conecte-se conosco


Direto de Brasília

Haddad ataca Bolsonaro durante ato contra reforma da Previdência na Av. Paulista

Publicado

em

protesto
João Cesar Diaz/iG São Paulo – 14.6.19
Centrais sindicais promovem protesto na Avenida Paulista durante greve geral

Sindicalistas e manifestantes interditam, desde às 16h da tarde desta sexta-feira (14), a Avenida Paulista, na altura do Museu de Arte de São Paulo (MASP), para protestar contra a reforma da Previdência e cortes no orçamento do Ministério da Educação.

O ato conta com a presença dos ex-presidenciáveis Fernando Haddad (PT) e Guilherme Boulos (PSOL) e faz parte da programação da greve geral que ocorre em diversas cidades do País desde as primeiras horas do dia .

Há bloqueios em todas as faixas da avenida, nos dois sentidos da via, ao longo de cerca de cinco quarteirões. Além do MASP, parte do grupo também se reúne em frente ao prédio da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) – onde seguranças foram alocados para proteger a escultura de sapo inflável exposta na entrada do prédio. O trânsito da região é desviado por agentes da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) para vias paralelas, como a Alameda Casa Branca.

Leia também: Doria confirma que metroviários que aderiram à greve podem ser demitidos


“O ato fortalece o caldo, o diálogo sobre a reforma. Mas não basta só o ato de hoje, temos que fazer mais coisa”, disse Guilherme Boulos à reportagem do iG .

Ao discursar no carro de som, o líder do Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto (MTST) não ateve sua fala apenas às críticas à principal bandeira econômica do governo Bolsonaro. Boulos também atacou o ministro da Justiça, Sergio Moro, flagrado em mensagens com o procurador da Lava Jato Deltan Dallagnol. “Sergio Moro tem que empacotar as malas e ir embora”, disse o pessolista. “Não tem condição dele permanecer como ministro da Justiça.”

Leia mais:  Entrada proibida: imigrações desafiam o mundo a recobrar noções de solidariedade

Também discursou aos manifestantes a presidente nacional do Partido dos Trabalhadores, Gleisi Hoffmann. “Com a reforma trabalhista, eles cortaram os braços dos trabalhadores. Agora, com essa reforma da Previdência eles querem decepar as mãos dos trabalhadores”, disse. 

Haddad, por sua vez, concentrou as críticas na figura do próprio presidente Bolsonaro, seu adversário no segundo turno das eleições de 2018. “Estamos na rua na esteira do que os estudantes e magistrados do Brasil fizeram em maio”, disse o petista, lembrando dos atos contra os cortes promovidos pelo Ministério da Educação. “Com que moral um presidente que se aposentou aos 33 anos quer enfiar goela abaixo do trabalhador uma reforma dessas?”, cutucou.

Mais cedo, cerca de 500 pessoas protestaram na Avenida Tiradentes, também na região central da cidade. Na Avenida 23 de Maio, vias foram interditadas por manifestantes que atearam fogo em pneus. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), ao menos 14 pessoas foram presas no Estado de São Paulo ao longo do dia por conta de ocorrências em manifestações.

Na capital paulista, o metrô funcionou parcialmente durante a manhã e algumas linhas de ônibus intermunicipais não operaram. Escolas públicas e bancos devem permanecer fechados, segundo os sindicatos das categorias. Já os ônibus que circulam exclusivamente em SP e os trens foram às ruas normalmente.

Leia também: Greve limita operação do Metrô e causa congestionamento acima da média em SP

Acompanhe os atos em tempo real:

Fonte: IG Política
Comentários do Facebook
publicidade

Direto de Brasília

Operação no Complexo do Alemão deixa quatro mortos e um PM ferido

Publicado

em

source

Agência Brasil

Complexo do Alemão arrow-options
Bruno Itan/ Coletivo Alemão
Segundo a Polícia, operação no Complexo do Alemão era para combater o tráfico de drogas

Uma operação da Polícia Militar (PM) nesta quarta-feira (18), no Complexo do Alemão , deixou pelo menos quatro suspeitos mortos e um policial gravemente ferido. As informações foram divulgadas pelas assessorias da PM e da Secretaria Estadual de Saúde.

Leia também: Polícia faz nova operação no Jacarezinho, no Rio, após tiroteio que matou 4

A operação começou no início da manhã e contou com o apoio de um helicóptero. Foram mobilizados efetivos do Comando de Operações Especiais (COE), das Unidades de Polícia Pacificadora (UPP), dos batalhões de Ações com Cães (BAC) e de Polícia de Choque (BPChq), do Grupamento Aeromóvel (GAM) e do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope).

“Houve confronto. Um agente ficou ferido e [foi] socorrido no Hospital Getúlio Vargas. Cinco homens também foram feridos e socorridos. Três criminosos com mandados de prisão em aberto por tráfico de drogas foram presos”, informou a PM , em nota.

Foram apreendidos um fuzil, quatro pistolas, 47 artefatos explosivos, 13 carregadores, munições e coletes táticos, além de 141 quilos de maconha, 177 trouxinhas de maconha, 860 pinos de cocaína, 4 quilos de cocaína e 68 pedras de crack.

Leia também: Vendedor de balas fica preso por três semanas mesmo após laudos o inocentarem

O objetivo da operação no Complexo do Alemão era reprimir o tráfico de drogas e reposicionar as cabines blindadas da Polícia Militar instaladas na região.

Fonte: IG Política
Comentários do Facebook
Leia mais:  PSB decide não apoiar formalmente nenhum candidato ao Planalto e veta Bolsonaro
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie
Economia16 minutos atrás

10 mitos e verdades sobre a segurança no investimento em criptomoedas

Fonte: IG Economia Comentários do Facebook Leia mais:  Lula nega ter pedido reforma em sítio e diz que sentença é...

Direto de Brasília17 minutos atrás

Operação no Complexo do Alemão deixa quatro mortos e um PM ferido

arrow-options Bruno Itan/ Coletivo Alemão Segundo a Polícia, operação no Complexo do Alemão era para combater o tráfico de drogas...

Direto de Brasília17 minutos atrás

Reguffe se filia ao Podemos depois de ficar três anos em mandato sem partido

arrow-options Divulgação Reguffe se filia ao Podemos após três anos sem partido O senador Reguffe (DF) aderiu nesta quarta-feira (18) ...

Direto de Brasília17 minutos atrás

“De forma nenhuma fomos traídos pelo Senado”, diz Rodrigo Maia

arrow-options MARCELO CAMARGO/AGÊNCIA BRASIL “De forma nenhuma fomos traídos pelo Senado”, diz Rodrigo Maia O presidente da Câmara, Rodrigo Maia...

Direto de Brasília17 minutos atrás

Entidades pedem para Maia evitar ‘retrocessos’ sobre projeto dos partidos

arrow-options Aloisio Mauricio/Fotoarena/Agência O Globo – 26.8.19 Rodrigo Maia garantiu na última terça-feira (17) que manteria o projeto original Entidades...

Direto de Brasília17 minutos atrás

Conselho de Ética e Decoro do Senado é instaurado com sete meses de atraso

arrow-options Marcos Oliveira/Agência Senado Davi Alcolumbre anuncia a instauração do Conselho de Ética e Decoro do Senado O presidente do...

Tecnologia1 hora atrás

Novos produtos da Huawei vazam antes de serem apresentados; confira

arrow-options shutterstock Confira os novos produtos da Huawei. A Huawei realizará amanhã (19) um evento em Berlim para apresentar vários...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana