conecte-se conosco



São Mateus

Erro Grotesco | paciente de alta de Covid é enviado por hospital particular a hospital do SUS

Publicado

em

Reprodução: Internet

 

Depois de passar sete dias internado, seis deles na UTI do Hospital Meridional de São Mateus, o paciente C. S., 48 anos, que deveria ter recebido alta, teve que passar o constrangimento de ser transferido para o Hospital Geral de Linhares, onde deu entrada sem nenhuma documentação pessoal, e precisar que sua família, residente em Barra de São Francisco, na região Noroeste do Estado, fosse busca-lo no meio da noite da última segunda-feira (21).

G. M., sobrinha do paciente, trabalha numa empresa em Barra de São Francisco e contou que, quando chegou ao hospital em Linhares, para busca-lo, o tio estava aos prantos, porque sua expectativa, como havia sido informado pelo médico em São Mateus, na noite de domingo, era de ter alta na segunda-feira.

“Depois de tanto sofrimento, a pessoa ainda tem que passar por mais essa dor moral. Ainda estamos avaliando se entraremos na Justiça contra o hospital de São Mateus pedindo indenização por danos morais e materiais. Isso não tem nenhuma relação com a qualidade do atendimento do ponto de vista médico. Foram extremamente humanos e competentes, mas houve um erro muito grave na parte administrativa. Meu tio mesmo disse que, se pudesse voltaria lá, para agradecer a cada enfermeiro e médico o cuidado com ele”, disse a sobrinha.

TRAGÉDIA FAMILIAR
A família está muito abalada, porque no sábado um outro cunhado de C. S., de quem eles supõem que ele tenha contraído o novo coronavírus, morreu em outro hospital, em Governador Valadares (MG), com a doença, depois de ter sido diagnosticado com a Covid-1i em Mantena, cidade vizinha a Barra de São Francisco.

Ainda muito cansado e estressado com a situação, C. S. foi poupado pela reportagem de ser ouvido, mas a sobrinha confirmou todas as informações levantadas pelo site. De acordo com fontes ouvidas pela reportagem, a responsabilidade pelo erro é do hospital particular, porque é quem fez a reserva no Hospital Geral de Linhares.

“Quando o médico de Linhares chegou e viu os exames de meu tio, só falou assim: o que você está fazendo aqui?

Você não tem nada, você é paciente de alta”, disse a sobrinha. Foi quando ela recebeu um contato da assistência social do Hospital Geral dando a informação de que poderiam busca-lo, se tivessem condições. “Ela me falou que, se não pudéssemos ir naquele horário, ele ficaria lá, porque não poderia ser despejado. Mas meu tio estava chorando muito e resolvemos busca-lo e ele chegou em casa às 5 horas da manhã”, disse ela.

O paciente passou mal em Barra de São Francisco, foi levado ao Hospital Dr Alceu Melgaço Filho, onde uma tomografia constatou que seu pulmão já estaria 50% comprometido. Feito o teste de Covid-19, deu positivo. Então, C. S. foi transferido pela Central de Vagas para o Meridional de São Mateus.

Na noite de segunda-feira, às 21h53, uma assistente social informou à sobrinha dele que C. S. estava internado em Linhares e ninguém entendeu nada. Menos de uma hora depois houve o comunicado de que ele não tinha mais nada e estava de alta. “Era feriado em São Mateus e não conseguimos falar com o hospital de lá durante todo o dia. Foi uma surpresa e uma irresponsabilidade muito grande. Linhares fica longe e tivemos que correr risco à noite na estrada para viajar mais de 400 quilômetros ida e volta para buscá-lo”, disse a sobrinha.

G. ainda comentou que ficou pensando se fosse uma pessoa que morasse na roça, onde os contatos são mais difíceis: “Como é que seria? Ele estava sem documento nenhum, doido para sair logo do hospital. Já pensou o que seria se morássemos no interior e não houvesse essa possibilidade de contato fácil? E se fosse alguém que não tivesse recurso para buscar? Tudo isso é preciso se questionar nessa hora”

Comentários do Facebook

São Mateus

Petrocity | Porto está garantido para São Mateus; vídeo

Publicado

em

 

Empresa faz boletim de ocorrência e pede à Polícia Federal para apurar fake news distribuída na cidade sobre mudança de local de investimento

Uma fake news que circulou nas redes sociais durante esta semana em São Mateus obrigou a diretoria da Petrocity Portos S.A. a mudar o foco das ações objetivas voltadas ao projeto em si e dedicar-se a combater a notícia falsa que dava conta de que a empresa estaria cogitando mudar o local da instalação do porto de Urussuquara para o território de Linhares.

Imagem veiculada nos últimos dias nas redes sociais. Divulgação

“Mentira. Não existe nada a este respeito e ninguém da diretoria falou nada”, foi taxativo o CEO da Petrocity, José Roberto Barbosa da Silva, que gravou um vídeo (assista abaixo) e distribuiu por aplicativo de mensagens desmentindo a falsa informação. O executivo também registrou um boletim de ocorrência na Delegacia de Polícia de São Mateus e disse que pedirá à Polícia Federal que apure e puna quem distribuiu a Fake news.

“Esse tipo de informação é crime, tipificado em lei. Estamos colocando nosso jurídico para cuidar do assunto, mas posso assegurar que não existe nada a este respeito. Estamos cuidando de todos os detalhes, já temos diversas licenças para projetos do condomínio porto-industrial, temos a área portuária aprovada em Brasília, o PDM definindo também o empreendimento e estamos cuidando da licença ambiental para o porto propriamente dito”, disse José Roberto.


Leia também:
Petrocity | termelétrica entra com pedido de licença no Ibama
Navios da PetroCity ficam prontos em menos de três anos
PETROCITY | construção de dois navios na Bahia vai gerar 750 empregos


Outro aspecto abordado pelo CEO da Petrocity no vídeo é que a área destinada ao porto é da própria empresa e que, até por isso, a notícia falsa não faz o menor sentido. “Temos recebido todo apoio de Brasília e também dos poderes municipais, da Prefeitura e da Câmara. Não existe nada disso. A Petrocity é uma sociedade anônima privada e não tem compromissos com processos eleitorais e nem com grupos políticos. Nosso compromisso é com os acionistas. O projeto está definido para São Mateus e será implantado em São Mateus”, assegurou.

VEJA O VÍDEO DA PETROCITY

Comentários do Facebook
Continue lendo
Entretenimento2 minutos atrás

Helen Ganzarolli agita web com seios enormes em vídeo

Helen Ganzarolli costuma usar suas redes para interagir com fãs e divulgar seus cliques quentíssimos. A famosa, por meio de um vídeo postado...

Internacional4 minutos atrás

Papa Francisco é alertado sobre contato com arcebispo infectado com Covid-19

Reprodução/Vatican News Pontífice de 83 anos teve contato com arcebispo que contraiu a Covid-19 O Papa Francisco foi alertado por...

Entretenimento4 minutos atrás

Kafé lança álbum acústico “Voz e Violão” com faixas acompanhadas de clipe

Redação Kafé lança álbum acústico “Voz e Violão” com faixas acompanhadas de clipe O cantor Kafé resolveu brindar seus fãs...

Economia4 minutos atrás

Mitsubishi paralisa os planos do SpaceJet

Guilherme Dotto Mitsubishi paralisa os planos do SpaceJet Em um futuro bem próximo, a Mitsubishi deve anunciar uma nova estratégia...

Entretenimento6 minutos atrás

VÍDEO | Paolla Oliveira esbanja bumbum e corpaço de roupa íntima

Paolla Oliveira sempre encanta os seus seguidores e, no ar na reprise de “A Força do Querer”, a beldade roubou a...

Saúde19 minutos atrás

Covid-19: Brasil tem 5,35 milhões de casos e 156,4 mil mortes

O número de pessoas infectadas com o novo coronavírus desde o início da pandemia chegou a 5.353.656 no Brasil. Nas...

Economia19 minutos atrás

Imposto sobre herança: operação em SP vasculha transações acima de R$ 2,5 mi

Pixabay/Reprodução Operação Antares quer arrecadar cerca de R$ 10 milhões em Imposto de Transmissão Causa Mortis e Doação (ITCMD) não...

São Mateus

Regional

Estadual

Nacional

Policial

ENTRETENIMENTO

POLÍTICA

Esportes

Mais Lidas da Semana

error: O conteúdo está protegido !!