conecte-se conosco


Nacional

Imprensa internacional compara Eduardo Bolsonaro a Ivanka Trump

Publicado

em

Ivanka Trump e Eduardo Bolsonaro arrow-options
Shutterstock e Alan Santos
Assim como Ivanka, Eduardo assumiu papel de destaque na gestão do pai

A possível indicação do deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) paraembaixador do Brasil dos Estados Unidos repercutiu internacionalmente, com jornais traçando paralelos entre o filho do presidente brasileiro e os herdeiros de Donald Trump, em particular sua filha, Ivanka, conselheira da Casa Branca que tem grande influência na tomada de decisão em Washington.

Leia também: Capitã presa na Itália por levar migrantes receberá medalha de honra em Paris

Para o jornal britânico  The Guardian  , a nomeação de Eduardo Bolsonaro  para a chefia da missão diplomática ressalta a relevância da família presidencial nas decisões políticas e diplomáticas brasileiras. Já o Financial Times  destacou que, ao cogitar nomear seu filho para a chefia da missão brasileira em Washington, o presidente Jair Bolsonaro abre espaço para discussões sobre nepotismo, refletindo debates recorrentes nos Estados Unidos sobre o papel e a influência política da família de Trump. O  Le Monde , tradicional jornal francês, foi pelo mesmo caminho, traçando um paralelo entre Eduardo Bolsonaro e a filha mais velha do presidente americano, Ivanka.

Ivanka Trump , de 37 anos, é a mulher mais visível da administração Trump. No mês passado, foi alvo de uma enxurrada de críticas por viajar com seu pai para a cúpula do G-20, no Japão, onde se manteve repetidamente no círculo de líderes presentes, incluindo Shinzo Abe, primeiro-ministro do Japão, e Mohammed bin Salman, príncipe herdeiro da Arábia Saudita.

Há uma grande discussão nos Estados Unidos sobre quais portas foram abertas para Ivanka por causa de sua proximidade com seu pai. Outro questionamento comum é se ela deveria estar se relacionando com chefes de Estado em um evento diplomático, como a reunião do G-20.

Leia mais:  Alemanha pede prisão perpétua de enfermeiro acusado de matar cem pacientes

Leia também: Rainha Elizabeth II vai abrir mão do trono quando completar 95 anos

‘Amigo dos filhos do Trump’

Além dos paralelos entre o poder que as duas famílias presidenciais exercem sobre as decisões de Estado, a boa relação entre os Trump e Eduardo Bolsonaro também foi destacada pela imprensa internacional. Veículos como o New York Times  e o  El País destacaram que Eduardo participou da reunião fechada entre os presidentes brasileiro e americano durante a visita oficial de Bolsonaro à Washington, em março. Na ocasião, Eduardo encontrou-se com o genro do presidente americano, Jared Kushner, marido de Ivanka, e foi visto vestindo um boné da campanha à reeleição de Donald Trump.

Em uma live ao lado do ministro das Relações Exteriores Ernesto Araújo, Jair Bolsonaro listou a “amizade” entre Eduardo e os filhos do presidente americano como uma das razões para nomeá-lo ao cargo:

“O meu filho Eduardo fala inglês, fala espanhol, há muito tempo roda o mundo todo, goza da amizade dos filhos do presidente Donald Trump, o qual eu torço pra ele ser reeleito ano que vem, assim como torço para o [Maurício] Macri ser reeleito na Argentina no corrente ano. Torcida, né?”, declarou. “E existe a possibilidade e depende do garoto. Só que ele tem que, se eu não me engano, renunciar ao mandato dele, caso aceite um convite. E passe pelo Senado, obviamente, também, tá certo?”, acrescentou, lembrando que a eventual indicação teria que ser submetida ao crivo dos senadores.

Leia mais:  Trump é recebido na Inglaterra com pênis gigante desenhado em gramado

Apesar da surpresa com a possibilidade de nomeação, diplomatas brasileiros experientes avaliam que a boa relação de Eduardo Bolsonaro com a família Trump poderá contar positivamente para as relações diplomáticas entre Brasil e EUA.

Leia também: Ladrão é espancado e morto após roubar carro com três crianças dentro nos EUA

O Itamaraty, contudo, ainda não recebeu instruções para submeter o nome de Eduardo Bolsonaro ao governo americano, como é praxe. Em geral, o nome do embaixador só é divulgado depois que o governo do país em questão concede o chamado agrément.

Comentários do Facebook
publicidade

Nacional

Unicef: 32 crianças são assassinadas por dia no Brasil

Publicado

em

Em 2017, foram 11,8 mil mortes de crianças e adolescentes de 10 a 19 anos. Vítimas, em sua maioria, são meninos negros e pobres

Relatório sobre os direitos da criança apresentado pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) nesta terça-feira (12/11/2019) mostra que, por dia, 32 crianças e adolescentes de 10 a 19 anos são assassinadas no Brasil.

Em 2017, foram 11,8 mil mortes. As vítimas, em sua maioria, são meninos negros, pobres, que vivem nas periferias e em áreas metropolitanas das grandes cidades desprovidas de serviços básicos de saúde, assistência social, educação, cultura e lazer.

De acordo com o relatório do Unicef, que reúne dados de 10 capitais brasileiras, 2,6 milhões de crianças vivem em áreas diretamente afetadas pela violência armada.

Nos últimos 10 anos, o número de homicídios entre adolescentes brancos vem caindo, enquanto o de negros apresenta crescimento. Somente em 2017, os negros representavam 82,9% dos 11,8 mil casos de assassinato entre crianças e adolescentes de 10 a 19 anos no país.

“Reverter esse quadro é urgente. É preciso investir nos territórios mais vulneráveis, com políticas públicas de qualidade, voltadas a cada criança e a cada adolescente, em especial os mais excluídos. Temos que oferecer a eles um ambiente seguro em que possam desenvolver plenamente o seu potencial”, afirmou Florence Bauer, representante do Unicef no Brasil.

Saúde e educação
O relatório do Unicef ainda mostra que, atualmente, há quase 2 milhões de crianças fora da escola. Grande parte delas vem de família de baixa renda.

Além disso, há também crianças que estão na escola, mas com alto índice de reprovação. Em 2018, 3,5 milhões de estudantes de colégios estaduais e municipais foram reprovados ou abandonaram os estudos.

Na área de saúde, o documento chama atenção para a má nutrição. Por um lado, a desnutrição crônica caiu maciçamente, com exceção das crianças indígenas, que registraram uma taxa média de 30% entre os menores de 5 anos, índice que chega a quase 80% entre os Ianomâmis. De outro lado, o Unicef aponta que uma em cada três crianças brasileiras de 5 a 9 anos está com sobrepeso.


(*Metropoles)

Comentários do Facebook
Leia mais:  Trump é recebido na Inglaterra com pênis gigante desenhado em gramado
Continue lendo
Internacional47 minutos atrás

Brics avançam na cooperação em Ciência e Tecnologia

Na extensa agenda da Cúpula dos Bric que ocorre esta semana em Brasília, os temas de Ciência, Tecnologia & Inovação...

Entretenimento60 minutos atrás

Júlio passa por cirurgia em “Éramos Seis” e deixa sua família preocupada

Em “Éramos Seis”, a saúde frágil de Júlio (Antonio Calloni) deixará toda a sua família preocupada. Depois de ter tido...

Mulher60 minutos atrás

Qual o signo mais buscado na web? Veja ranking e motivos para tanta curiosidade

Qual é o seu signo? Se você é aquele tipo de pessoa que se preocupa com astrologia, costuma ler o...

Mulher60 minutos atrás

Horóscopo do dia: previsões para 13 de novembro de 2019

arrow-options Marcelo Dalla As mandalas são uma representação do mapa astral Veja também: Em que nível de evolução do seu...

Economia4 horas atrás

Tudo sobre o DPVAT:  o que é, quem utiliza e porque Bolsonaro vai acabar com ele

arrow-options Edson Lopes Jr/A2AD Todos os proprietários de veículos do Brasil pagam o seguro DPVAT, extinto pelo presidente por Medida...

Economia4 horas atrás

Desconto no seguro-desemprego pode chegar a 8,14% com novo programa do governo

arrow-options Divulgação Programa Verde Amarelo visa aumentar a abertura de vagas para jovens de 18 a 29 anos O governo...

Economia4 horas atrás

Senado aprova saque do FGTS de R$ 998 e texto segue para sanção de Bolsonaro

arrow-options Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil Texto que amplia saque precisa ser sancionado pelo presidente Jair Bolsonaro O Senado aprovou, em...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana