conecte-se conosco



Regional

Jornalista de Boa Esperança atua no Profissão Repórter da Rede Globo

Publicado

em

A esperancense Sara Pavani, 26 anos, atua como repórter há três anos no Profissão Repórter, programa jornalístico, da Rede Globo.

Formada em Jornalismo pela Universidade Vila Velha, Sara trabalha no programa em que Caco Barcellos e uma equipe de jovens jornalistas vão às ruas para mostrar os desafios da rotina dos repórteres durante a cobertura de um fato.

Sara conquistou a vaga no programa ao inscrever seu Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) em um edital do Canal Futura e Globo Universidade. “É um privilégio poder atuar na profissão que a gente se dedica e gosta, principalmente nascendo tão longe das melhores e maiores oportunidades. Estou aqui hoje graças ao apoio da minha família e, principalmente, do acesso à políticas públicas que me permitiram entrar na universidade”, diz.

Sobre as pautas que mais gostou de cobrir, a jornalista relata várias preferências. “São muitas matérias, talvez ter participado da equipe que produziu o primeiro documentário jornalístico do GloboPlay me marcou muito. Foi sobre o assassinato da vereadora Marielle Franco. Ao longo do Profissão também já cobri futebol feminino, entradas e saídas de navios no maior porto da América Latina, o Porto de Santos”, esclarece.

Sobre a pandemia do novo coronavírus e a vivência da jornalista no momento crítico, Sara enfatiza: “Certamente esse período é histórico no mundo, e também marcante para a cobertura do jornalista”, relata.

Filha de Aide Pavani e Terezinha Séleri Pavani, Sara tem dois irmãos e sempre estudou em escola pública de Boa Esperança, sendo a última, a EEEFM Antônio dos Santos Neves. “Sou nascida e criada em Boa Esperança, e com muito orgulho”, finaliza.

Comentários do Facebook

Regional

Pm realiza operação e prende cinco pessoas em São mateus e Jaguaré

Publicado

em

 

.

Logo no início desse sábado (11), policiais militares do 13º Batalhão da Polícia Militar do Espírito Santo, cumpriram diversos mandados de Prisão e de Busca e Apreensão nos municípios de São Mateus e Jaguaré. Os suspeitos eram pessoas ligadas diretamente ao tráfico de drogas e com envolvimento em homicídios.  

Para a operação de hoje, sob o comando do Tenente Coronel Mateus, Comandante do 13º Batalhão, foram empregados cerca de 40 policiais miliares, dentre componentes do Serviço de Inteligência (P2), da Força Tática, da tropa operacional do 13º BPM, além das 02 equipes da Companhia Independente de Operações com Cães (CIOC) de Vitória, e mais a equipe K9 do 2º BPM, de Nova Venécia.  

Como resultado da operação 05 pessoas foram conduzidas para a Delegacia da Polícia Civil, juntamente 01 revólver calibre 38, três munições do mesmo calibre, uma certa quantidade de substância análoga à maconha encontrada com um dos detidos. 

Comentários do Facebook
Continue lendo

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana

error: O conteúdo está protegido !!