Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
conecte-se conosco


Regional

ES tem 2.754.728 eleitores aptos a votar nas Eleições 2018

Publicado

em

SÃO MATEUS (ES) – O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) liberou, nesta quarta-feira (1º), as estatísticas do eleitorado apto a votar nas Eleições 2018. O Espírito Santo registra 2.754.728 eleitores, um aumento de 101.192 pessoas em comparação com o quantitativo presente em 2014. As informações são oriundas do Cadastro Eleitoral, banco de dados oficial sobre o eleitorado brasileiro, e referem-se às estatísticas auditadas até o final de julho após o fechamento do cadastro, no dia 9 de maio.

As mulheres são maioria no Espírito Santo, com 52,3% (1.439.399 eleitores), e os homens representam 47,7% dos votantes (1.314.209 pessoas). Os solteiros são a maioria do eleitorado do Estado, representando 55% (1.515.404 pessoas), frente a 37,7% de casados (1.039.076 pessoas).

Pela primeira vez, eleitores transexuais e travestis terão seu nome social impresso no título de eleitor e no caderno de votação das Eleições 2018. Nome social é aquele que designa o nome pelo qual o transexual ou travesti é socialmente reconhecido. A possibilidade da autoidentificação foi aprovada pelo Plenário do TSE no dia 1º de março deste ano. no Espírito Santo, 108 pessoas fizeram a solicitação de inclusão do nome social.

A faixa de idade com maior número de eleitores é a que compreende 35 a 39 anos, com 11,36% dos votantes (312.911 pessoas); seguida por 30 a 34 anos (11,13%/306.542 pessoas); 25 a 29 anos (10,26%/282.602 pessoas); e 40 a 44 anos (9,89%/272.398 pessoas). Os jovens de 16 e 17 anos, cujo voto é opcional, representam 0,68% do eleitorado (18.607 pessoas).

O grau de instrução do eleitor capixaba se apresenta da seguinte forma: 27,76% tem ensino fundamental incompleto; 22,59% tem ensino fundamental completo; 17,54% conta com ensino fundamental incompleto; e 8,93% afirma ter superior completo. Analfabetos e só lê e escreve representam 11,53%. Essas estatísticas, no entanto, precisam ser vistas com relatividade, uma vez que a informação reflete a escolaridade declarada pelo cidadão no momento do registro eleitoral ou da atualização de seus dados cadastrais.

Leia mais:  Lavrador é morto a tiros na frente da esposa em Jaguaré

Eleitores com biometria já são 1.249.111 (45,36%) e 1.505.317 eleitores ainda não passaram pelo recadastramento biométrico. No Espírito Santo, 38 municípios fizeram a atualização do cadastro, faltando ainda 40 cidades para fechar a totalização do Estado.
Por fim, solicitaram suporte para os dias de voto 18.383 eleitores, que informaram ter algum tipo de deficiência.

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Regional

Tragédia em Linhares: Pastores Georgeval e Juliana devem ficar frente a frente durante audiência

Publicado

em

Apesar de Georgeval e Juliana não serem ouvidos pelo juiz responsável pelo caso nesta terça-feira, os réus têm o direito de acompanhar a audiência

LINHARES (ES) – A segunda parte da audiência de instrução do caso que apura as mortes dos irmãos Kauã, de 3 anos, e Joaquim, de 6, encontrados mortos após um incêndio na residência da família em abril deste ano, será realizada nesta terça-feira (23). Georgeval Alves, pai de Joaquim e padrasto de Kauã, e Juliana Sales, mãe dos irmãos, não fazem parte da lista de testemunhas arroladas para a audiência. 

Desta vez, as oitivas serão realizadas no Fórum de Linhares, Norte do Estado. A audiência não será aberta ao público nem à imprensa, pois o processo tramita em segredo de justiça.

Apesar de Georgeval e Juliana não serem ouvidos pelo juiz responsável pelo caso nesta terça-feira, os réus têm o direito de acompanhar a audiência, caso queiram ou a defesa deles solicite. De acordo com informações apuradas pelo jornal online Folha Vitória, a expectativa é de que apenas Georgeval Alves acompanhe os depoimentos nesta terça-feira.

Entre as 15 testemunhas que estarão presentes nesta terça-feira estão familiares de Juliana Sales, bombeiro militar, membros da Igreja em que Georgeval Alves era pastor, além de um dos delegados que integrou a força-tarefa responsável pelas investigações.

O crime

Joaquim Alves Salles, de 3 anos, e Kauã Salles Butkovsky de 6 anos, morreram em um incêndio no dia 21 de abril deste ano, em Linhares. Georgeval, que é pai de Joaquim e padrasto de Kauã, foi acusado pelo Ministério Público do Espírito Santo de estuprar, agredir e queimar as crianças ainda vivas. Ele foi preso uma semana após o crime e segue detido no Centro de Detenção Provisória de Viana.

Apesar de Juliana, mãe dos irmãos, não estar na casa na noite do crime, ela também foi presa porque, segundo denúncia do Ministério Público, foi omissa e sabia dos abusos que as vítimas sofriam. Juliana foi detida em Minas Gerais e depois transferida para o presídio feminino de Cariacica.

Também serão realizadas audiências em São Mateus e em Minas Gerais, estado onde Juliana foi presa. As testemunhas serão ouvidas por ‘carta precatória’, instrumento utilizado pela Justiça quando existem indivíduos em comarcas diferentes. É um pedido que um juiz envia a outro de outra comarca.

A audiência de instrução é a sessão na qual são produzidas grande parte das provas orais do processo. São ouvidas as partes (réus e acusação) e suas respectivas testemunhas.

Na tarde desta segunda-feira (22), a reportagem entrou no salão, localizado no térreo do Fórum, onde será realizada a audiência. As testemunhas serão ouvidas no Tribunal do Júri, local onde, via de regra, é realizado júri popular. Apesar de não ser comum nesta fase do processo, o procedimento é normal pela quantidade de testemunhas arroladas.

Na entrada da sala e nas paredes, um aviso alerta: o uso de celulares durante a sessão é proibido. Gravar sons e imagens também não é permitido.

Além do juiz responsável pelo caso e do promotor de Justiça, também estará na sessão um membro da equipe de taquigrafia, para transcrição da sessão.

Primeira audiência

No dia 10 deste mês, foi realizada a primeira etapa da audiência de instrução do caso, na 1ª Vara Criminal, no Centro da capital. Na ocasião, foram ouvidos o comerciante Rainy Butkovsky, de 31 anos, pai de Kauã, e a avó, Marlúcia Butkovsky. Também foram ouvidos peritos da Polícia Civil e do Corpo de Bombeiros, responsáveis pela investigação das causas do incêndio. 

Denúncia

A Justiça do Espírito Santo recebeu, no dia 18 de junho, a denúncia feita pelo Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MPES), por meio da Promotoria de Justiça de Linhares, contra Georgeval Alves e Juliana Sales. O MPES também pediu a prisão preventiva deles, por prazo indeterminado, pelos crimes de duplo homicídio, estupros de vulneráveis e fraude processual. Georgeval responderá ainda pelo crime de tortura.

De acordo com o mandado de prisão expedido pelo juiz André Bijos Dadalto, da 1ª Vara Criminal de Linhares, ambos foram presos por homicídio qualificado. O advogado criminalista Rivelino Amaral disse que, com base no mandado, o Ministério Publico percebeu indícios de uma possível participação de Juliana Salles na morte dos filhos. Inicialmente, a Polícia Civil do Espírito Santo descartou qualquer participação de Juliana no caso.

O crime

O pai de Joaquim e padrasto de Kauã, Georgeval Alves, é suspeito de molestar, agredir e atear fogo nos meninos, que morreram carbonizados. Ele é marido de Juliana e foi preso dias depois do incêndio.

A morte dos irmãos aconteceu em Linhares, Norte do Espírito Santo, na madrugada do dia 21 de abril. Na ocasião, a mãe das crianças estava em viagem para um congresso religioso em outra cidade. Na casa, os meninos estavam sob os cuidados de Georgeval.

Após o incêndio, os corpos carbonizados dos irmãos foram encaminhados para o Departamento Médico Legal (DML), em Vitória, onde foi necessária a realização de exames de DNA para identificação.

Na segunda-feira seguinte ao incêndio, o pastor George e a esposa, Juliana Salles, mãe das crianças, estiveram no DML para o recolhimento de material para realizar os exames de DNA. Na ocasião, George relatou para a imprensa o que teria acontecido na noite do incêndio.

Juliana Sales foi presa no dia 20 de junho, na casa de um amigo da família, em Teófilo Otoni, Minas Gerais. Ela permanece em um presídio da cidade. Segundo a decisão da Justiça, Juliana sabia dos “supostos abusos sexuais” sofridos pelos filhos e ela, em parceria com o marido, Georgeval Alves, tinha planos de usar a morte das crianças como forma de ganhar notoriedade e ascensão religiosa.


(*Com informações do Folha Vitória).

Leia mais:  Vinte e duas mulheres foram homenageadas em Sessão Solene
Continue lendo
Nacional8 minutos atrás

Reta final: Haddad tem encontros ecumênicos e Bolsonaro recebe visitas em casa

iG Arte Agenda de Haddad e Bolsonaro para o dia de hoje deve ser repleta de encontros; candidato do PSL...

Entretenimento30 minutos atrás

Carta sobre fim de Fátima Bernardes e William Bonner emociona apresentadora

Rafael Magalhães , escritor e administrador da página “Precisava Escrever”, do Instagram , publicou uma carta abert parabenizando Fátima Bernardes...

Entretenimento30 minutos atrás

No ar em “Jesus”, Rodrigo Andrade afirma que papel ajudou seu “olhar espiritual”

Filho de artista circense e neto de cantor, Rodrigo Andrade, que está no ar em “Jesus”, na  Record TV ,...

Internacional30 minutos atrás

Reta final: Haddad tem encontros ecumênicos e Bolsonaro recebe visitas em casa

iG Arte Agenda de Haddad e Bolsonaro para o dia de hoje deve ser repleta de encontros; candidato do PSL...

Mulher30 minutos atrás

Corrimento vaginal muda com uma IST? Como isso afeta o sexo? Delas responde

Quando uma pessoa contrai uma IST (Infecção Sexualmente transmissível), sua vida pode mudar de diferentes formas. Uma leitora do Delas...

Polícia Federal54 minutos atrás

Operação Rota do Ouro investiga mercado ilegal de ouro em Tocantins

Palmas/TO – A Polícia Federal deflagrou nessa manhã (23) a Operação Rota do Ouro, com o objetivo de desarticular suposto...

Esportes54 minutos atrás

LeBron vai de herói a vilão e tem seu pior início de temporada na NBA em 14 anos

NBA Photo Erro de LeBron James custou vitória do Los Angeles Lakers na NBA; já são três derrotas em três...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

Mais Lidas da Semana