conecte-se conosco


Direto de Brasília

Estado francês é condenado por não conter poluição do ar

Publicado

em

Planeta

chaminés saindo fumaça
Pixabay
O Estado francês não implementou medidas entre 2012 e 2016 para limitar a poluição na região de Paris

Em uma decisão inédita, o Estado francês foi condenado ontem por não fazer o suficiente para limitar a poluição do ar em torno de Paris, conforme sentença judicial proferida depois que uma mulher e sua filha com problemas respiratórios processaram a nação, informaram ontem os jornais Le Monde  e The Guardian . Farida, de 52 anos, e sua filha de 16 anos, cujos nomes completos não foram divulgados pelo tribunal, moveram a ação motivadas pelo impacto de viverem perto de um anel viário ao redor da capital francesa, em Saint-Ouen.

Leia também: Afinal, o Brasil é o maior consumidor de agrotóxicos do mundo? Entenda 

Farida havia afirmado a uma associação que luta por um ar mais limpo que teve infecções respiratórias por anos, assim como sua filha. No caso dela, os problemas começaram com infecções nasais e de garganta e foram piorando gradualmente. “Eu repetidamente tive bronquite. Os médicos me deram antibióticos, mas isso não ajudou”, disse.

“Há três anos, fui enviada a um especialista em pulmões que disse que meus problemas estavam ligados à poluição do ar. Ele me aconselhou a me mudar”, acrescentou a mulher. “Minha filha teve bronquite quando bebê, depois asma enquanto crescia.” Quando Farida e sua filha se mudaram para Orléans, os sintomas começaram a enfraquecer e acabaram desaparecendo. 

Levado ao Tribunal Administrativo de Montreuil (Seine-Saint-Denis), o caso foi o primeiro em que indivíduos – com o apoio de vários grupos de ambientalistas – processaram o Estado francês por sua falta de ação diante da poluição do ar e no qual a responsabilidade deste último foi mantida.

Leia mais:  Tribunal derruba lei e mototáxi volta a ser permitido em São Paulo

Leia também: Reino Unido anuncia que pretende eliminar emissão de carbono até 2050

Segundo o veredito publicado pelo tribunal, “o Estado cometeu uma falta ao tomar medidas insuficientes em relação à qualidade do ar ”. Entre 2012 e 2016, o Estado não teria implementado as medidas necessárias para reduzir as concentrações de determinados gases poluentes em Île-de-France, região administrativa onde se encontra a capital francesa. Esse plano é a estratégia do Estado para dar ao povo de Paris um ar melhor, acelerando as medidas tomadas para reduzir a poluição.

O tribunal rejeitou o pedido de indenização de € 160 mil (cerca de R$ 700 mil) das mulheres por danos, por não encontrar uma ligação direta entre seus problemas de saúde e as falhas do Estado. Mesmo assim, o resultado foi comemorado pelo advogado das mulheres, François Lafforgue: “A partir de agora, o Estado terá de tomar medidas efetivas no combate à poluição”, afirmou.

Leia também: Micróbios que “comem” plástico: os novos aliados na luta contra o lixo marinho

“Este é um julgamento histórico para os 67 mil franceses que morrem a cada ano prematuramente devido à poluição do ar. Hoje, vítimas de poluição, como (a causada por) agrotóxicos, não devem mais ter medo de ir ao tribunal para defender sua saúde”, comentou Nadir Saïfi, vice-presidente da associação Ecologia Sem Fronteiras (ESF). “A Justiça envia uma mensagem clara ao Estado, encorajando-o a não mais proteger os lobbies poluentes, mas os cidadãos.”

Tranquilizada pelo desfecho da ação, Farida disse: “Espero que outras pessoas no meu caso também ousem apresentar uma queixa.”

Fonte: IG Política
Comentários do Facebook
publicidade

Direto de Brasília

Operação no Complexo do Alemão deixa quatro mortos e um PM ferido

Publicado

em

source

Agência Brasil

Complexo do Alemão arrow-options
Bruno Itan/ Coletivo Alemão
Segundo a Polícia, operação no Complexo do Alemão era para combater o tráfico de drogas

Uma operação da Polícia Militar (PM) nesta quarta-feira (18), no Complexo do Alemão , deixou pelo menos quatro suspeitos mortos e um policial gravemente ferido. As informações foram divulgadas pelas assessorias da PM e da Secretaria Estadual de Saúde.

Leia também: Polícia faz nova operação no Jacarezinho, no Rio, após tiroteio que matou 4

A operação começou no início da manhã e contou com o apoio de um helicóptero. Foram mobilizados efetivos do Comando de Operações Especiais (COE), das Unidades de Polícia Pacificadora (UPP), dos batalhões de Ações com Cães (BAC) e de Polícia de Choque (BPChq), do Grupamento Aeromóvel (GAM) e do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope).

“Houve confronto. Um agente ficou ferido e [foi] socorrido no Hospital Getúlio Vargas. Cinco homens também foram feridos e socorridos. Três criminosos com mandados de prisão em aberto por tráfico de drogas foram presos”, informou a PM , em nota.

Foram apreendidos um fuzil, quatro pistolas, 47 artefatos explosivos, 13 carregadores, munições e coletes táticos, além de 141 quilos de maconha, 177 trouxinhas de maconha, 860 pinos de cocaína, 4 quilos de cocaína e 68 pedras de crack.

Leia também: Vendedor de balas fica preso por três semanas mesmo após laudos o inocentarem

O objetivo da operação no Complexo do Alemão era reprimir o tráfico de drogas e reposicionar as cabines blindadas da Polícia Militar instaladas na região.

Fonte: IG Política
Comentários do Facebook
Leia mais:  Prefeito de Niterói é preso por corrupção em desdobramento da Lava Jato no Rio
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie
Carros e Motos19 minutos atrás

Fiat aumenta preços de quase toda linha Argo

arrow-options Divulgação Fiat Argo mais em conta agora parte de R$ 49.950, preço que teve reajuste de R$ 600 em...

Economia20 minutos atrás

Puxão de orelha? Alcolumbre cobra atuação maior do governo na reforma tributária

arrow-options Marcos Corrêa/PR Davi Alcolumbre (dir.) defende que a proposta de reforma tributária seja elaborada por comissão com Senado, Câmara...

Economia1 hora atrás

10 mitos e verdades sobre a segurança no investimento em criptomoedas

Fonte: IG Economia Comentários do Facebook Leia mais:  Operação contra milícia mira secretário de defesa civil e outros 32 no...

Direto de Brasília1 hora atrás

Operação no Complexo do Alemão deixa quatro mortos e um PM ferido

arrow-options Bruno Itan/ Coletivo Alemão Segundo a Polícia, operação no Complexo do Alemão era para combater o tráfico de drogas...

Direto de Brasília1 hora atrás

Reguffe se filia ao Podemos depois de ficar três anos em mandato sem partido

arrow-options Divulgação Reguffe se filia ao Podemos após três anos sem partido O senador Reguffe (DF) aderiu nesta quarta-feira (18) ...

Direto de Brasília1 hora atrás

“De forma nenhuma fomos traídos pelo Senado”, diz Rodrigo Maia

arrow-options MARCELO CAMARGO/AGÊNCIA BRASIL “De forma nenhuma fomos traídos pelo Senado”, diz Rodrigo Maia O presidente da Câmara, Rodrigo Maia...

Direto de Brasília1 hora atrás

Entidades pedem para Maia evitar ‘retrocessos’ sobre projeto dos partidos

arrow-options Aloisio Mauricio/Fotoarena/Agência O Globo – 26.8.19 Rodrigo Maia garantiu na última terça-feira (17) que manteria o projeto original Entidades...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana