conecte-se conosco



Mulher

Jovem que chegou a pesar 138 kg consegue emagrecer 46 kg com medidas simples

Publicado

em

A auxiliar de cabeleireiro Michele Bueno, de 25 anos, é ansiosa desde criança e, por conta disso, descontava todos os seus sentimentos na comida. Há dez anos, ela passou a engordar mais por consumir lanches, pizzas e doces descontroladamente. “Comia tudo que via pela frente”, diz em entrevista ao Delas
. Ela também fala o que a fez emagrecer.

Leia também: Jovem conta como WhatsApp a ajudou a emagrecer 30 kg: “Encontrei amor”


Michele Bueno
Reprodução/Instagram/michelebueno01

A auxiliar de cabeleireiro Michele Bueno sofreu uma decepção amorosa e, em dois anos, conseguiu emagrecer 46 kg

O resultado de toda a alimentação
desequilibrada pode ser visto na balança: 138 kg, o peso máximo que atingiu. “Meus pais me levaram em vários endocrinologistas e nutricionistas desde a adolescência. Mas eu sempre acabava não conseguindo me controlar e acaba descontando tudo na comida”, ressalta.

Michele conta ainda que muitas colegas de trabalho e amigos falavam que ela havia engordado bastante, mas ela nunca acreditava no que diziam. Porém, tudo mudou. “Tive uma decepção amorosa muito grande e foi como se tivesse caído minha ficha que não estava cuidando de mim”, expõe. Chegou a hora de emagrecer
.

Em 2016, a jovem, então, resolveu se pesar e percebeu os três dígitos. “Quando me pesei, foi um choque. Não imaginava que tinha chegado nesse estágio de obesidade. Tive ajuda do meu chefe, que me deu o primeiro passo para mudar de vida. Ele pagou uma consulta com nutricionista”, aponta.

Leia também: Mulher perde 40 kg após sofrer com efeito sanfona e ter 45% de gordura corporal

Michele começou a seguir uma alimentação balanceada e também passou a fazer academia e crossfit. Em dois anos, ela eliminou 46 kg. “Nesse período, acabei caindo da escada e me lesionando, o que me fez engordar 10 kg novamente. Mas me reergui e emagreci de novo”, expõe.

Jovem está em processo para emagrecer mais


Michele Bueno
Reprodução/Instagram/michelebueno01

Michele está com 92,2 kg e ainda quer emagrecer mais; em seu perfil do Instagram, ela compartilha sua rotina

Hoje, ela está com 92,2 kg – e ainda está em processo para continuar a perder peso
. “Comecei a ter uma vida saudável e, de lá para cá, tive alguns altos e baixos. Mas, de um ano para cá, me apaixonei por isso e levo como um estilo de vida. Minha dieta consiste em proteínas, legumes, frutas e baixo consumo de carboidratos”, explica.

Nesse tempo, a auxiliar deixou de consumir frituras, pizza, lanches e doces. “Mas, uma vez ao mês, me dou a liberdade de consumir algo que eu gosto muito”, comenta.

Em seu perfil do Instagram, Michelle compartilha detalhes do seu emagrecimento. Nas legendas, ela traz diversas mensagens motivacionais, que ajudam outras pessoas que também querem perder peso.  “A cada dia mais feliz com cada kg eliminado e com cada esforço. O importante de tudo isso é que ganhei mais saúde, bem estar e autoestima”, escreve.

Leia também: Qual a melhor atividade física para você? Saiba como escolher sem errar

Em seguida, ela traz uma lição importante para quem quer emagrecer
. “Não desista do que você mais quer na vida por mais que pareça difícil. No final, tenha certeza que tudo valerá a pena”, finaliza.

Comentários do Facebook

Mulher

Jornalista diz que teve aborto enquanto apresentava telejornal

Publicado

em


source

Miriama Kamo, apresentadora de telejornal da TVNZ, da Nova Zelândia, relata ao documentário “Misconceptions”  que teve um aborto espontâneo ao vivo enquanto apresentava o jornal.

aborto
Reprodução

A jornalista Miriama Kamo sofreu um aborto expontâneo


A âncora de 46 anos conta para o documentário, que tem “aborto” como tema, que estava lendo uma notícia ao vivo quando começou a ter dores muito fortes na barriga. Ela diz que soube na hora que estava perdendo o bebê.

“Perdi minha gravidez enquanto lia a notícia. Eu lembro que as câmeras estavam todas voltadas para mim naquela noite e eu pensei ‘estou perdendo meu bebê, tem uma câmera apontada para mim, temos que chegar ao final deste boletim e depois vou lidar com isso”, diz Miriama.


Não foi a primeira vez

A jornalista também conta que tem endometriose e já tinha sofrido outros seis abortos expontâneos. Hoje, Miriama tem uma filha de nove anos, chamada Te Rerehua Kamo Dreaver e é apresentadora de dois programas da TVNZ.

Outra entrevistada no documentário, Cathy Stephenson, afirma que o governo da Nova Zelândia não dá apoio para muitos casais que sofrem com o aborto espontâneo.

“Na maior parte da Nova Zelândia, sua gravidez é controlada por uma parteira, não pelo seu médico de família, mas muitas pessoas não podem ter uma parteira até as 12 semanas, então você realmente não sabe o que fazer”, encerra Cathy.

Fonte: IG Mulher

Comentários do Facebook
Continue lendo
Nacional13 minutos atrás

Datena desiste de se candidatar à prefeitura de São Paulo

Marcos Corrêa/PR José Luiz Datena apresentou programa nesta manhã, eliminando chances de ser candidato. Menos de um mês depois de...

Agricultura13 minutos atrás

Mapa finaliza sistema para registro nacional de equipamentos agrícolas

. O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) apresentou nesta terça-feira (30), em videoconferência com o Instituto Pensar Agro,...

Esportes13 minutos atrás

Covid-19: circuito mundial de rugby sevens é encerrado precocemente

. A temporada 2019/2020 do circuito mundial de rugby sevens foi encerrada precocemente nesta terça-feira (30), pela World Rugby (WR),...

Internacional18 minutos atrás

China sanciona lei de segurança para Hong Kong

. O Parlamento da China sancionou uma lei de segurança nacional para Hong Kong nesta terça-feira (30), preparando o terreno...

Entretenimento33 minutos atrás

Reação de Saulo Poncio ao saber da gravidez de Gabi Brandt vira meme

A intenção era emocionar, mas não foi bem isso que ocorreu. Gabi Brandt postou um vídeo no YouTube na última...

Mulher43 minutos atrás

Jornalista diz que teve aborto enquanto apresentava telejornal

Miriama Kamo, apresentadora de telejornal da TVNZ, da Nova Zelândia, relata ao documentário “Misconceptions”  que teve um aborto espontâneo ao vivo...

Saúde43 minutos atrás

Fiocruz encontra novo coronavírus em 94% do esgoto em Niterói

. Um estudo da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) identificou a presença do novo coronavírus (covid-19) em 94% das amostras de...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana

error: O conteúdo está protegido !!