conecte-se conosco



Estadual

Inscrições para o 11º Prêmio Conciliar é Legal do CNJ serão recebidas em setembro

Publicado

em


.

TJES já esteve entre os premiados pelos projetos Técnica de Acolhimento e Oficina de Outrospecção.  

​O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) divulgou as regras para participação no Prêmio Conciliar é Legal, que chega a sua 11ª edição neste ano. As inscrições poderão ser realizadas entre 8 a 11 de setembro, por meio de formulário que será disponibilizado no portal eletrônico do CNJ. No caso das categorias “Tribunal” e “Juiz individual”, as inscrições deverão ser realizadas por meio do Portal CNJ de Boas Práticas do Poder Judiciário.

O Prêmio “Conciliar é Legal” é entregue pelo CNJ e tem como objetivo identificar, disseminar e estimular ações de modernização na Justiça, sobretudo, aquelas que contribuem para a pacificação de conflitos por meio da conciliação e da mediação. Podem concorrer: tribunais, magistrados, servidores, instrutores de mediação e conciliação, instituições de ensino, professores, estudantes, advogados, usuários da Justiça, empresas ou qualquer ente privado, mediante a apresentação de práticas autocompositivas executadas individualmente ou em grupo.

Este ano, o Tribunal de Justiça do Espírito Santo (TJES) recebeu Menção honrosa, por meio das servidoras Jussiara dos Santos Martins de Souza, Lavínia Vieira de Andrade Waichert Lyrio e Paula Morgado Horta Monjardim Cavalcanti, pela oficina “Outrospecção para Mediadores Judiciais”, que visa promover uma reflexão sobre a empatia e o autocuidado necessários ao bom desempenho das funções dos mediadores judiciais.

Já em 2019, o TJES também esteve entre os premiados pelo projeto “Técnica de Acolhimento”, selecionado na categoria Instrutores de Mediação e Conciliação. O projeto consiste no atendimento, realizado a uma das partes, quando a outra não comparece à sessão. O próprio mediador explica como funciona a mediação e informa à parte presente que ela pode solicitar ao juiz uma sessão de mediação em qualquer fase do processo. Dessa forma, a parte toma conhecimento que pode contribuir para encontrar uma solução efetiva para o conflito que está vivenciando.

Regulamento da 11ª Edição

​Uma das novidades deste ano é que práticas apresentadas por magistrados e tribunais deverão previamente figurar no Portal CNJ de Boas Práticas do Poder Judiciário para concorrer à premiação. O Portal funciona como um repositório de práticas de sucesso adotadas pelos tribunais brasileiros, para que sejam conhecidas e replicadas em todo o País. O processo de análise de resultados inclui a aprovação em plenário do CNJ para a inclusão no Portal. As práticas já apresentadas no período de 1° de janeiro até 22 de julho de 2020 passam a concorrer ao prêmio automaticamente.

​Outra mudança no regulamento diz respeito ao número de categorias. Neste ano, são apenas sete categorias: tribunal; juiz individual; instrutores de mediadores e conciliadores; instituições de ensino; mediação e conciliação extrajudicial; demandas complexas ou coletivas; e empresa ou grupo empresarial. Os detalhes e regras de cada categoria constam no regulamento, que pode ser acessado no link a seguir: https://www.cnj.jus.br/agendas/xi-premio-conciliar-e-legal/

​A comissão avaliadora vai considerar dois eixos para análise das iniciativas inscritas: “Boas Práticas” e “Produtividade”. No eixo de Boas Práticas, serão avaliados a eficiência, restauração das relações sociais, criatividade, replicabilidade, alcance social, desburocratização, efetividade, satisfação do usuário, ausência ou baixo custo para implementação da prática e inovação. Já a premiação no eixo “Produtividade”, independentemente de inscrições, contemplará os Tribunais Estaduais, Federais e Trabalhistas que alcançarem o Índice de Composição de Conflitos (ICoC) mais elevado, dentro de seu segmento de Justiça, levando em conta os dados obtidos nos 12 meses que precedem a Semana Nacional da Conciliação, com observância das fórmulas e glossários constantes no regulamento do Prêmio.

Vitória, 31 de julho de 2020

 

Informações à Imprensa

Assessoria de Imprensa e Comunicação Social do TJES
Texto: Agência CNJ de Notícias/Elza Silva | [email protected]

Maira Ferreira
Assessora de Comunicação do TJES

[email protected]
www.tjes.jus.br

Fonte: TJES

Comente Abaixo
Nacional58 minutos atrás

Sol entre nuvens e chuva nesta quarta em São Paulo

Reprodução/CreativeCommons/Spraf Previsão do tempo desta quarta (20) é de sol entre nuvens e pancadas de chuva ao entardecer Sol entre...

Economia4 horas atrás

Por 500 milhões de euros, Ibéria compra Air Europa

Guilherme Dotto Por 500 milhões de euros, Ibéria compra Air Europa Na noite desta terça-feira (19), a Iberia e o...

Entretenimento6 horas atrás

Mariana Rios posa de biquíni e coloca o corpão para jogo: “perfeição”

Nas últimas semanas, a atriz Mariana Rios ferveu o clima das redes sociais, ao divulgar uma foto quentíssima. Na ocasião, a gata...

Nacional6 horas atrás

Sete pessoas da mesma família morrem por falta de oxigênio

Elas tinham sintomas de Covid-19 e estavam internadas em um hospital do estado do Pará, que ficou sem tanques de...

Esportes6 horas atrás

Pesquisa aponta Flamengo e Corinthians como as torcidas mais ‘reclamonas’

Torcedores das maiores torcidas do país são os mais exigentes Rio – No Brasil, o futebol é paixão e movimenta...

Estadual6 horas atrás

Vacina Covid-19 | Veja quantas doses cada município do ES recebeu

Com as vacinas recebidas pelo Espírito Santo nesta segunda, o governo estadual prevê a vacinação de 48 mil pessoas, entre...

Estadual7 horas atrás

Comércio poderá funcionar durante Carnaval, informa Fecomércio-ES

A Fecomércio destaca que o empregador pode estabelecer o trabalho normal do empregador ou negociar com os funcionários a dispensa...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana

error: O conteúdo está protegido !!