Leia mais:  Trump ameaça fechar fronteira com o México para conter imigrantes hondurenhos

Muitas das vítimas são funcionários ou terceirizados da própria  Vale  , que tinha um complexo administrativo no local. O refeitório da empresa ficava muito perto da barragem rompida e foi totalmente soterrado.

Integrantes do Governo Federal já admitiram que não será possível resgatar os corpos de todas as vítimas da tragédia. “Este é um episódio de muita gravidade. Algumas pessoas, triste e lamentavelmente, não serão recuperadas”, disse o ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, após reunião do comitê de crise montado para acompanhar a situação.

Leia também: Inhotim reabre neste sábado e promete ajudar na recuperação de Brumadinho

Após a tragédia de   Brumadinho, dois engenheiros que atestaram a segurança da barragem, além de três funcionários da Vale, foram presos. Os cinco já foram soltos. O governo afirmou que “tomará medidas” para impedir tragédias parecidas e falou em aumentar a fiscalização. Ainda em recuperação no Hospital Albert Einstein, em São Paulo, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) viajou à cidade mineira antes de ser internado e sobrevoou o Rio Paraopeba
.

Fonte: IG Política
Comentários do Facebook
publicidade

Direto de Brasília

Tribunal autoriza que Gleisi Hoffmann atue como advogada de Lula

Publicado

em

source
Gleisi Hoffmann enxuga Lula arrow-options
Edilson Santos/Agência O Globo
Gleisi Hoffmann está autorizada a atuar como advogada de Lula


O desembargador federal João Pedro Gebran Neto, do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), deferiu na última segunda-feira (12) liminar em mandado de segurança autorizando a deputada federal Gleisi Hoffmann a atuar como advogada do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Leia também: Nova delação de Palocci implica Lula, Dilma, Gleisi, Lindbergh e outros petistas

A parlamentar recorreu ao Tribunal após ter o pedido de acesso pessoal a Lula na qualidade de advogada negado pela 12ª Vara Federal de Curitiba. Segundo Gleisi , ela teria sido instituída advogada por Lula para ajuizar ação indenizatória em face das ofensas proferidas contra ele nas redes sociais na ocasião do falecimento de seu neto.

Gebran frisou que é uma garantia fundamental ao preso a assistência por advogados, não sendo razoável limitar-se tal direito. “A incompatibilidade (proibição total) limita-se aos parlamentares que integrem a mesa diretora do Poder Executivo, o que não é o caso”, analisou o magistrado.

O desembargador, entretanto, salientou que  Gleisi Hoffmann deverá cumprir o regramento de visitação estipulado pela Superintendência da Polícia Federal de Curitiba.

Fonte: IG Política
Comentários do Facebook
Leia mais:  Falsa ameaça de bomba faz PM isolar área de colégio eleitoral no DF
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie
Nacional55 minutos atrás

Pastor dopado, roubo de dinheiro e Flordelis mentora: filho faz novas revelações

arrow-options Reprodução/Facebook Deputada resolveu exonerar a mulher de um dos filhos adotivos, o também deputado Misael Em depoimento a policiais...

Nacional55 minutos atrás

Policial do Bope tem mal súbito durante exercício de Crossfit e morre

arrow-options Reprodução Leonardo Garces, de 28 anos, passou mal durante realização de exercício de Crossfit O policial militar Leonardo Garces...

Nacional55 minutos atrás

Sequestrador de ônibus contou a parentes que ouvia ‘vozes dentro da cabeça’

arrow-options Reprodução Willian dizia estar em depressão e “sofrendo muito”, além de ter passado a beber demais No início deste...

Entretenimento55 minutos atrás

Em “Órfãos da Terra”, Dalila é atingida por tiro

A vida de Robson (Alex Morenno) em “Órfãos da Terra” virou de cabeça pra baixo depois que o rapaz começou...

Entretenimento55 minutos atrás

Régis se revolta contra Jô após ser baleado em “A Dona do Pedaço”

A casa caiu para Régis (Reynaldo Gianechinni) e Jô (Agatha Moreira) em “A Dona do Pedaço”. Depois de terem sido...

Entretenimento56 minutos atrás

Caso de Paloma e Marcos renderá polêmicas em “Bom Sucesso”

Nesta quarta-feira (21) vai ao ar mais um capítulo de “Bom Sucesso”, novela da  Globo  escrita por  Rosane Svartman e Paulo Halm. ...

Nacional3 horas atrás

Quarta-feira começa com garoa, mas sol aparece durante a tarde, em São Paulo

arrow-options Roberto Casimiro/Fotoarena/Agência O Globo – 4.8.19 Céu nublado em São Paulo As temperaturas continuam baixas em São Paulo , nesta...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana