conecte-se conosco



Saúde

Estudo identifica quatro novas linhagens do covid-19 no Brasil

Publicado

em

 

Pesquisa da Fiocruz com amostras coletadas no Amazonas mostra que ao menos oito linhagens diferentes do vírus já entraram no Estado

Quatro linhagens do novo coronavírus que ainda não tinham sido identificadas no Brasil foram descobertas em um estudo da Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz) Amazônia a partir da análise de amostras coletadas no Amazonas. Com isso, sobe para 30 o número de linhagens encontradas no país.

A investigação, realizada por pesquisadores do Instituto Leônidas & Maria Deane (ILMD) e divulgada nesta segunda-feira (16), encontrou, até agora, oito linhagens do coronavírus circulando no Amazonas, o que sugere que o vírus entrou ao menos oito vezes no Estado.

“As quatro novas linhagens identificadas são a B.1.107; B.1.111; B.1.1.2; e B.1.35 que circularam na Dinamarca, Colômbia, Reino Unido e País de Gales, respectivamente”, afirma o Instituto.

Desde o registro do primeiro caso de covid-19 no Amazonas, em março, os cientistas já sequenciaram 79 genomas do vírus que causa a covid-19 a partir de amostras colhidas em 18 municípios do estado: Manaus, Anori, Autazes, Careiro, Iranduba, Itacoatiara, Jutaí, Lábrea, Manacapuru, Manaquiri, Manicoré, Maués, Nova Olinda do Norte, Parintins, Presidente Figueiredo, Santa Isabel do Rio Negro, Santo Antônio do Içá, e Tabatinga.

De acordo com o pesquisador Felipe Nevaca, vice-diretor de Pesquisa e Inovação do ILMD e coordanador do estudo, a variabilidade de linhagens identificadas mostra que “foram diversas as entradas do vírus no estado, mesmo em um período onde, teoricamente, havia menor circulação de pessoas”.

Ele destaca a importância do sequenciamento genético do coronavírus para atualizar os protocolos de diagnóstico da infecção, o que garante resultados mais precisos e menos erros.

“Os dados do sequenciamento nos ajudam também a verificar se há a necessidade de ajustes nos protocolos de diagnóstico, por exemplo, se aqui o vírus acumulou alguma mutação que leve a um resultado falso-negativo”, explica.

“Os protocolos em uso hoje foram desenvolvidos em outros países, como China, Estados Unidos e Alemanha, levando em consideração o que se sabia da variabilidade viral naquele momento”, acrescenta.


(*R7)

Comente Abaixo
Saúde6 horas atrás

Manaus afirma que está corrigindo falhas em lista de vacinação

A prefeitura de Manaus informou, em nota, que está corrigindo as falhas na lista de pessoas que devem receber as...

Nacional7 horas atrás

Líderes religiosos protocolam na Câmara pedido de impeachment de Bolsonaro

O Antagonista Bolsonaro BRASÍLIA — Líderes religiosos protocolaram nesta terça-feira na Câmara dos Deputados o 62º pedido de impeachment do...

Nacional7 horas atrás

Caixão com ‘risco biológico’ para Covid-19 é encontrado em estrada na Bahia

Reprodução Caixão com ‘risco biológico’ para Covid-19 foi encontrado em estrada na Bahia Um caixão com o corpo de Misael...

Nacional8 horas atrás

Governo impede entrada de estrangeiros no país por terra e água

Marcos porto/Prefeitura de Itajaí Para adoção da medida, o governo brasileiro considerou o surgimento de variantes do novo coronavírus no...

Estadual8 horas atrás

Plano deve custear cirurgia para implante de dreno em criança que nasceu com hidrocefalia

A mãe da menina precisou fazer o tratamento com uma médica não credenciada já que o plano não tinha especialistas...

Economia8 horas atrás

Mega-Sena sorteia R$ 1,69 milhões; veja os números de hoje

O Dia Na Mega Semana de Verão, a Caixa Econômica Federal dá uma chance a mais para o apostador com...

Estadual8 horas atrás

Marceneiro deve indenizar cliente em R$ 7 mil por não concluir serviço parcialmente pago

Segundo a sentença, ficou comprovado, por meio de fotos, que alguns móveis foram instalados sem estarem finalizados e outros nem...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana

error: O conteúdo está protegido !!