conecte-se conosco


São Mateus

Idosa morre atropelada na BR 101 em São Mateus

Publicado

em

Acidente que vitimou Maria Benedita Pinto, de 63 anos, aconteceu na tarde desta terça-feira (29)

Uma idosa de 63 anos morreu atropelada no início da tarde desta terça-feira (29), ao tentar atravessar a BR 101, em São Mateus, no Norte do Estado. Identificada como Maria Benedita Pinto, a vítima foi atingida por um carro, na altura do km 85 da rodovia, sentido Norte. Por causa do impacto, ela morreu ainda no local.

O acidente aconteceu às 11h54 e, de acordo com testemunhas, o veículo não aparentava estar acima da velocidade permitida. Com placas de Guarapari, o automóvel era dirigido por uma mulher, que estava acompanhada de outras pessoas. Nem a motorista e nem os passageiros sofreram qualquer ferimento.

FALTA SEGURANÇA

No local do acidente não há faixa ou passarela para que pedestres possam fazer a travessia. Por isso, moradores da comunidade local pedem, ao menos, uma lombada para que os automóveis diminuam a velocidade e o trânsito se torne mais seguro na região. A Eco 101 foi questionada sobre o pedido, mas ainda não respondeu.


(*G1)

Comentários do Facebook
Leia mais:  Carro pega fogo no centro de São Mateus
publicidade

São Mateus

Diretor da PetroCity garante construção de Porto em São Mateus

Publicado

em

Com o apoio de líderes comunitários e empresariais, o presidente do grupo PetroCity, José Roberto Barbosa, garantiu nesta tarde de terça-feira (21) a construção do Complexo Portuário de São Mateus, em Urussuquara, na região sul do litoral do município.

A declaração ocorreu em função da divulgação semana passada informando que o Instituto Estadual de Meio Ambiente (IEMA) teria se manifestado contrário à liberação de licença ambiental para liberação do início das obras. José Roberto concedeu entrevista à imprensa de São Mateus e informou que, devido ao atraso na liberação, já projeta prejuízos de milhões para o grupo PetroCity.

José Roberto Barbosa, presidente do grupo PetroCity

Na entrevista concedida em um hotel na chegada de São Mateus, José Roberto, além de garantir a construção do Complexo Portuário, revelou que existem interesses ocultos em prejudicar a efetivação do investimento em São Mateus e atribuiu ao presidente da Federação das Indústrias do Espírito Santo notícias que inviabilizariam o empreendimento, “o que não corresponde com a verdade”, disse.

Presidente da Câmara de Vereadores de São Mateus, Jorge Recla

APOIO
Acompanharam a entrevista empresários, políticos e lideranças da região de Urussuquara, Nativo e Campo Grande, que serão beneficiadas com a construção do porto, bem como o presidente da Câmara de Vereadores de São Mateus, Jorginho Cabeção, que reiterou total apoio ao empreendimento.

O vereador disse que “existem manobras políticas para tirar o porto de São Mateus, mas que isso não vai acontecer. Iremos até as últimas consequências para evitar que isso ocorra. A construção do porto vai transformar o município o maior polo empresarial do Norte Capixaba”, prevê Jorginho Cabeção.

José Roberto informou que o corpo jurídico da PetroCity está se movimentando no sentido de recorrer ao Instituto Brasileiro de meio Ambiente (Ibama) para que o órgão passe a ser o responsável pela liberação da licença para início das obras, caso o Iema continue protelando a liberação. “A cada dia que passa estaremos perdendo tempo e o projeto fica prejudicado. Além de milhões investidos, estamos também com o projeto trazendo milhares de empregos diretos e indiretos para São Mateus e região”, desabafou o diretor.

Lideranças comunitárias de Urussuquara, Nativo e Campo Grande, que participaram da entrevista coletiva com José Roberto, garantiram que toda a região será beneficiada com a construção do porto, com geração de emprego e valorização imobiliária. “Estamos aqui para garantir que o porto tem todo o nosso apoio”, revelou Adeci de Sena, um dos líderes.

Jacimar Zanelato, da Assenor (Associação Empresarial Litoral do Norte do Espírito Santo), também participou do encontro e manifestou total apoio ao empreendimento, o mesmo acontecendo com o empresário Cássio Caldeira. “O porto para nós é uma imensa necessidade”, disse.

Comentários do Facebook
Leia mais:  Famílias que vivenciam conflitos participam de oficina de parentalidade em São Mateus
Continue lendo
Política2 horas atrás

‘Acredito em príncipe encantado’, diz Damares Alves sobre busca por marido

arrow-options Divulgação/Presidência da República Ministra Damares Alves A ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos , Damares Alves...

Nacional2 horas atrás

Criminalizar Glenn Greenwald é escalar rumo ao autoritarismo, defendem advogados

arrow-options Aloisio Mauricio/Fotoarena/Agência O Globo – 27.8.19 Jornalista Glenn Greenwald foi denunciado pelo MPF A denúncia do Ministério Público Federal...

Nacional2 horas atrás

Brasil volta a registrar morte por febre hemorrágica após 20 anos

arrow-options iStock Febre hemorrágica atinge Brasil após 20 anos. A febre hemorrágica não era diagnosticada no país havia mais de...

Agricultura3 horas atrás

Novo episódio do Mapacast fala sobre Programa Nacional de Controle de Resíduos e Contaminantes em Produtos de Origem Vegetal

O coordenador-geral de Qualidade Vegetal, Hugo Caruso, fala sobre o Programa Nacional de Controle de Resíduos e Contaminantes em Produtos...

Esportes3 horas atrás

Palmeiras vence Santos na Copa Santiago

O Palmeiras derrotou o Santos nesta terça (21) por 3 a 0 em jogo válido pelo grupo B da 32ª...

Saúde3 horas atrás

Arenavírus: pessoas que tiveram contato com paciente são monitoradas

O Ministério da Saúde (MS) tranquilizou a população sobre a transmissão de febre hemorrágica no país. Em entrevista à imprensa...

Saúde3 horas atrás

Laboratórios recolhem medicamentos para úlcera no estômago

Os laboratórios Medley e Aché decidiram recolher lotes de medicamentos com cloridrato de renitidina por suspeita de uma possível contaminação...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana