conecte-se conosco



Saúde

Estado do Rio tem queda de 50% em mortes por SRAG desde julho de 2020

Publicado

em


O Mapa de Risco da Covid-19, divulgado hoje (22) pela Secretaria de Estado de Saúde (SES), aponta redução de 50% no número de óbitos e de 47% nas internações por Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) provocados pela doença, as maiores quedas desde o início da série histórica,  em 8 de julho de 2020. De acordo com a Secretaria de Estado de Saúde (SES), o estado permanece, pela segunda semana consecutiva, com classificação de baixo risco (bandeira amarela) em todas 92 cidades fluminenses.

“Essa é a segunda vez, desde o início da edição do mapa de risco, que todas as regiões foram classificadas na bandeira amarela. É, também, a oitava semana consecutiva com a classificação geral do estado na bandeira amarela. Esses resultados nos indicam evolução progressiva no cenário epidemiológico. Estamos com os melhores indicadores desde março do ano passado e, por isso, reforçamos nosso pedido para que a população tome a segunda dose das vacinas e que os grupos indicados busquem a dose de reforço”, disse o secretário estadual de Saúde, Alexandre Chieppe.

Entre os dias 19 de setembro e 9 de outubro, período que compreende as semanas epidemiológicas 38 e 40, foram aplicadas 2.426.776 de doses das vacinas contra o coronavírus. “Com o avanço da campanha de vacinação e a diminuição de transmissão da doença, a taxa de ocupação de leitos covid segue em queda progressiva. A de UTI passou de 41%, no levantamento anterior, para 35%; e a de enfermaria, de 21% para 19%, as menores desde o início deste ano. Parte dos leitos destinados a pacientes com covid-19 está sendo revertida para tratamento de outras especialidades, respeitando as barreiras sanitárias”, informou a secretaria.

Cada bandeira representa um nível de risco e um conjunto de recomendações de isolamento social, que variam entre as cores roxa (risco muito alto), vermelha (risco alto), laranja (risco moderado), amarela (risco baixo) e verde (risco muito baixo)

Alteração na taxa

Nesta edição do mapa de risco, houve uma alteração no cálculo da taxa de positividade – que verifica os casos positivos para covid-19 nos exames RT-PCR. Até a semana passada, o cálculo utilizava resultados de exames realizados desde o início da pandemia. Por levar em consideração o percentual acumulado, foi observado que esse indicador já não refletia a realidade, pois atualmente os índices apresentam números mais baixos.

 “Por este motivo, a partir desta edição, a taxa de positividade passou a ser calculada considerando os exames realizados nas três semanas anteriores à publicação do mapa. A Subsecretaria de Vigilância e Assistência Primária à Saúde (SVAPS) esclarece que, desta forma, é possível efetuar uma avaliação ainda mais oportuna e precisa, refletindo dados mais factuais”.

Edição: Fábio Massalli

Fonte: EBC Saúde

Comente Abaixo
Política8 minutos atrás

Caso eleito, Sergio Moro afirma que brigará por Corte Nacional Anticorrupção

Reprodução Moro propõe Corte Nacional Anticorrupção no Brasil O  pré-candidato à Presidência, Sergio Moro (Podemos) declarou que uma de suas...

Entretenimento13 minutos atrás

Naiara Azevedo comenta parceria inédita com Marília Mendonça: “Foi incrível”

Reprodução/Instagram Marília Mendonça e Naiara Azevedo “A ficha ainda não caiu”. É assim que Naiara Azevedo define como tem passado...

Nacional14 minutos atrás

Homem enterrado vivo consegue escapar da cova mesmo com pescoço cortado

A história parece inacreditável, mas segundo registro policial, ocorreu em Iguatemi Aos 31 anos, um homem diz que foi enterrado...

Entretenimento38 minutos atrás

Thales Bretas joga cinzas de Paulo Gustavo em Nova York

Reprodução/Instagram Thales Bretas joga as cinzas de Paulo Gustavo em Nova York Thales Bretas viajou para Nova York, nos Estados...

Policial38 minutos atrás

PM e PC agem em conjunto e prendem todos os envolvidos em assalto ocorrido em João Neiva

Na manhã da última quinta-feira (2), um assaltante armado com uma submetralhadora de fabricação artesanal efetuou vários disparos e tomou...

Economia1 hora atrás

Auxílio Brasil pode suspender benefício devido a revisões cadastrais contínuas

Divulgação/Ministério da Cidadania Auxílio Brasil pode suspender benefício devido a revisões cadastrais contínuas As famílias que estão aptas a receber...

Entretenimento1 hora atrás

Um mês após morte de Marília Mendonça, Cemig ainda não prestou depoimento

Reprodução/ Super Canal Registro do avião após cair em cachoeira Neste domingo (5),  o acidente aéreo que causou a morte...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana

error: O conteúdo está protegido !!